Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Restaurantes para celebrar os Santos Populares sem festa nem data marcada
Restaurante, Monsantos, Parque Florestal do Monsanto
©DR Monsantos

Restaurantes para celebrar os Santos Populares sem festa nem data marcada

Se está com vontade de laurear a pevide, virar umas imperiais geladinhas e voltar para casa a tresandar a sardinha assada, aproveite estas esplanadas

Por Inês Garcia
Publicidade

2020 é ano atípico, não há volta a dar. E nem os abençoados Santos se safaram. Este ano não houve marchas populares a descer a Avenida, nem arraiais ou casamentos de Santo António. A impossibilidade de grandes ajuntamentos impediu a festa rija no dia do Santo, e até manjericos de papel foram obrigados a sair das janelas e portas dos restaurantes. Mas a pouco e pouco é altura de sair para a rua e esta é a altura ideal para matar saudades de sardinha da boa. Aproveite uma destas esplanadas para comer sardinhas, bifanas e imperiais. Os Santos fazem milagres – nem que seja para levantar os ânimos. Ié ié ié, para o ano é que é.

Recomendado: Os melhores sítios para fazer piqueniques em Lisboa

Ó-i-ó-ai, vou comer ali à rua

Restaurante, Monsantos, Parque Florestal do Monsanto
Restaurante, Monsantos, Parque Florestal do Monsanto
©Kym

Monsantos

Restaurantes Benfica/Monsanto

Apresenta-se como um "restaurante ao ar livre em pleno pulmão de Lisboa", um sonho nos tempos que correm. O projecto é da Food Company, empresa de catering e eventos, que transformou este espaço no Parque Florestal de Monsanto num restaurante com 1500 m2, mesas em madeira devidamente afastadas, chapéus de sol e luzes de arraial. Os clássicos portugueses de época são servidos em pratos de barro, para apurar o espírito. Só funciona por reservas, ao almoço e jantar, com menus fixos (a partir de 15€), cujas opções vão crescendo porporcionalmente ao valor, mas que incluem entradinhas, sardinhas ou carnes, sem esquecer sobremesas e bebidas. Há também packs ideais para dez pessoas. Fica por lá até Setembro (ou enquanto o bom tempo permitir). 

 

chapitô
chapitô
Mariana Valle Lima

Chapitô à Mesa

Restaurantes Português Castelo de São Jorge

O ex-líbris continua a ser o panorâmico do Chapitô, mas em tempos como estes, em que meio mundo procura uma esplanada para passar um bom bocado, o renovadíssimo terraço ganha destaque, com almoços e jantares com vista para a cidade. Ao leme da cozinha está agora o chef Pedro Bandeira Abril, que passou pela Casa da Comida ou pela Taberna Sal Grosso. Nas mesas aterram coisas como salada de polvo ou de salmão, escabeche de coelho, bacalhau, polvo e atum grelhados, pregos ou abanicos de porco preto. Até ao final do mês de Junho, todas as quintas, sextas e sábados celebram os Santos Populares com caldo verde (3€), sardinhas grelhadas (3€), sandochas de entremeada (3€) ou bifana no pão.

Publicidade
Estrela da Bica
Estrela da Bica
DR/Estrela da Bica

Estrela da Bica

Restaurantes Chiado/Cais do Sodré

A Estrela da Bica de Marta Figueiredo e Rita Borges já reabriu e voltou a montar a esplanada. Há sardinhas sem espinhas, servidas no brioche da Terrapão, o segundo filho das proprietárias no Mercado de Arroios, com maionese de azeitona, flor de salsa e puré de pimento grelhado no carvão. De terça a sábado, entre as 18.00 e as 20.00, há "vinho e petisquinho": na compra do vinho da semana, sempre com duas sugestões diferentes, branco e tinto, oferecem um petisco para acompanhar.

Restaurante, O Lutador, Esplanada
Restaurante, O Lutador, Esplanada
©DR

O Lutador

Restaurantes Português Alcântara

Esta tasca em Alcântara está forte nos pratos do dia desde que reabriu (com um menu a preço acessível, com prato do dia, sopa, pão e bebida a 10,50€). Há sardinhas já gordinhas, carapaus assados com molho à espanhola, grelhadas mistas de carne e outros pratos tradicionais portugueses, perfeitos para esta época. Também não abrem mão dos petiscos, dos caracóis ao pica-pau. É aconselhável reserva e é obrigatório o uso de máscara até se sentar. Se quiser take-away, ligue antes.

Publicidade
Restaurante, Taberna do Calhau, Alentejano
Restaurante, Taberna do Calhau, Alentejano
©Duarte Drago

Taberna do Calhau

Restaurantes Português Grande Lisboa

Fica no coração da Mouraria e logo isso é motivo para ir até lá e garantir que o espírito bairrista não fica adormecido este ano. Tem pratos do Alentejo, que está no ADN da casa e do seu fundador, Leopoldo Garcia Calhau. Tem menu bifana no pão (bem gulosa e com mais carne que pão, como se quer) e imperial a 7€. As sardinhas também se juntam à grelha e há gaspacho alentejano para iniciar a refeição.

Clube Desportivo da Graça
Clube Desportivo da Graça
©Facebook/Clube Desportivo da Graça

Clube Desportivo da Graça

Coisas para fazer Centros culturais São Vicente 

Preparou a esplanada com a devida distância de segurança e começou a assar sardinhas assim que o sol começou a brilhar em Lisboa. Há doses de sardinhas sempre a sair (8€) e um menu com o peixe à discrição, acompanhado por pão, salada mista e jarro de vinho para dois (12€ por pessoa). Se for mais fã de carapaus, também os há (8€), bem como caracóis, caracoletas ou leitão.

 

Publicidade
Restaurante, Esplanada, A Voz do Operário
Restaurante, Esplanada, A Voz do Operário
©A Voz do Operário

A Voz do Operário

Coisas para fazer São Vicente 

Tem dos maiores arraiais da freguesia todos os anos, mas a proibição das festas fê-los repensar o convívio. Têm Petiscadas Populares até ao final do mês de Junho, numa espécie de restaurante ao ar livre, com marcação obrigatória, e as habituais sardinhas, carapaus, caracóis, chouriço assado e bifanas, regados por imperiais, vinho de pressão e sangria. Entre as decorações populares com bandeirolas, luzinhas e manjericos, há também gel desinfectante e as loiças e talheres são descartáveis. Se preferir, pode pedir para levar para casa.

 

Suppersantos em casa

A Supperstars, empresa com o serviço de chef em casa, fez uma parceria com a Fados Fora de Portas para lançar a experiência Fado em Casa durante o mês de Junho. Há menus a partir de 35€ por pessoa, feitos e servidos no conforto do seu lar, por chefs profissionais (que até deixam a cozinha toda arrumada no final). A esses, pode acrescentar o showcase de um artista da Fafos Fora de Portas, que vai acompanhado pelos seus músicos (preço sob consulta). Combine menus e cantorias através do e-mail info@supperstars.pt

Desconfinar a pouco e pouco

Piquenique Miolo
©Inês Félix

Cinco sítios para ir buscar a papinha toda feita para o piquenique

Coisas para fazer Caminhadas e passeios

Sabemos (e já lhe dissémos) quais são os melhores sítios para fazer piqueniques em Lisboa. Mas, se é daqueles que não gosta ou não tem tempo para a logística de preparar o cestinho de verga recheado de iguarias, pode sempre optar por ir buscar a papinha toda feita. A pensar em si, seleccionámos quatro ofertas de piqueniques na cidade que vão desde os piqueniques tradicionais a um exemplar de luxo, para começar o desconfinamento com calma e ao ar livre. Junte a família mais próxima que já não vê há meses, os melhores amigos ou simplesmente faça uma pequena escapadinha a dois para o meio do verde. Sempre com boa comida. Assim, é só pegar no cesto, estender a toalha e praticar o ócio deitado na relva e ao sol, sem ter de se preocupar com o farnel.  

Gulbenkian
©Márcia Lessa

Os melhores parques e jardins em Lisboa

Coisas para fazer

Agora que pode ir arejando as ideias, tenha preferência pelo ar puro, pelos espaços que pintam a cidade de verde. Com todos os cuidados que deve ter e mantendo a distância social recomendada pelas autoridades de saúde, faça o favor de apanhar um arzinho por aqui – se optar por juntar uma grupeta lembre-se que não poderão ser mais que dez. Seja para uma breve caminhada, corrida ou para uma visita prolongada aos relvados, seja prudente. Evite por agora os parques infantis (brincar na relva também é divertido), os circuitos desportivos ou as mesas comunitárias para piqueniques. Do jardim da Estrela ao pulmão verde de Lisboa – falamos do Monsanto, pois claro –, espaços verdes não faltam na cidade.  

Recomendado

    Também poderá gostar

      Publicidade