Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Não precisa de check-in para estes brunches de hotel em Lisboa

Atenção, continuamos a tentar dar-lhe a informação mais actualizada. Mas os tempos são instáveis, por isso confirme sempre antes de sair de casa.

Myriad by Sana
©DR

Não precisa de check-in para estes brunches de hotel em Lisboa

Não precisa de pôr o despertador nem fazer check-in para aproveitar estes brunches de hotel em Lisboa.

Por Inês Garcia
Publicidade

O maravilhoso mundo dos pequenos-almoços de hotel é o antecessor dos brunches: mesas compridas com charcutaria e queijos, diversos pães e croissants, miniaturas de todos os doces que possa imaginar, fruta fresca, iogurte e cereais para uma bowl do it yourself. A diferença é que para aproveitar o brunch de hotel não precisa de pôr o despertador nem fazer check-in, é só chegar, sem malas, e de estômago vazio. Além de tudo isto, muitos têm estações de sushi, marisco, selecção de pratos e quentes. É uma barrigada para desfrutar à grande nestes brunches de hotel em Lisboa.

Recomendado: Os melhores novos brunches em Lisboa

Brunches de hotel em Lisboa

Sítio - Hotel Valverde

Restaurantes Português Avenida da Liberdade

Menu 19,50€ ou a la carte

É um oásis escondido no meio da Avenida, no piso -1 do Valverde Hotel. O menu de brunch, muitas vezes com música jazz ao vivo, começa com pães, croissants, charcutaria, compotas e manteigas. Depois vai ter de tomar decisões difíceis: ovos Benedict, iogurte grego ou panquecas de alfarroba? Salada de quinoa ou risoto à Sítio? A sobremesa pode ser um leite creme ou uma mais fresca salada de fruta com espuma de hortelã. Tudo acompanhado por uns suminhos detox, café, chá, leite ou cappuccino. Existem muitas opções também à carta e um menu especial para a pequenada.

Varanda do Ritz - Buffet
Varanda do Ritz - Buffet
©Janine Silva

Varanda do Ritz

Restaurantes São Sebastião

Menu 56€

O brunch de fim-de-semana do Ritz é um banquete de luxo digno de qualquer nobre. É um buffet sem fim à vista, distribuído por várias mesas e pela varanda nos tempos mais quentes. Tem uma zona com variedade de pães, queijos e charcutaria, salgadinhos, ovos a pedido, estação de marisco, ceviches e sushi e ainda nem começámos a falar nos pratos principais quentes, com zona de carvão, pratos de peixe e de carne. Guarde-se para a imponente mesa de doces.

Publicidade
Brunch no Pestana Palace
Brunch no Pestana Palace
Foto: Ana Luzia

Pestana Palace Lisboa

Hotéis Alcântara

Menu 35€

Já não se vai cruzar com Madonna, mas se este brunch palaciano de domingo era digno da rainha da pop, também é bom para si. Imagine um pequeno-almoço de hotel, com pães, croissants estaladiços, ovos, bacon, frutas frescas e sazonais. Tem isso tudo mas também ostras e outros bivalves para começar a refeição na mó de cima, sushi, marisco, pratos quentes, muitas opções de sobremesa, com pastelaria e gelados, e bebidas.

Cafetaria Mensagem - Altis Belém
Cafetaria Mensagem - Altis Belém
©DR

Cafetaria Mensagem - Altis Belém Hotel & Spa

Restaurantes Português Belém

Menu 39€

Foi um dos primeiros hotéis a servir brunch em Lisboa e mantém o formato buffet carregadinho de opções – é uma verdadeira almoçarada para se fazer em família, com pães e sanduíches, saladas quentes e frias, uma selecção de queijos e enchidos alargada, ovos, sopas e pratos quentes que vão variando. Tanto pode ter uma feijoada de choco como um bacalhau. Há sobremesas para finalizar tudo e bebidas quentes e frias.

Publicidade
O infame
O infame
Fotografia: Arlindo Camacho

Infame

Restaurantes Intendente

Menu 17€

Os brunches de Verão do Infame misturam influências britânicas e orientais, sem esquecer a opção vegetariana. Há o inglês The Brady Brunch, o mais exótico Korma Police e o vegetariano Kale-O-Ren, com sumo detox a acompanhar. A cada sugestão acrescem os pães com compotas, bebidas quente e fria e panquecas.


Sheraton Cascais Resort

Hotéis Hotéis de grandes cadeias Cascais

Menu 49€

O brunch domingueiro do Sheraton Cascais Resort é servido no restaurante Glass Terrace. Se o tempo ajudar, a esplanada com vista para a piscina convida a sentar para experimentar o chamado brunch buffet: a refeição começa com uma bebida de boas-vindas e a seguir há muito por onde escolher. Mesmo muito. Às já conhecidas opções de pequeno-almoço e almoço somam-se iguarias quentes e uma mesa de doces muito completa.

Publicidade
Epic Sana brunch
Epic Sana brunch
©DR

Flor-de-Lis – EPIC SANA Lisboa Hotel

Restaurantes Europeu Avenida da Liberdade/Príncipe Real

Menu 35€

O brunch do hotel Epic Sana é um daqueles que é perfeito para ir em família – há comida a pensar em todos os elementos da família e há até uma zona lounge só para miúdos com jogos de consola, pinturas faciais e até mini-workshops de cozinha com os chefs do hotel (crianças até aos cinco anos não pagam, e até aos 12 têm 50% de desconto). O banquete costuma ter música ao vivo e todos os clássicos do pequeno-almoço de hotel. Cresce para a categoria brunch com pratos frios, quentes, uma estação de sushi e um sem fim de sobremesas.

Myriad by Sana brunch
Myriad by Sana brunch
©DR

River Lounge – MYRIAD by SANA Hotels

Restaurantes Mediterrâneo Parque das Nações

Menu 44€

Aos sábados e domingos, das 12.30 às 15.30, o Myriad – o mesmo hotel que acolhe o Fifty Seconds de Martin Berasategui lá no topo – tem um brunch muito bem recheado. Há sushi, ostras, buffet de frios e quentes, selecção de pães e viennoiserie, fruta fresca, saladas e diversidade de bebidas.

Publicidade

Adlib

Restaurantes Português Avenida da Liberdade

À la carte

O restaurante AdLib agora serve brunch aos fins-de-semana (se estiver bom tempo, pode escolher sentar-se nas mesinhas da esplanada). Na carta há desde grande pequeno-almoço com pratos frios e quentes, variedade de ovos, wraps, sandes e muitos doces. Encontre por lá os ovos piquenique, escalfados com chouriço e molho hollandaise no topo de pão integral, ou os ibéria, escalfados com tomate e presunto, os bagel de salmão fumado ou o croque monsieur. Guarde um espacinho para a montra de doces, com banana split, waffles e vários tipos de panquecas. A acompanhar há batidos de fruta e sangrias.

Brunch Palácio do Governador
Brunch Palácio do Governador
Nuno Antunes

Ânfora

Restaurantes Português Belém

Menu 35€

Até ao final do Verão, o Ânfora, o restaurante do Nau Palácio do Governador, tem um programa de brunch com spa, para domingos mais relaxados. Pode chegar ao hotel por volta das 10.00 para o circuito de spa Felicitás – com piscina interior com duas cascatas, duche de tempestade das Caraíbas, banho turco, sauna e áreas de relaxamento variadas – e seguir para o brunch do Governador a partir das 12.30. Depois de descomprimir, sente-se então à mesa para provar o menu criado pela chef Vera Silva, bem completo: há sumos naturais e detox, chás quentes ou frios, café, iogurtes mas também espumantes, panquecas, pastelaria fina, pães para barrar ora com manteigas ora com compotas, mesas de queijos e enchidos. Para quem precisa mesmo de forrar o estômago, além de uma selecção de pratos frios, também há uma zona de quentes, com pratos mais compostos e até sopa. Se reservar este programa, tem ainda direito a 15% de desconto nos tratamentos de spa.

Publicidade
Booking.com

Real Palácio Hotel

Hotéis São Sebastião

Menu 22€

Aos fins-de-semana e feriados, o hotel Real Palácio tem um brunch daqueles que duram várias horas, tal a oferta gastronómica variada e as actividades para os mais pequenos (ora há workshops de colares de massinhas como de origamis, é só consultar a agenda no site do hotel). No banquete real vai encontrar scones, croissants, pães regionais, fruta laminada, compotas caseiras, ovos mexidos, bacon e salsichas, panquecas ou waffles. Todas as semanas há uma selecção de acepipes diferentes (pode calhar haver saladas de grão com bacalhau, de ovas, choquinhos de coentrada, torricados ou até ovos verdes) e uma estação de show cooking com massas e risotos feitos no momento. No canto dos doces vai encontrar bolo de chocolate, mousse de limão, leite creme, tarte de amêndoa, torta de laranja ou arroz doce.

As melhores opções para brunch em Lisboa

Ovos benedict da Tartine
Fotografia: Ana Luzia

Os melhores sítios para comer ovos Benedict em Lisboa

Restaurantes

Ovos são a estrela de qualquer brunch ou mesa de pequeno-almoço farta, sejam eles na versão estrelada, mexida ou escalfada. Os ovos Benedict, escalfados e banhados depois com molho holandês, vieram dos Estados Unidos e instalaram-se nos menus de uma série de restaurantes e cafés em Lisboa. Há dúvidas acerca da origem deste prato, mas a primeira receita que existe destes ovos é de 1894. Há uma data de variações dos ovos Benedict: os Florentine são com espinafres ao invés do tradicional fiambre, os Royal são com salmão fumado. São servidos em pão brioche (ou noutro tipo de pão, como o bolo do caco) e podem ser uma refeição completa. 

Panquecas do Stanislav
Duarte Drago

Os melhores sítios para comer panquecas em Lisboa

Restaurantes

Acha que a sua receita de panquecas é a melhor do mundo? Dê folga à frigideira lá de casa, rume a um destes cafés especialistas em pequenos-almoços e brunches e fique a conhecer boas panquecas, redondas, fofas, leves ou densas, mais altas ou mais baixas, das doces e carregadinhas de chocolate às novas versões fit, feitas com aveia e com muita fruta. Para um grande pequeno-almoço (olá brunch), um almoço diferente (que estas torres de panquecas são bom alimento para o resto do dia e existem até em versões salgadas) ou um lanche como deve ser. 

Publicidade
Brunch do Raffi's Bagels
Duarte Drago

Os melhores brunches em Lisboa

Restaurantes

De um momento para o outro apareceu a palavra brunch e com ela um maravilhoso mundo de possibilidades. Muito por culpa, também, de séries como O Sexo e a Cidade, com mimosas ao pequeno-almoço e mesas fartas. Este mundo novo tornou-se mais uma refeição normal, especialmente aos fins-de-semana em que não apetece ter horários para pequeno-almoço, almoço, lanche ou jantar. Entretanto deixaram também de haver regras: há quem prefira esta refeição com ovos Benedict, com torres de panquecas, à boa maneira americana, inglesa, mais ou menos saudável, com sumos naturais, batidos ou outras bebidas quentes. Reunimos todos e chegámos a esta lista dos melhores brunches em Lisboa, dos clássicos e económicos aos de luxo.

Recomendado

    Também poderá gostar

      Publicidade