A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Arca Tattoo Parlour
Fotografia: Duarte Drago

Os melhores estúdios de tatuagens em Lisboa

Perdemos o medo das agulhas, pusemos os braços de fora e fomos à procura dos melhores estúdios de tatuagens em Lisboa

Escrito por
Editores da Time Out Lisboa
Publicidade

As tatuagens não são fruto da modernidade. Pigmentam a derme humana há milhares de anos e a pouco e pouco vão vencendo as fronteiras da cultura underground. E o que é que todos estes espaços têm em comum? Bem, além de serem os melhores estúdios de tatuagens em Lisboa e arredores, trazem um extra: os piercings. Do estilo old school ou uma declaração de amor à mãe, àquela frase sentimentalóide que, a certa altura da vida, muita gente sente necessidade de gravar no corpo, estes artistas dão conta de qualquer recado.

Recomendado: Os sítios mais alternativos que tem de conhecer em Lisboa

Os melhores estúdios de tatuagens em Lisboa

  • Coisas para fazer
  • Areeiro/Alameda

É dos únicos estúdios em Lisboa decorados verdadeiramente com um estilo vintage, com paredes cobertas com molduras de ilustrações pin-up, e um balcão original de uma mercearia dos anos 60. Enfim, tudo à medida da sua proprietária, Mariza Seita, e basta viajar no seu Instagram (@marizaseitatattoo) para perceber que a tatuadora não brinca em serviço na hora de embarcar no estilo vintage – coisa que faz todos os dias quando pega nas agulhas. Mariza dedica-se ao estilo tradicional americano dos anos 50 no que toca às tatuagens, apesar de trabalhar com outros tatuadores, cada um deles com estilos distintos, no Ink&Wheels.

  • Coisas para fazer
  • Beato

Fiasco só de nome, sem presságios desastrosos à vista. Este estúdio de tatuagens tem nova morada na Penha de França depois de ter aberto na Rua da Madalena. Lá dentro, o trabalho divide-se entre vários tatuadores de uma nova vaga artística, aquilo a que chamam de tatuagem contemporânea, com o mesmo rigor de sempre mas maior liberdade de criação. E não há repetições: cada tatuagem é única. No Fiasco, o trabalho de cada tatuador funciona de forma independente.

Publicidade
  • Coisas para fazer
  • Santos

O néon verde voltado para a rua denuncia o residente da Calçada Marquês Abrantes, em Santos – é o Arca Tattoo Parlour, o estúdio de tatuagens onde Igor Gama, Nicole Lourinho e Bela Hilário dão uso às agulhas para gravar o corpo de quem entra. Quadros com desenhos de caveiras, dragões, pássaros ou figuras místicas – como uma espécie de tatuagens emolduradas – decoram o espaço, todo em tons pastel e com plantas a dar-lhe vida.  O estúdio funciona por marcações: o cliente leva ideias e a partir daí o desenho é trabalhado por um dos tatuadores, ainda que atendam alguns walk ins essa não é a prioridade dos tatuadores. Um dos elementos diferenciadores deste espaço são também os tatuadores convidados, ou guests, que vão aparecer com frequência por estas bandas. 

Publicidade
  • Compras
  • Tatuagens e piercings
  • Sintra
  • preço 2 de 4

Como em qualquer estúdio de tatuagens, aqui os donos são o principal cartão de visita, mas com um bónus. É que, em qualquer parte do mundo, Eduardo e Nazaré Pinela dão nas vistas. Vivem o estilo rockabilly ao máximo e isso, a somar às habilidades com as agulhas, leva muito boa gente a viajar até Sintra para fazer uma tatuagem. O que a freguesia pede é lei, se bem que a especialidade vai ser bater à porta dos clássicos. Dos corações e das âncoras aos punhais e piratas, o Bang Bang Tattoo parou no tempo das pin-ups e dos marinheiros. E isso merece ser visto de perto, até pelos eternos virgens de pele.

  • Compras
  • Tatuagens e piercings
  • Avenida da Liberdade/Príncipe Real

A loja de tatuagens é de Cristian Barcelos, argentino que mora em Lisboa desde 2002 anos e que passados cinco anos fundou este negócio onde tudo está à mostra. A recepção do Lisboa Ink está cheia de sofás (e motas) e tem vista para o espaço onde se desenham as tatuagens na pele. Cristian assegura que é um pai de família e não hesita em ligar aos progenitores dos jovens adultos com menos de 18 anos para confirmar se é arte autorizada ou não.

Publicidade
  • Compras
  • Tatuagens e piercings
  • Marvila
  • preço 2 de 4

Ele é realismo, ele é oriental (lá que está a Oriente, está), ele é tribal, ele até é aquelas lamechices que, volta e meia, alguém se lembra de tatuar. Ele é também um estúdio de tatuagens cheio de personalidade. O Demage InKorporation abriu em 2012 e escolheu logo ficar de fora do grande centro abrindo portas a oriente. Lá dentro, à vitrines que merecem ser vistas de perto - relíquias de tatuador, de um lado, uma colecção de máscaras indonésias (e não só) do outro.

  • Compras
  • Tatuagens e piercings
  • Bairro Alto
  • preço 2 de 4

É, provavelmente, o mais ecléctico dos estúdios lisboetas, e se o rol de tatuadores é completo! Do realismo aos desenhos complexos, passando pelo estilo old school, não há missões impossíveis no Queen of Hearts. Atenção aos detalhes é com eles, a começar na originalidade dos próprios desenhos. É que alguns dos tatuadores residentes são também ilustradores. O resto é a mesma história que a dos vestidos de festa: o importante é não aparecer ninguém com um igual.

Publicidade
  • Compras
  • Tatuagens e piercings
  • Chiado
  • preço 2 de 4

Como muitos outros tatuadores, Francisco Mascarenhas começou a tatuar amigos em casa. Estávamos em 1990 e, um ano depois, abria o El Diablo. Entretanto, correu a Europa, tatuou tudo e mais alguma coisa e fartou-se de marcar presença em convenções e festivais da arte. Actualmente, só o encontramos no estúdio lisboeta duas vezes por ano. O resto do tempo é passado na Noruega, onde vive e mantém uma segunda casa, o La Família El Diablo Tattoo Club. Felizmente, por cá, o estúdio continua de boa saúde e recomenda-se.

  • Compras
  • Tatuagens e piercings
  • Bairro Alto
  • preço 2 de 4

Não há desenhos demasiado elaborados nem partes do corpo demasiado recônditas para o Bad Bones, um dos símbolos do Bairro Alto alternativo. Se bem que a história deste estúdio começou, imagine-se, em Campo de Ourique, já lá vão quase 30 anos. Fontinha e Natasha continuam ao leme e não deixam que a rota se desvie um centímetro que seja do mais puro espírito rock’n’roll. Não é por acaso que alguns roqueiros nacionais já passaram (e continuam a passar) por aqui. Não são os únicos. Com um historial destes, o Bad Bones é o estúdio lisboeta que passa de pais para filhos.

Publicidade
  • Coisas para fazer
  • Chiado

A família Amorim não pára de crescer. Depois de oito anos na Almirante Reis, deu o salto para o Chiado, para uma casa arejada, com paredes brancas e bem iluminadas e um ambiente bem diferente do que estamos habituados a encontrar em estúdios de tatuagens. A pinta de galeria de arte mantém-se, com as tatuagens a transformarem-se em ilustrações emolduradas nas paredes. O estilo continua virado para o Oriente, especialmente para o universo das tatuagens japonesas. O que não quer dizer que não se façam outras coisas, mas sempre com o cunho artístico dos tatuadores de serviço.

  • Coisas para fazer
  • Grande Lisboa

A sorte pouco ditou o sucesso deste que foi dos primeiros novos negócios a pôr o pé na Rua Cândido dos Reis, em Cacilhas. Ali a meio de 2017 mudaram de casa, mas não foram para muito longe: a Rua Carvalho Freirinha fica a apenas 350 metros de distância do berço desta casa. No que toca a tatuagens, aceitam-se todos os desafios, do realismo aos desenhos mais criativos, que podem ser superados tanto pela equipa residente como por artistas convidados que regularmente visitam a Cara ou Coroa.

Lisboa cheia de pinta

  • Coisas para fazer

Se por um lado Lisboa está em guerra com taggers com pouco talento para a coisa – e que fazem questão de espalhar assinaturas por tudo quanto é sítio –, por outro a cidade é cada vez mais um museu a céu aberto de belíssimas obras de arte urbana. Embarque connosco num passeio alternativo pela cidade.

Publicidade
  • Coisas para fazer

Preparado para se desembaraçar de vários centímetros de cabelo? É hoje que faz aquela madeixa azul ou aquele corte radical? Mesmo que tenha respondido "não" às nossas questões, recomendamos alguns dos melhores cabeleireiros em Lisboa para que se possa entregar aos cuidados de quem percebe do assunto.

Recomendado
    Também poderá gostar
      Publicidade