Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Os melhores sítios para comer guacamole em Lisboa

Os melhores sítios para comer guacamole em Lisboa

Ponha o sombrero, prepare o espanhol e faça-se à estrada na direcção destes sítios para comer guacamole em Lisboa

Publicidade
El Taco Chingón
©Inês Félix

Abacate, sumo de lima, tomate, cebola e coentros. A base do guacamole é simples, só tem ingredientes que se encontram ao virar da esquina se bem que encontrar abacates dos bons pode não ser tarefa fácil. Ainda assim há um certo equilíbrio de sabores que convém acertar para fazer um bom guacamole. É uma entrada rápida, fresca e boa tanto para jantares em casa como nos restaurantes mexicanos em Lisboa, antes de se atirar aos pratos principais, por norma picantes. Também pode ir intervalando tacos e burritos com uma tortilha mergulhada em guacamole. É só escolher onde ir.

Recomendado: Os melhores restaurantes mexicanos em Lisboa

Sítios para comer guacamole em Lisboa

taqueria patrón
Fotografia: Manuel Manso
Restaurantes, Mexicano

Taquería Patrón

Bairro Alto

A especialidade são os tacos, como o nome deixa adivinhar, mas para acompanhar os cocktails que há nesta casa mexicana, para abrir a refeição ou para ter desculpa para ficar a observar transeuntes no Bairro Alto, há um guacamole servido com nachos. Quem o prepara é Carlos Mañe, mexicano de gema.

Preço: 4,50€

Fauna & Flora
Fotografia: Arlindo Camacho
Restaurantes, Português

Fauna & Flora

Estrela/Lapa/Santos

De latino-americano o Fauna & Flora tem pouco, mas tem tudo o que assenta bem num brunch ou naquelas horas em que já se comia qualquer coisinha. O guacamole vem servido com palitos de vegetais e está na secção dos dips e snacks juntamente com um baba ganoush e com um hummus cor-de-rosa, feito com beterraba.

Preço: 4,50€

Publicidade
Las Ficheras
Fotografia: Ana Luzia
Restaurantes, Mexicano

Las Ficheras

Cais do Sodré

Abacate esmagado, sumo de lima, tomate, cebola, malagueta e coentros. Tudo o que um guacamole legítimo pode querer e ainda uns totopos para acompanhar – isto é, umas tiras de tortilhas de milho crocantes. É a maneira mais natural de começar a refeição no Las Ficheras, antes de seguir depois para uns tacos, quesadillas ou enchiladas.


Preço: 6,60€

El Taco Chingón
©Inês Félix
Restaurantes, Mexicano

El Taco Chingón

Grande Lisboa

Pedro Leitão começou o projecto El Taco Chingon numa vertente de chef ao domicílio em 2017. Entretanto ganhou poiso fixo num restaurante perto da Alameda, onde tem potinhos de guacamole para começar a refeição, com triângulos de tortilhas fritas. Nas entradas tem também o pico de gallo (3,50€) ou o frijol refrito (3,50€, puré de feijão frito). Atire-se, depois, aos tacos e às margaritas.

Preço: 3,50€

Publicidade
Paco Bigotes
©Manuel Manso
Restaurantes, Mexicano

Paco Bigotes

Cascais

No Paco Bigotes, em São Pedro do Estoril, serve-se comida mexicana autêntica. Há botanas para partilhar, ceviches, tostadas, clássicos tacos, margaritas e shots de mezcal. Mas, para começar, não abdique do guacamole fresco, feito no momento e acompanhado com totopos e chips de batata doce.

Preço: 5€

Crack Kids, Taco Shop #1
Fotografia: Duarte Drago
Restaurantes, Mexicano

Taco Shop #1

Cais do Sodré

O Pistola y Corazón tem na Crack Kids um irmão mais novo, a Taco Shop #1, uma taqueria com menos filas que a primeira (ainda), mais discreta, mas com tacos incríveis. Enquanto esses e os slushies, as bebidas a não perder, não chegam à mesa, peça o guacamole com totopos.

Preço: 4,50€

Publicidade
Avocado House
©Manuel Manso
Restaurantes

Avocado House

Estrela/Lapa/Santos

Num restaurante onde todos os pratos levam abacate, das panquecas ao hambúrguer (e onde dá bem para actualizar as suas redes sociais), não podia faltar o guacamole. Está na categoria dos "dips&snacks", chama-se avo nachos, e é uma bela taça de guacamole com tortilhas de milho. 

Preço: 4,50€

Coyo Taco
©Duarte Drago
Restaurantes, Mexicano

Coyo Taco

Chiado/Cais do Sodré

O Coyo Taco é uma cadeia que nasceu em Miami pela mão de três amigos e chegou a Portugal com a chancela Multifood. Enquanto vai decidindo o que comer (aconselhamos os tacos de carnitas de pato, o conchinita pibil ou as bowls de burrito), prove o guacamole, feito com abacate hass, coentros, pico de gallo e acompanhado por chips de tortilha, feitas no restaurante de maneira artesanal. Há uma tacinha em versão mini para quem só quer petiscar (3€) e outra maior.

Preço: 8€

Publicidade
Chérie Paloma
©Manuel Manso
Restaurantes, Mexicano

Chérie Paloma

Santos

Os donos do minimalista Dear Breakfast abriram um segundo espaço na cidade em Dezembro de 2018, o Chérie Paloma, um café-restaurante mexicano para todas as horas do dia, com ritmos mais latinos. Há sempre guacamole, um príncipio de refeição seguro, seja para se aventurar no brunch mexicano, num almoço ou lanche de petiscos ou numa jantarada. É servido com tortilhas de milho.

Preço: 7€

Lisboa saudável

Cherie Paloma - Huevos Rancheros
©Manuel Manso
Restaurantes

Três sítios para comer “huevos rancheros”

Um prato com ovos entra logo à partida na categoria de comfort food. Estes não são típicos portugueses mas entram já em vantagem nessa lista. Aconchegam qualquer estômago, quer decida comê-los ao pequeno-almoço, como se faz no México – de onde vem a receita original –, quer os coma a qualquer outra hora do dia. À tortilha de milho que serve de base juntam-se os ovos fritos, cobertos com molho de tomate picante (cujo grau pode variar e fazê-lo gritar Arriva Mexico!). A acompanhar estão habitualmente o feijão, o arroz mexicano ou fatias de abacate, a colorir e a dar pujança ao prato. 

tacos do soi
Fotografia: Manuel Manso
Restaurantes

Onde comer os melhores tacos em Lisboa

Tacadas destas, tudo bem. Lançámo-nos numa empreitada à procura dos restaurantes, não necessariamente mexicanos, onde comer os melhores tacos em Lisboa – como entradinha ou para uma barrigada como deve ser. Estes 14 estão todos taco a taco: há os mais puristas, feitos como mandam as típicas receitas mexicanas, com as tortilhas de milho recheadas com carne de porco cozinhada lentamente e carregadinhos de picante (aqui tome atenção à indicação da malagueta), a interpretações mais exóticas, com influências indianas, como os de borrego com caril, ou asiáticas. Há por aqui também alguns com sabores bem portugueses. Se preferir nem se mexer do lugar, damos-lhe ainda uma opção de tacos em casa, onde só lhe ficam a faltar os mariachi.  

Publicidade
El Bulo
Fotografia: Arlindo Camacho
Restaurantes

Os melhores restaurantes latino-americanos em Lisboa

Não sabe onde comer causas, tacos, moquecas, ceviches, empanadas e guacamole na cidade? Atravessámos o Atlântico sem sair de Lisboa para lhe apresentar os melhores restaurantes latino-americanos em Lisboa. Para escorregar melhor, pode escolher entre mojitos, pisco sours, caipirinhas e margaritas. Mantenha um copo de água por perto, que a coisa pode aquecer.

You may also like

    Publicidade