Os novos restaurantes vegan em Lisboa

Sem carne, peixe, ovos, nem nada que tenha a ver com bichinhos. Estes são os novos restaurantes vegan em Lisboa
antigo talho do Manzarra
Fotografia: Manuel Manso Antigo Talho
Por Catarina Moura |
Publicidade

Carne, peixe, lacticínios, ovos... Nos melhores restaurantes vegan em Lisboa, alimentos de origem animal não entram. Descubra o que comer nestes espaços, mesmo que continue a ser um carnívoro inveterado.    

Os novos restaurantes vegan em Lisboa

Quintal de Santo Amaro
Fotografia: Arlindo Camacho
Restaurantes

Quintal de Santo Amaro

icon-location-pin Lisboa

Larissa Abbud come carne, mas chegou do Rio de Janeiro e abriu o Quintal de Santo Amaro com uma lunchbox diária (8€) e outras delícias vegan – das tostas floridas aos bolos e tartes cruas. Toda a comida é servida em embalagens biodegradáveis para levar, tenta que os produtos sejam biológicos, e anda sempre em busca de legumes e verduras da época. Tudo isto num cantinho aconchegado em São Bento.

eight the health lounge
Fotografia: Arlindo Camacho
Restaurantes, Vegano

Eight – The Health Lounge

icon-location-pin Santa Maria Maior

Quando Ceri era miúda preferia ficar em casa a cozinhar do que ir para a escola. Quando chegava a hora do jantar, como a mãe não era muito adepta da cozinha, ela e os irmãos tratavam do assunto. Ceri é a responsável pela carta deste lounge vegan com uma loja a condizer.  "Queria que a carta tivesse coisas mais fast food — smoothies, bowls, tostas — simples mas que fossem muito nutritivas", explica. Carregou a ementa de smoothies, shots de bem-estar, tostas, saladas e pequenos snacks doces, sem açúcar ou mel adicionados: só frutinha saudável.

+ Quatro coisas para comer no Eight, o novo lounge da saúde

Publicidade
My mother's daughters
Fotografia: Francisco Santos
Restaurantes, Vegano

My Mother's Daughters

icon-location-pin São Sebastião

O My Mother’s Daughters é um café de três filhas e a sua mãe no Largo de São Sebastião onde se comem pratos sem produtos de origem animal, tendencialmente biológicos, com super-alimentos à mistura e muita atenção ao desperdício. Quase sempre há na carta uma entrada que se vende pelo nome “desperdício zero”: o que sobrou do prato do dia de ontem é a entrada de hoje. No menu fixo há várias bowls, como a fresca (com couve kale, pesto, legumes assados, arroz negro e chucrute) e da terra, uma taça com mais corpo (por agora com lentilhas, arroz de couve-flor e batata doce assada). Vai ainda encontrar bolinhas energéticas e barras de cereais. Mais originais e com grande potencial ao nível das redes sociais é, por exemplo, a tosta unicórnio, uma fatia de pão barrada com cores entre o azul e o cor de rosa.

antigo talho do Manzarra
Fotografia: Manuel Manso
Restaurantes

Antigo Talho

icon-location-pin Avenida da Liberdade/Príncipe Real

Não se deixe enganar pelo logótipo com um porco à entrada. A única coisa literal no novo projecto do apresentador de televisão João Manzarra é o nome – isto é um antigo talho. “Veganizou” um Antigo Talho, perto do Marquês de Pombal, e abriu-o com uma cafetaria para almoços e lanches e loja multimarca, tudo inteiramente vegano. Todos os dias há um prato diferente, da responsabilidade de uma equipa comandada pela chef Filipa Ruas. É provavel apanhar um cuscus de vegetais, especiarias, frutos secos e baba ganoush, mas também pode calhar caril tailandês ou um pho vietnamita. O menu tem ainda wraps e quiches (que mudam semanalmente), bolos à fatia, bolas energéticas, sumos, kombucha e cervejas artesanais. “Mas sempre completamente vegano. Aqui só entram animais vivos e plantas”, garante João Manzarra.

Publicidade
juicy
Fotografia: Arlindo Camacho
Restaurantes, Vegano

Juicy

icon-location-pin Baixa Pombalina

Não há carne nem peixe e é tudo à base de plantas. A ementa é toda vegan com excepção de duas ou três receitas que estão assinaladas na carta com um V para vegetariano. Neste restaurante desenhado pelo Studio Astolfi, o prato forte são os juicy flat bread, um pão plano integral cuja massa pode ou não levar uma mistura de especiarias chamada za’atar, cozido num forno a lenha, e utilizado para uma espécie de wraps bem recheados, os sumos feitos na hora — funcionais, shosts de imunidade, smoothies, ou as sopas do dia com legumes da Herdade do Freixo do Meio.

Lisboa mais verde

Local Chiado by Your Healthy Kitchen
Fotografia: Arlindo Camacho
Restaurantes

Os melhores restaurantes saudáveis de Lisboa

Para comer saudável não tem de se empanturrar de verde, light, vegetariano ou comida para passarinhos. E também não precisa de passar fome. Corremos a cidade para lhe trazer esta barrigada de grandes ideias para comer do bom e do melhor em Lisboa. Bom apetite e saudinha da boa.

Publicidade
House of Wonders buffett
©DR
Restaurantes

Os melhores restaurantes vegetarianos em Lisboa

Comer vegetais cozidos e sensaborões é coisa do passado. Se não acredita, explore esta lista com os dez melhores restaurantes vegetarianos em Lisboa, capazes de tornar as couves de bruxelas em verdadeiras estrelas de passerelle – que, ainda por cima, lhe vão fazer bem à saudinha.

Publicidade
Esta página foi migrada de forma automatizada para o nosso novo visual. Informe-nos caso algo aparente estar errado através do endereço feedback@timeout.com