Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Cinco sítios secretos em Madrid que vai gostar de descobrir

Atenção, continuamos a tentar dar-lhe a informação mais actualizada. Mas os tempos são instáveis, por isso confirme sempre antes de sair de casa.

El Jardín Secreto de Salvador Bachiller
©Ivan Moreno

Cinco sítios secretos em Madrid que vai gostar de descobrir

As melhores pérolas na capital do país vizinho. Há muito para ver fora do habitual roteiro turístico

Por Marta Bac
Publicidade

Há muitas coisas para fazer em Madrid que se descobrem facilmente, mas a cidade também esconde alguns segredos que só quem lhe conhece bem os cantos e recantos sabe identificar. Até agora, descobrimos um restaurante com areia da praia no meio de Malasaña e um charmoso jardim num telhado a poucos passos das Portas do Sol. Mas há mais. Siga o roteiro na Time Out Madrid e descubra o lado menos conhecido da capital espanhola. Fora dos grandes roteiros e, com sorte, longe da azáfama de turistas, eis cinco sítios secretos em Madrid que vai gostar de descobrir. Boa viagem.

Recomendado: Os dez lugares mais bonitos de Madrid

Segredos de Madrid

Ojala Madrid
Ojala Madrid
DR

Praia em Madrid? Sííí!!!

Bem no centro do bairro de Malasaña há uma praia, com um bar de praia e tudo, onde se pode abrigar no frio do inverno. O piso inferior do restaurante Ojalá é um chill-out improvisado para deixar a Península Ibérica orgulhosa – um local perfeito para beber umas cervejas com os amigos e relaxar nas mesas baixas com almofadas, rodeadas de uma luz ténue. É aconchegante e exótico ao mesmo tempo. E o menu apresenta verdadeiras pérolas culinárias.

Jardín del Museo Sorolla
Jardín del Museo Sorolla
© José Luis RSD

O Jardim do pintor

Joaquín Sorolla foi um verdadeiro defensor do luminismo, a celebração da luz. Recentemente restaurado, o pequeno e adorável museu Sorolla está localizado numa mansão que o artista construiu em 1910 para passar os anos. Hoje, 250 obras estão em exibição no seu antigo estúdio no andar principal. A sala de estar, a sala de refeições e a área de pequeno-almoço mantêm sua decoração original para que se possa admirar a influência decorativa eclética de Sorolla. Um dos maiores atrativos é o jardim com inspiração muçulmana que também apresenta uma pérgula de estilo italiano, sendo um oásis de tranquilidade para visitar quando precisar de descansar da cidade grande.

Paseo del General Mar tínez Campos, 37, Madrid. Bilhete: 2,40€

 

Publicidade

O restaurante mais antigo do mundo

Embora muitos moradores de lá não o saibam, o restaurante mais antigo do mundo fica em La Latina, perto da Plaza Mayor. A Casa Botín (também conhecida como El Sobrino de Botín) foi fundada em 1725 pelo francês Jean Botin, embora mais tarde tenha passado para a família González Martín. Da cozinha saem grandes assados, incluindo o antigo favorito espanhol, ‘cochinillo’ (leitão). O cordero também é soberbo, assim como as almejas (amêijoas). A lista de clientes deste estabelecimento de quase 300 anos incluem turistas que procuram cozinha espanhola autêntica e celebridades como Ernest Hemingway e Truman Capote.

Cuchilleros, 17, Madrid. Preço médio: 35€


Medias Puri
Medias Puri
©Lighuen Desanto

Clube clandestino numa retrosaria

À primeira vista Puri é só a dona de mais uma loja na cidade, no caso uma retrosaria. E isto seria tudo normal não fosse o facto de a Medias Madrid esconder um dos clubes clandestinos mais procurados por curiosos. E para quem duvidava da existência de sítios destes no mundo de hoje, importa dizer que o Medias foi desenhado a régua e esquadro. No piso térreo encontra uma loja clássica de bairro, e na cave um espaço irresistivelmente ilegal com capacidade para mil pessoas fazerem a festa.

Plaza de Tirso Molina

 

Publicidade
Jardin Secreto Salvador Bachiller
Jardin Secreto Salvador Bachiller

Um oásis no telhado

Entre a inundação de turistas, prostitutas e compradores de ouro numa das ruas mais centrais de Madrid encontra-se um pequeno oásis urbano para relaxar da agitação da cidade. Uma sala de chá saída directamente de um conto de fadas esconde-se no último piso da loja de Salvador Bachiller, e é um poiso perfeito para tomar um café ou o pequeno-almoço, para almoçar uma coisa leve e para fechar o dia de trabalho de bebida na mão.
Calle Montera

 

Mais dicas de viagem

O que fazer em Londres, da comida ao buzz da cidade

Viagens

Para 2021, está prevista a abertura de um Time Out Market em Londres, um novo ponto de encontro para os amantes de comida e cultura em Watterloo, no coração da cidade e no popular bairro de South Bank. Mas, enquanto a novidade não avança, Caroline McGinn guia-o pelas cinco coisas que tem de fazer em Londres, desde a cultura gastronómica à oferta cultural.

O que fazer em Barcelona numa viagem rápida

Viagens

Nesta lista, María José Gómez dá-lhe cinco dicas sobre o que fazer em Barcelona, mas a lista completa contempla 50 paragens obrigatórias. Para além da Rambla, a rua mais famosa de Barcelona, desde a Praça da Catalunha, centro nevrálgico da cidade, até Port Vell, recomenda-se ainda o bairro que mais combina presente e passado e os melhores sítios para beber vermute, uma bebida alcoólica à base de vinho, com adição de flores ou ervas aromáticas. 

Publicidade
Downtown Miami
Photograph: Shutterstock

O que fazer em Miami, sempre de copo na mão

Viagens

Nesta lista, Virginia Gil, editora na Time Out Miami, guia-o pelas cinco coisas que tem de fazer em Miami, famosa pelas suas praias e pelo clima quente durante o ano inteiro. A cidade é também conhecida por ter uma grande comunidade cubana, principalmente concentrada na Little Havana. Mas há muito mais para descobrir, desde os lugares perfeitos para relaxar ao melhor roteiro de arte ou compras. 

Recomendado

    Também poderá gostar

      Publicidade