Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Almoçar à fresca nas esplanadas do Time Out Market Lisboa
Quiosque do Cais
DR Quiosque do Cais

Almoçar à fresca nas esplanadas do Time Out Market Lisboa

Quem diz almoçar diz jantar, lanchar ou beber um copo nas esplanadas do Time Out Market Lisboa. Ao todo são quatro e todas com ofertas diferentes

Por Editores da Time Out Lisboa
Publicidade

O Verão chegou, ainda que a pandemia nos faça esquecer de algumas das coisas boas da vida. Esplanadas são das melhores invenções para manter os níveis de convívio social em segurança e escusado será dizer que no Time Out Market não faltam boas opções – não é por acaso que passamos a vida a dizer que é o lugar que reúne o melhor da cidade. Há uma ala de chefs, muitos deles premiados com estrelas Michelin, e especialidades para todas as horas e todos os gostos, para todas as idades e até para todas as alergias e intolerâncias. Em dias quentes, opte por uma destas esplanadas, ideais para finais de tarde ou almoços prolongados. 

Recomendado: Time Out Market reabre com novo horário, cashless e com reservas

Almoçar à fresca nas esplanadas do Time Out Market Lisboa

Carangueijo de Casca mole da Marisqueira Azul
Carangueijo de Casca mole da Marisqueira Azul
Fotografia: Ana Luzia

Marisqueira Azul

Restaurantes Cais do Sodré

Esplanada com marisco e cerveja gelada é uma combinação bombástica em dias de calor, mas que calha bem em qualquer altura do ano. Seja um prato de amêijoas à Bulhão Pato, umas gambas do Algarve ou uns percebes das Berlengas, na Marisqueira Azul tudo é escolhido a dedo, ou não fosse este um dos melhores sítios para mariscadas em Lisboa. No fim peça o prego do lombo.  

surf snd turf
surf snd turf
Fotografia: Manuel Manso

O Surf & Turf

Restaurantes Cais do Sodré

O restaurante do chef Kiko no mercado junta no mesmo prato os melhores ingredientes do mar e da terra, no famoso “surf and turf”. Uma combinação que tem como bons exemplos o ceviche de peixe branco e pipocas de porco ou o polvo assado com chouriço. Para acompanhar peça um Moscotonic (Moscatel) ou um Portonic (Porto) e sente-se na esplanada para a refeição ser ainda mais memorável.

Publicidade
Manteigaria - Pasteis de Nata
Manteigaria - Pasteis de Nata
©DR

Manteigaria Time Out Market

Restaurantes Pastelarias Grande Lisboa

A única esplanada do Time Out Market virada para a Av. 24 de Julho, mesmo junto à porta principal do mercado, é esta da Manteigaria. Aqui, o corrupio para os melhores pastéis de nata da cidade costuma ser tão grande como na parte da loja que dá para o food hall. Mas deste lado, depois de pedir, pode e deve sentar-se na esplanada a apreciar este delicioso ícone da pastelaria portuguesa, acompanhado por um café ou um Porto.

quiosque do cais
quiosque do cais
Fotografia: Arlindo Camacho

Quiosque do Mercado

Restaurantes Cafeteria Cais do Sodré

Mais conhecido como o “quiosque vermelho do jardim ao lado do Mercado”, tem uma óptima esplanada para dias de sol, que também está preparada para intempéries. Serve imperiais, cocktails, piadinas, tostas aparadas e um brunch todos os dias das 09.00 às 15.00. É perfeita para pais que querem ter as crianças debaixo de olho a brincar no parque infantil mesmo ao lado.

O melhor do Time Out Market

Time Out Market
©Duarte Drago

O melhor da cidade debaixo do mesmo tecto: os restaurantes do Time Out Market Lisboa

Restaurantes

Uma revista que se come. Consegue imaginar uma coisa assim? O Time Out Market Lisboa, no Cais do Sodré, é a revista Time Out Lisboa em 3D, para comer e beber em vez de ler. Para não se perder entre balcões e restaurantes, fazemos-lhe uma visita guiada pelo espaço que reúne o melhor da cidade debaixo do mesmo tecto. Há uma ala de chefs, muitos deles premiados com estrelas Michelin, e especialidades para todas as horas e todos os gostos, para todas as idades e até para todas as alergias e intolerâncias.

Time Out Market - O Prego da Peixaria
Inês Félix

Três receitas do Time Out Market Lisboa fáceis de fazer em casa

Restaurantes

Dentro do Time Out Market há uma escola de cozinha para aprender a fazer pratos de várias gastronomias, mas se ficou com a pulga atrás da orelha quando foi comer a um dos restaurantes do food court e até dá dá um pezinho na cozinha lá de casa, descubra aqui três receitas fáceis (relativamente, vá) de fazer em casa. Comece pelos croquetes de queijo de cabra e cebola caramelizada da Croqueteria, seguir para o bife tártaro asiático da Tartar-ia, e acabar com um dos pregos clássicos do Prego da Peixaria.

Recomendado

    Também poderá gostar

      Publicidade