Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Óscares 2017: E o Melhor Guarda-Roupa vai para…

Óscares 2017: E o Melhor Guarda-Roupa vai para…

Acaba a cerimónia e dos Óscares lembramos filme, actor e actriz, realizador e apresentador. Mas nunca ninguém sabe, e raros perguntam ou recordam quem criou o Melhor Guarda-Roupa. Estes são os nomeados de 2017

Por Rui Monteiro |
Publicidade
Fantastic Beasts
©DR Monstros Fantásticos e Onde Encontrá-los

Calha, não pela primeira vez, mas mais ou menos como é habitual, que as nomeações ao Óscar de Melhor Guarda-Roupa 2017 estejam completamente na mão de mulheres. Ganhe quem ganhar, é mulher. Todas, aliás, com saber acumulado, que, a algumas, senão valeu Óscar já valeu nomeação.

Recorde sete filmes clássicos que ganharam a estatueta de melhor Guarda-Roupa.

Óscares: E o Melhor Guarda-Roupa vai para…

Jackie



Nem é preciso ver Jackie (pelo qual já recolheu três prémios, incluindo o BAFTA) para conhecer o trabalho de Madeline Fontaine. Quem viu O Fabuloso Destino de Amélie Poulain, em 2001, e Eterno Amor, de 2004, ou qualquer outro das dezenas de filmes em que participa desde 1991, tem uma boa ideia das capacidades desta estilista francesa, pela primeira vez na corrida por um Óscar de Melhor Guarda-Roupa.

Veja ainda os 10 melhores filmes de Natalie Portman, a protagonista.

Aliados



Hellraiser foi o seu primeiro trabalho, em 1987, e daí em diante o currículo de Joanna Johnston não parou de crescer e de ser enriquecido com filmes como Indiana Jones e a Última Cruzada, ou, entre tantos outros, Forrest Gump (1994), O Resgate do Soldado Ryan (1998), e, claro, só para não sairmos do universo Steven Spielberg, Lincoln, razão da sua nomeação para o Óscar, em 2012, antes de Aliados estar nos seus planos.
Publicidade

La La Land – Melodia de Amor



Há quem viva no universo Spielberg, e há quem, como Mary Zophres, habite o sistema solar de Joel Coen e Ethan Coen. Tudo começou para a estilista norte-americana quando, depois de um par de filmes menores como responsável de Guarda-Roupa, foi assistente de Richard Hornung, em O Grande Salto. Tão boa impressão causou que, dois anos depois, perante a impossibilidade de Hornung assegurar o lugar, Mary Zophres assumiu o Guarda-Roupa de Fargo. Desde então trabalhou numa dúzia de filmes dos irmãos Coen, incluindo Este País Não É para Velhos e O Grande Lebowski ou no recente Salve, César! Mas foi com Indomável que, em 2011, recebeu a sua primeira nomeação para o Óscar. Este ano, está nomeada com La La Land

Animais Fantásticos e Onde Encontrá-los



Com três Óscares de Melhor Guarda-Roupa em casa (Chicago, Memórias de Uma Gueixa e Alice no País das Maravilhas) e um ror de nomeações, Colleen Atwood é provavelmente a mais calma das candidatas na altura do anúncio. Frequente na casa Tim Burton, com quem começou a trabalhar em Eduardo, Mãos de Tesoura, era já uma experiente e conhecida profissional, o seu nome surge ligado a outros realizadores e a filmes notáveis como O Silêncio dos Inocentes, Filadélfia ou O Diário a Rum
Publicidade

Florence – Uma Diva Fora de Tom



O currículo é longo, no entanto recheado de demasiados filmes maus, medíocres ou assim-assim a ensombrar uma carreira que teve a sua primeira oportunidade de conhecer o estrelato com a nomeação para o Óscar de Melhor Guarda-Roupa em 2007 por A Rainha. Consolata Boyle, a estilista nascida na Irlanda, especializada em guarda-roupa histórico, tem agora nova oportunidade com Florence - Uma Diva Fora de Tom, esteja o júri inclinado a premiar a excentricidade dos vestidos envergados pela personagem interpretada por Meryl Streep.

A caminho dos Óscares

Titanic
©DR
Filmes

Os filmes que ganharam mais Óscares

Antes da cerimónia de entrega dos Óscares, que se realiza a 9 de Fevereiro, em Los Angeles, recordamos alguns dos filmes com o maior número de estatuetas no currículo. O clássico Ben-Hur, realizado em 1959 por William Wyler, Titanic (1997), de James Cameron, e a terceira parte da trilogia O Senhor dos Anéis, rodada por Peter Jackson e estreada em 2003, lideram a lista dos recordistas de Óscares na história do cinema, com 11 prémios.

Meryl Streep nos Globos de Ouro 2017
©Image Group LA/HFPA
Filmes

As actrizes e os actores com mais Óscares

Foram muitos os actores e actrizes que, desde 1929, ganharam um Óscar. Pouco mais de 40 conseguiram levar para casa duas estatuetas da Academia ao longo da sua carreira. Mas mais do que isso? Quase nenhuns.

Publicidade
Hitchcock Truffaut
©DR
Filmes

Grandes realizadores que nunca ganharam o Óscar

Já se sabe que nem sempre os melhores realizadores (e os melhores actores e os melhores filmes) são aqueles que ganham os Óscares, e já por muitas ocasiões as estatuetas de Hollywood foram parar às pessoas erradas, deixando de mãos a abanar quem as merecia. Conheça os grandes realizadores que nunca ganharam o Óscar (de melhor realizador).

Publicidade