Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Coisas para fazer com as crianças em Cascais
Parque Marechal Carmona
Joana Freitas Parque Marechal Carmona

Coisas para fazer com as crianças em Cascais

Na hora de brincar, Cascais tem muitas propostas para toda a família. Duas mãos cheias de ideias já a seguir.

Por Vera Moura e Raquel Dias da Silva
Publicidade

A menos de meia hora de Lisboa, a Linha de Cascais tem várias praias de sonho, bons restaurantes (principalmente de peixe) e até um bairro de museus para percorrer a pé e ir aprendendo pelo caminho. Se leva os miúdos na bagagem nada tema. É que não faltam coisas para fazer com crianças em Cascais, em qualquer altura do ano: quintas pedagógicas, jardins, actividades mais ou menos radicais, museus e mergulhos, muitos mergulhos. O mais difícil vai ser enfiá-los no carro – porque depois é só um tirinho e há muito para descobrir em família.

Recomendado: Dez curiosidades sobre Cascais

Coisas para fazer com as crianças em Cascais

pedaços de aventura
pedaços de aventura
©DR

1. Fazer arborismo no Parque Palmela

Coisas para fazer Caminhadas e passeios Cascais

Localizado entre Cascais e o Estoril, o Parque Palmela foi mandado construir pelos Duques de Palmela no final do século XIX. Foi, na época, palco de muitas festas, e a tradição manteve-se, com concertos, peças de teatro e espectáculos de dança no Auditório Lopes Graça. Apesar de a programação estar parada, o parque conta com um circuito de arborismo e um percurso de manutenção que estimulam a prática desportiva ao ar livre. Para aproveitar Pedaços de Aventura, basta fazer marcação prévia.

Marina de Cascais
Marina de Cascais
Fotografia: Marina de Cascais

2. Passear pela Marina de Cascais

Coisas para fazer Cascais

A enseada de Santa Marta, junto à Marina de Cascais, é um dos sítios mais românticos e fotogénicos da vila. Mas como é óbvio não é só a vista que vai agradar aos miúdos. A apenas cinco minutos a pé do centro histórico da vila e com uma localização geográfica privilegiada, a Marina é paragem obrigatória para todo o tipo de embarcações de recreio, palco de grandes eventos internacionais e ainda um espaço nobre de acolhimento, lazer e conforto a todos os que por lá passam. Pegue nos miúdos e leve-os a comer um gelado e a sonhar com o iate que vão ter no futuro (mesmo que o futuro seja apenas “logo à noite, em sonhos”).

Publicidade

3. Andar no carrossel do Jardim Visconde da Luz

Atracções Parques e jardins Cascais

Este jardim, bem no centro da vila, recebeu há uns anos um carrossel digno de conto de fadas, onde não faltam cavalos, galinhas, girafas, leões, cestos e até uma carruagem, ideal para pais com bebés de colo. O Jubilo Carrossel, assim se chama, veio para ficar e não há dia em que esteja parado. Há crianças tão fanáticas pelo passeio que os pais juram que com o dinheiro gasto já poderiam ter comprado o equipamento em si.

Jardim Visconde da Luz. Seg-Sex 11.00-19.00, Sáb e Dom 10.00- 20.00. A partir de 2€.

Praia da Conceição
Praia da Conceição
Fotografia: Joana Freitas

4. Dar um mergulho

Coisas para fazer

Quilómetros e quilómetros de areia para brincadeiras sem horário nem entrada paga. Nas praias do Guincho é raro encontrar bandeira verde para mergulhos demorados, mas o areal é o mais belo da zona e as ondas pedem pranchas de surf, windsurf e kitesurf. Na Linha, da praia da Conceição à Azarujinha, difícil vai ser escolher onde estender a toalha. Paredão fora, o melhor é fazer como eles: “um-dó-li-tá, cara de amendoá!”

Publicidade
Quinta do Pisão
Quinta do Pisão
©DR

5. Andar de burro na Quinta do Pisão

Atracções Quintas Sintra

Compreende um total de 380 hectares no Parque Natural Sintra-Cascais. Não é coisa pouca, portanto, aquilo que a Quinta do Pisão tem para apresentar às crianças que gostam da natureza. Há cavalos, ovelhas, burros lanudos e outros animais selvagens como coelhos ou perdizes. Pode lá ir colher alimentos directamente da terra, aprender mais sobre a flora da zona, fazer passeios a pé, de bicicleta e até de segway. Importante é ir.

Quinta do Pisão de Cima, EN 9-1 (junto à Barragem do Rio da Mula). Sempre aberto. Horta: Seg a Sex 09.00-12.00 e Sáb 09.00-13.00. Para reservas de actividades, não se esqueça de telefonar (215 811 750).

Museu do Mar D. Carlos
Museu do Mar D. Carlos
Fotografia: Arlindo Camacho

6. Aprender tudo sobre o mar

Museus Cascais

O Museu do Mar Rei D. Carlos é um dos mais interactivos da vila, coisa para os entreter durante umas boas duas horas. Dedica-se não só ao estudo da comunidade piscatória de Cascais, como às artes da pesca em si, às espécies que nadam em oceanos abertos e no fundo mar – com impressionantes representações de baleias e tubarões em tamanho real – passando pela história dos moluscos. Uma onda de aprendizagem, portanto.

Rua Júlio Pereira de Mello. 21 481 5906/7. Ter-Dom 10.00-13.00 e 14.00-18.00. 3€, grátis até aos 11. 

Publicidade
Quinta pedagógica Armando Villar
Quinta pedagógica Armando Villar
Fotografia: Ana Luzia

7. Explorar a Quinta Pedagógica Armando Villar

Miúdos Eventos activos Cascais

Para que os seus filhos não pensem que os ovos vêm das prateleiras dos supermercados, mas sim das galinhas, leve-os a visitar a primeira quinta pedagógica biológica do país. Aqui podem conhecer moinhos de vento, visitar hortas, pomares e jardins de ervas aromáticas, alimentar animais da quinta e ajudar a equipa da casa nos tratamentos diários de cada espécie. Tem uma série de oficinas onde se podem inscrever durante as férias, por isso é estar atento às actividades.

Terceira Circular. 932 500 600. Seg-Dom 10.00-13.00/ 14.00-18.00 (apenas com marcação prévia).

Parque das Gerações
Parque das Gerações
Manuel Manso

8. Deslizar com estilo no Parque das Gerações

Coisas para fazer Cascais

Aqui a coragem conta. O Parque das Gerações é procurado por quem quer viver a vida com adrenalina, mas não espere encontrar um ambiente hostil: é procurado por cada vez mais famílias. E não interessa se não tem experiência, porque neste skate park tanto podem andar os grandes atletas sobre rodas como os mais novinhos, que ainda mal se equilibram em cima da tábua.

Rua António Ferro, São João do Estoril. Aberto 24 horas.

Publicidade
parque marchal carmona
parque marchal carmona
Fotografia: Inês Calado Rosa

9. Brincar ao ar livre no Parque Marechal Carmona

Atracções Parques e jardins Cascais

Não podem ver um raio de sol que os cascaenses correm logo todos para a praia. Mas nem só de areia e mar se faz a linha: o Parque Marechal Carmona também é um óptimo destino para os dias de sol. Tem relvados extensos, lagos, percursos românticos, uma mata com árvores de grande porte e um parque infantil dividido em três partes (uma para cada idade). Patos, galos e pavões passeiam-se sem vergonha, à espera da comida que os guardas não deixam ninguém dar.

10. Apagar as velas no Centro Playbowling Cascais

Miúdos Parques infantis Cascais

Além de bowling, é possível jogar lasertag, paintball, bazoka ball, bubble football, arco e flecha, minimoto4 ou praticar hipismo. E se nem todos estes nomes fazem um click automático na sua cabeça, nós ajudamos: por exemplo, o bazooka ball é um jogo parecido com o paintball em que as “balas” disparadas são pequenas bolas de espuma que não magoam no impacto; no minimoto4, os pequenos pilotos vão poder conduzir motas pequeninas, com acompanhamento e formação de um monitor (e capacete, claro). Para além de todas estas hipóteses, há uma opção mais cor-de-rosa: o Playprincess.

Mais que fazer com miúdos

Quinta pedagógica Armando Villar
Fotografia: Ana Luzia

Quintas pedagógicas: leve-os ao campo sem sair da cidade

Miúdos

Entre os enormes arranha-céus e a poucos quilómetros das avenidas cheias de carros e motas, há espaços verdes com animais do campo, hortas biológicas, pomares e actividades rurais que os miúdos nunca pensaram experimentar, como a lavoura, fazer pão em forno de lenha ou dar banho à bicharada.

Piscina Arribas
Nuno Antunes revelamos.com

Dê um mergulho nestas piscinas oceânicas em Lisboa e arredores

Coisas para fazer

Está calor, mas não faz mal. Apesar de todas as condicionantes, há soluções e sítios para combater as altas temperaturas. Está na hora de se banhar de creme protector, estender a toalha na espreguiçadeira – ou onde se sentir mais confortável – e deixar que o sol e o calor façam o seu trabalho, com intervalos marcados por mergulhos aquáticos.

Publicidade
Recomendado

    Também poderá gostar

      Publicidade