A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Televisão, Série, The Halcyon
©Des WillieThe Halcyon de Charlotte Jones

"The Halcyon Hotel" é um microcosmo da sociedade inglesa dos anos 40

"The Halcyon Hotel" não inventa nada, mas vê-se bem. É televisão de manufactura profissional e reconfortante

Escrito por
Eurico de Barros
Publicidade

★★★☆☆

O tema das classes e das relações sociais está por todo o lado na literatura e no teatro ingleses, por isso era mais do que natural que se manifestasse também no cinema e na televisão. Downton Abbey não foi a primeira série em que isso aconteceu, e não será a última. Logo a seguir a esta criação de Julian Fellowes, e a Mr. Selfridge, apareceu The Halcyon Hotel, passada no hotel de luxo fictício de Londres com aquele nome, durante a II Guerra Mundial e muito especialmente no auge dos bombardeamentos alemães à cidade.

O hotel funciona como um microcosmo da sociedade inglesa da época, por onde circulam, se cruzam, se relacionam e entram em conflito membros de todos os estratos sociais, dos aristocráticos proprietários aos mais humildes membros do pessoal, bem como hóspedes, refugiados e os músicos da banda residente (Jamie Cullum faz uma aparição como vocalista e escreveu um tema para a série).

The Halcyon Hotel não quer inventar a pólvora, funcionando segura e correctamente dentro do seu modelo: concepção e interacção das personagens, fluência da escrita e dos diálogos, sentido da época, dos ambientes às mentalidades e comportamentos, média alta das interpretações. É televisão de manufactura profissional, para nos deixar confortáveis.

AXN White, Qua, 21.25.

Mais que ver

Publicidade
Publicidade
Recomendado
    Também poderá gostar
      Publicidade