Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right As canções de Natal favoritas de Gisela João
gisela joão
©Estelle Valente

As canções de Natal favoritas de Gisela João

Gisela João vai passar três dias a cantar canções de Natal no CCB. Pedimos-lhe para escolher as suas favoritas

Por Luís Filipe Rodrigues
Publicidade

Tudo começou com um convite. Ou melhor, um desafio. O CCB queria que a fadista Gisela João emprestasse a sua voz ao songbook americano. Ela aceitou. “Mas depois quando saio da reunião e estou em casa a pensar apercebo-me que as datas são no Natal”, recorda. “Então quis assumir mesmo isso, que era um concerto de Natal.”

Vamos ouvi-la a cantar essas canções natalinas entre quinta e sábado, no CCB. Com ela, em palco, estará um trio de jazz – Luís Figueiredo (piano e arranjos), Bernardo Moreira (contrabaixo) e Alexandre Frazão (bateria) – e a Orquestra Filarmonia das Beiras, com o maestro António Vassalo Lourenço. “Estou nervosa, porque são 50 pessoas em palco comigo”, confessa. “Mas são uns nervos saudáveis.”

Quando se lhe pergunta se vai cantar esta ou aquela canção, ela devolve uma não-resposta, sempre com um sorriso nos lábios: “Estás a querer saber tanto como a filha mais velha dos meus pais.” Mas aceita, de bom grado, escolher dez canções de Natal que mexem com ela (alguns dias mais tarde descobrimos que escolheu só nove.)

Recomendado: Natal em Lisboa

As canções de Natal favoritas de Gisela João

“Silent Night”

“Em Barcelos, onde cresci, durante a época natalícia, há música pela cidade toda. Vais na rua e ouves as colunas a passarem músicas como o ‘Silent Night’. Deixa-me sempre muito emocionada, porque lembro-me do Nat King Cole, do Sinatra e esses monstros todos a cantá-la.”

“Rockin’ Around The Christmas Tree”

“É uma canção alegre, que descreve um bocadinho o Natal de toda a gente. Aquele burburinho, toda a gente de pé, à volta da mesa, e alguém a dizer: ‘Ai traz o prato, ai faz isto, ai agora arranja aquilo’. O Natal é isso.”

Publicidade

“The Nearness of You”

“Não é propriamente uma canção de Natal, mas leva-me muito para esta quadra. Porque o Natal é muito mais do que o lado consumista da coisa, e até do que a parte da religião. O espírito do Natal é outra coisa, diferente. É ter cuidado com o outro, é dar atenção ao próximo. E esta música cabe nesse espectro.”

“O Holy Night”

“Choro sempre que oiço esta canção. A versão de que mais gosto é a do Nat King Cole. Adoro a maneira como ele diz as palavras, a interpretação dele. Fico mesmo emocionada.”

Publicidade

“Last Christmas”

“Sou uma miúda dos anos 80 e levei com esta música em força, porque a minha mãe a ouvia em casa. Fez parte do meu crescimento. É uma canção triste, mas tem um lado positivo. Deste o coração a uma pessoa e não resultou, mas aprendeste alguma coisa. Da próxima vez já sabes o que é que não podes fazer. Em vez de dares o coração, dás outra coisa.”

“Santa Claus Is Coming to Town”

“É o momento de que toda a gente está à espera em miúdo. Lembro-me que o meu tio Kiko vestia-se de Pai Natal e os meus primos e os meus irmãos ficavam loucos. Iam para a varanda ver se havia mesmo um trenó, se era mesmo verdade. E tinha que se inventar ali uma história. Era supercómico.”

Publicidade

“Nesta Noite Branca”

“Esta música nos anos 90 dava por todo o lado. Televisão, rádio, até na escola a malta a cantava. Éramos pequenitos e cantávamos Os Anjos [sorri].  Toda a gente tem um passado e este é o meu.”

“All I Want For Christmas Is You”

“Os americanos têm bastantes standards de Natal, que vêm de trás, mas acho que esta da Mariah Carey é das poucas canções mais recentes que já entrou para a história. Vai ficar para sempre, e quem achar o contrário está enganado.”

Publicidade

“Have Yourself a Merry Little Christmas”

“Acho isto muito querido, sabes? Dedicares assim uma canção a alguém. Era fixe que as pessoas fizessem isto todos os dias.”

Outros sons de Natal

Natal Diferente
©DR

Os melhores discos de Natal

Música

O Coro de Santo Amaro de Oeiras e o Michael Bublé não têm lugar nesta lista. Ainda assim, há clássicos como "Silent Night" ou "Joy to the World", pelas vozes e mãos de gente séria. Dos Beach Boys a Sufjan Stevens, passando por Phil Spector, entre outros.

a adoração de magi de  rogier van der weyden
©DR

10 discos para celebrar o Natal sem Jingle Bells

Música Clássica e ópera

Sim, a música natalícia que costuma assaltar-nos os ouvidos tende a ser adocicada, simplória e monótona, o que é tanto mais incompreensível por não faltarem excelentes alternativas. Seguem-se dez sugestões, colhidas ao longo de sete séculos.

Publicidade
Recomendado

    Também poderá gostar

      Publicidade