Lisboa tem um lado burlesco

Na verdade, são dois. A Pensão Amor e o Clube Royale são as paragens obrigatórias para quem procura espectáculos de burlesco em Lisboa. Entre plumas, lantejoulas e tapa-mamilos, estas artistas têm o material todo

Fotografia: Arlindo CamachoLady Myosotis no Clube Royale

Pode não ser um roteiro extenso, mas tem estrelas suficientes para o entreter noites a fio. De copo na mão, sentado numa poltrona ou de pé do lado de fora da montra, assista aos melhores (e únicos) espectáculos de burlesco de Lisboa.

Lisboa tem um lado burlesco

Pensão Amor

Faltam duas horas para o espectáculo começar e a trupe Voix de Ville já se emperiquita no andar de cima. Enquanto colam as pestanas e põem os tapa-mamilos no sítio, as estrelas da Pensão Amor aproveitam para pôr a conversa em dia. Mais do que um espectáculo sensual, cada uma veste a personagem que melhor lhe assenta. Vanity Redfire é solista de serviço, nas primeiras quartas-feiras do mês. Um postal vindo de longe, cantado, dançado e bem dramatizado, em sintonia com os espectáculos de finais do século XIX e início de século XX. Miss Tea e Lily Blanche juntam-se com os seus números e habilidades. E como num cabaret que se preze, este quer-se vibrante, ao som dos blues mais atrevidos, mas também de aplausos, gritos, piropos e assobiadelas. O strip-tease faz sempre parte do pacote, mas em bom. No dia 4 de Março, estas e outras estrelas juntam-se no Cine Incrível, em Almada, para protagonizar o espectáculo Cabaret Gothique.

Ler mais
Cais do Sodré

Clube Royale

Uma vez por mês? Aqui, só tem de esperar até sexta-feira. Em cartaz, as grandes estrelas do burlesco lisboeta – Lady Myosotis (fundadora do Lisbon Underground Burlesque), Manu de La Roche e Veronique DiVine revezam-se para aquecer o serão. Cantam, dançam e despem, quase sempre ao som do piano. Além da boa forma física, há que dar mérito ao guarda-roupa, investimento de uma vida, quando não se quer andar sempre a repetir o modelito. Lingerie, plumas, corpetes, vestidos, saias, tapa-mamilos e, feitas as contas, a soma pode ultrapassar os mil euros num único figurino. Raras são as noites em que o espectáculo não começa na montra. Chama-se a clientela para mesa, seja para jantar ou para beber um cocktail xpto, e tira-se algum proveito do enquadramento da fachada. Se ficar com vontade de experimentar, estas estrelas partilham os truques todos. Volta e meia, o Clube Royale recebe workshops de burlesco, e olhe que têm fama de conseguir desinibir os mais acanhados.

Ler mais
Chiado/Cais do Sodré
Publicidade

Lisboa picante

Vai uma rapidinha?

Sugerimos-lhe seis motéis para uma rapidinha (alguns com garagem para entrar pela porta das traseiras, sem trocadilhos dignos de uma música pimba).    

Ler mais
Por Editores da Time Out Lisboa

As melhores sex shops em Lisboa

Não são sítios obscuros para visitar às escondidas ou com preconceitos. Para apimentar a relação com os últimos brinquedos ou para escolher uma lingerie arrojada, visite as melhores sex shops em Lisboa.

Ler mais
Por Inês Garcia
Publicidade

10 músicas para fazer sexo

Os tabus, por aqui, ficam à porta. Mas faça o favor de deixar as canções entrar. É que não tem jeito nenhum a música não ser a ideal num momento que se quer perfeito. Do rap, ao r&b e ao rock, há opções para todos os ritmos. 

Ler mais
Por Miguel Branco

Comentários

0 comments