Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right As melhores retrosarias e lojas de tecidos em Lisboa
Avenida 7
Duarte Drago

As melhores retrosarias e lojas de tecidos em Lisboa

Se mergulhou no mundo do corta e cose, saiba onde pode comprar tecidos e apetrechos para se atirar às agulhas

Por Francisca Dias Real
Publicidade

Se chegou até si a agulha e não afastou o seu dedal, então é porque mergulhou à séria no universo do corte e costura. Agora, tal como daquelas vezes em que preparava o regresso à escola, vai precisar de fazer uma lista: antes de se atirar às agulhas há toda uma panóplia de material que precisa de ter, seja iniciante ou profissional na coisa. Linhas, lãs, fechos, botões, agulhas, tesouras, molas, máquinas de costura, dedais, é um sem-fim de bugigangas. E depois precisa da matéria-prima, que é como quem diz os tecidos – e esses dão pano para mangas (e mais qualquer coisita, vá). Descubra onde se pode abastecer de tudo o que seja retrosaria e onde estãos as melhores lojas de tecidos em Lisboa.

Recomendado: Os melhores cursos e escolas de costura em Lisboa

Uma foto da Time Out Magazine

A Time In Portugal já está disponível

Pode ler a última edição no conforto do seu sofá

Ler a revista

As melhores retrosarias e lojas de tecidos

Vidal Tecidos
Vidal Tecidos
©Vidal Tecidos/Facebbok

Vidal Tecidos

Compras Campo de Ourique

Em Campo de Ourique as lojas de tecidos ocupam uma boa parte do território deste bairro e nesse lote inclui-se a Vidal Tecidos, onde reinam o chintz, tecido de algodão estampado com acabamento vidrado, o veludo, o gobelin, tecidos jacquard, sedas, linhos e algodões. A loja de  500 m2 acompanha as tendências de cada estação e até tem uma linha prestige, com criações têxteis de designers internacionais.

MARQUES & SEQUEIRA
MARQUES & SEQUEIRA
©Marques & Sequeira/Facebook

Marques & Sequeira

Compras Santa Maria Maior

Aberta há 91 anos, escondida num segundo andar, a Marques & Sequeira continua firme com o seu armazém de tecidos – onde vencem os algodões e os têxteis para fatos de homem –, acessórios de confecção e retrosaria de toda a espécie. À porta da loja histórica batem figuras como Dino Alves, Filipe Faísca ou a dupla Alves/Gonçalves, designers portugueses que procuram a qualidade do material que aqui sempre encontraram.

Publicidade
Avenida 7
Avenida 7
Duarte Drago

Avenida 7

Compras Areeiro/Alameda

Longos canudos com tecidos coloridos fazem as maravilhas de quem entra nesta loja da Avenida de Roma, um negócio de família que assim se mantém há já muitos anos, quase como um segredo para o sucesso. “Temos o cuidado de procurar sempre tecidos de alta qualidade, para nos diferenciarmos, e viajamos muito à procura de peças originais”, diz Ricardo Ferreira, responsável pela loja de Lisboa – que se junta à de Leiria, a mais antiga, Coimbra e Porto. A loja é visitada por designers de moda nacionais que procuram “um ou outro tecido único” ou então “apenas inspiração”, diz-nos. Dificilmente encontrará por lá tecidos de polyester, preferem apostar nos orgânicos.

Alfaiataria Piccadilly
Alfaiataria Piccadilly
©DR

Londres Salão

Compras Baixa Pombalina

Sedas naturais, lãs, algodões, piquet e lantejoulas. O tecido a metro ganha outra vida no Londres Salão, casa fundada em 1950, no espaço anteriormente ocupado por uma alfaiataria inspirada nos espaços congéneres de Piccadilly. É daqueles destinos de interesse público, devidamente classificado como Loja com História.

Publicidade
Pra Kriar
Pra Kriar
©Pra Kriar/Facebook

Pra Kriar

Compras Campo de Ourique

Nesta retrosaria não se brinca em serviço na hora de escolher o leque de materiais para começar a costurar – ela é linhas, elásticos, tesouras, agulhas, botões de todas as nações e feitios, têxteis para patchwork e até tecidos, sempre  algodão. Mas além das ferramentas, ainda ensinam como pôr em prática com aulas livres de costura todas as quartas, sextas e sábados (10.30-13.30 ou 14.30-17.30; 80€ quatro aulas), com acompanhamento individual de cada aluno. E olhe que “há muita gente jovem no corte e costura”, diz-nos quem lá trabalha.

Armazens do Minho
Armazens do Minho
©Armazens do Minho/Facebook

Armazéns do Minho

Compras Alvalade

Joaquim António Veloso, que nasceu na freguesia minhota de Póvoa de Lanhoso, fez nascer em tom de homenagem à sua terra os Armazéns do Minho, em 1954, na Rua José Duro. Desde sempre que a loja se dedica aos tecidos e peças de enxoval, e até há quem escreva em comentários no site da loja que esta “tem quase tudo como na farmácia, mas em têxteis”.

Publicidade
companhia das agulhas
companhia das agulhas
Manuel Manso

Botilã

Compras Baixa Pombalina

Anabela Ramos trabalha há  anos na Botilã e já passou por tudo nesta retrosaria. Antigamente a clientela habitual fazia as honras da casa, mas cada vez mais, diz, “há juventude a investir tempo a costurar e em cursos de moda, por isso temos sempre caras novas aqui”. Tecidos de patchwork, linhas, agulhas e botões enchem o stock desta loja no Rossio.

Retrosaria Rosa Pomar
Retrosaria Rosa Pomar
©DR

Retrosaria Rosa Pomar

Compras Chiado

A loja de Rosa Pomar é dedicada à venda de tecidos, todos eles em fibras naturais, lãs e todo o outro universo de apetrechos para a arte do tricot ou da costura. E não faltam cursos e workshops por onde escolher, desde o bordado ao macramé, passando por um workshop de iniciação à costura. Vá espreitando o calendário dos cursos no Facebook ou no site da retrosaria.

Publicidade
nomalism
nomalism
©nomalism/Facebook

Nomalism

Compras Campo de Ourique

Mais do que uma loja, a Nomalism assume-se como um estúdio têxtil familiar no coração de Campo de Ourique, com uma forte aposta em tecidos de luxo que também pode encomendar através do site. Além de poder lá comprar tecidos, a loja disponibiliza serviços de estofos, confecção de cortinas e papel de parede. Enfim, é outro nível.

Mais para comprar

Superbotânica
Fotografia: Manuel Manso

Os melhores sítios para comprar plantas em Lisboa

Compras

Estes sítios reúnem alguns dos mais raros exemplares da natureza aos mais simples e vulgares. Saiba, no entanto, que é preciso ter atenção à espécie para poder adaptá-la ao ambiente – coisas que um especialista lhe vai explicar certamente. 

Louie Louie
©Manuel Manso

Dez lojas para comprar discos de vinil em Lisboa

Compras

Uma visita a qualquer uma destas lojas é sempre um motivo para se perder entre discos e, nalguns casos, CDs. Independentemente do que escolher, amigos como dantes. Eis as melhores lojas para comprar discos de vinil em Lisboa. 

Recomendado

    Também poderá gostar

      Publicidade