Os três melhores sítios para comer peixinhos da horta

Descubra onde comer em Lisboa os peixinhos preferidos de quem não gosta de peixe

Fotografia: Arlindo CamachoPeixinhos da horta do Pap'Açorda

Um feijão verde envolto numa fritura no ponto é capaz de levar um alfacinha ao céu. Como entrada ou prato principal, com ou sem maionese para dar uns mergulhos, estes são os três melhores sítios para comer peixinhos da horta em Lisboa. 

Os três melhores sítios para comer peixinhos da horta

Pap'Açorda

Entrada clássica do Pap’Açorda, e na ementa desde os tempos do Bairro Alto, os peixinhos da horta são, a par dos pastéis de massa tenra, a melhor maneira de começar uma refeição. Vêm para a mesa sem maioneses ou afins, porque o snack é bom (e viciante) assim mesmo, per se.

Preço: 6,50€. Time Out Market, 1º andar. 

Ler mais
Cais do Sodré

Guarda-Mor

Feijão verde fresco, farinha, ovos, uns temperos simples e fritura feita em lume brando. É esta a base de uma das receitas de maior fama do Guarda-Mor – já feita há umas décadas. São servidos de entrada, acompanhados com uma tapenade de azeitonas, anchovas e azeite.

Preço: 7€. Rua do Guarda-mor, 8 (Madragoa)

Ler mais
Bairro Alto
Publicidade

Café do Paço

Conhecido pelos bifes do lombo mergulhados em molho de natas, o Café do Paço tem uns excelentes peixinhos da horta, sempre fritos no ponto, que são a introdução perfeita para qualquer jantar – apesar de rivalizarem com os croquetes. Vêm apenas enfeitados com uma rodela de laranja, mas pode pedir alguns molhos para acompanhar (sim, sim, há maionese).

Preço: 4,70€. Paço da Rainha, 62 A (Campo Mártires da Pátria)

Ler mais
Lisboa

Os melhores sítios para comer...

Três melhores sítios para comer sopa de tomate alentejana

Quando vamos atrás de sopas alentejanas já sabemos que temos de ir de barriga vazia. E estas três não são excepção. Tome nota, estes são os três melhores sítios para comer sopa de tomate alentejana, bem no coração da capital.   Recomendado: As melhores sopas de Lisboa

Ler mais
Por Editores da Time Out Lisboa
Publicidade
Publicidade

Comentários

1 comments
margarida

Todos deveriam ter a carta e o indicativo do transporte público para orientação e escolha de ementa preferida bem como o custo máximo, pelo menos. Sem esses indicadores, muitos clientes na dúvida, optam sempre pelos habituais.