A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Plástico na praia
©Sören Funk / Unsplash

Vem aí a Noite Europeia dos Investigadores

Esta sexta, deixe-os ir para a cama mais tarde. É que Noite Europeia dos Investigadores toma o Príncipe Real de assalto.

Escrito por
Vera Moura
e
Renata Lima Lobo
Publicidade

A noite de sexta-feira estará recheada de actividades perfeitas para todos os que respondem “cientista!” quando lhes perguntam o que querem ser quando forem grandes. Ciência para o clima é o tema da Noite Europeia dos Investigadores de 2021, que mais uma vez orbita em torno do MUHNAC – Museu Nacional da História Natural e da Ciência. Na sexta-feira, 24 de Setembro, entre as 16.00 e as 23.00, as famílias vão descobrir que há ciência em quase tudo – e que é na ciência que pode estar a resposta para o futuro das cidades e do planeta. Há dezenas de actividades previstas, que vão da matemática à arquitectura, passando pela física e a química. A programação completa está disponível no site oficial e divide-se entre actividades presenciais e online.

Recomendado: Fim-de-semana perfeito em família

Uma noitada de ciências

Uma cidade mais sustentável
©DR

1. Uma cidade mais sustentável

Erradicar a pobreza, reduzir as desigualdades, combater as alterações climáticas. Estes são apenas três dos 17 Objectivos do Desenvolvimento Sustentável da Agenda ONU 2030 e é com base na lista completa que todos os visitantes poderão fazer as suas sugestões para uma Lisboa mais sustentável. Como? Desenhando coloridas propostas numa parede do MUHNAC onde se encontra um desenho de vistas da cidade, tudo com a ajuda de uma equipa de investigadores que estarão à disposição para esclarecer as dúvidas que possam surgir.

A Glória das Alterações Climáticas
©Melissa Bradley/ Unsplash

2. A Glória das Alterações Climáticas

Nada como um um jogo didáctico para a aprendizagem não ser sempre uma seca. Mais divertido ainda é um tabuleiro que na verdade é uma lona com 5x5 metros que estará instalada no MUHNAC. As perguntas irão andar à volta do tema das alterações climáticas, das causas às consequências, passando por exemplos práticos do que é a economia verde. Os níveis de dificuldade das questões serão sempre adaptados às faixas etárias dos participantes. Assim ninguém sai de lá a chorar.

Publicidade
Treme-Treme e Riska
©DR

3. Treme-Treme e Riska

Apesar de não haver um grande terramoto em Lisboa desde 1755, a cidade tem um nível elevado de risco que não se deve descurar. Estar preparado é sempre a melhor opção, assim como agarrar todas as oportunidades para saber mais sobre o assunto. Neste jogo dos terramotos, que poderá encontrar no Jardim do Príncipe Real, os participantes podem aprender mais sobre o risco sísmico, de tsunamis, cheias e deslizamentos, assim como o que fazer antes, durante e depois da catástrofe.

A Invasão do Plástico!
©Sören Funk / Unsplash

4. A Invasão do Plástico!

O plástico é no contentor amarelo, mas o ideal é reduzirmos o consumo à partida. Nesta actividade, no Jardim do Príncipe Real, todos poderão ver um dos principais problemas à lupa: os microplásticos. Diz o ditado que longe da vista, longe do coração, daí a importância de dar a conhecer um mundo que, apesar de invisível a olho nu, é altamente prejudicial aos ecossistemas marinhos, já que muitos animais confundem os microplásticos com o plâncton, acabando por ingeri-los.

Publicidade
Observações astronómicas
©Free-Photos por Pixabay

5. Observações astronómicas

Ser astronauta deve estar no top 5 de profissões de sonho da pequenada. Nesta actividade organizada pelo Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço podem começar por observar o seu futuro local de trabalho com a ajuda de um telescópio, numa demonstração que estará aberta a todos os participantes entre as 19.00 e as 23.00, no Jardim Botânico de Lisboa.

Corta no Carbono
©Ruthson Zimmerman/ Unsplash

6. Corta no Carbono

O MNHNC também irá disponibilizar um quiz sobre as emissões de carbono e como cada um de nós pode contribuir para chegar à meta do carbono zero. As rondas de perguntas vão contribuir para o conhecimento sobre este assunto. E os participantes vão aprender, entre outras coisas, que uma lâmpada convencional consome a mesma energia que uma casa iluminada apenas por lâmpadas LED. Já mudaram as lâmpadas lá de casa? No final há prémios para os vencedores.

Mais ideias para entreter os miúdos

  • Miúdos

Entre os enormes arranha-céus e a poucos quilómetros das avenidas cheias de carros e motas, há espaços verdes com animais do campo, hortas biológicas, pomares e actividades rurais que os miúdos nunca pensaram experimentar, como a lavoura, fazer pão em forno de lenha ou dar banho à bicharada. Se os seus filhos pensam que o leite nasce no pacote e que a fruta vem do supermercado, está na hora de os levar a estas quintas pedagógicas em Lisboa e arredores. No fim, o mais difícil vai ser regressar à cidade.

  • Miúdos

É uma grande injustiça dizer que a palavra museu cheira a mofo. Mas se começou por arrastar os miúdos para uma exposição interminável que interessa apenas a adultos... é bem possível que o programa enfrente uma certa resistência. Não desanime. Um roteiro museológico não tem de ser um programa aborrecido, muito pelo contrário. Por isso, fomos à procura dos melhores museus para crianças em Lisboa. Para ir ao passado e ao futuro, sem sair do presente. Há museus que guardam memórias de outros tempos, outros que fazem uso da imaginação. Uns dedicam-se às pinturas, outros às instalações, às vezes interactivas. Aí estão os melhores museus para crianças em Lisboa. Ah, mas atenção: não se esqueça da máscara nem de consultar as novas regras dos museus (por via das dúvidas, lembre-se de agendar a visita previamente).

Publicidade
  • Miúdos

Ficar fechado em casa com eles não é uma opção, mas muitas vezes gastar dinheiro também não. Se pensa que é impossível resolver o dilema anterior, ponha o pessimismo de lado. Nada como puxar um pouco pela cabeça para reunir os programas mais simples, mas também mais divertidos. Primeiro, lembre-se que boa parte das propostas mais coloridas andam pela rua, cada vez mais um verdadeiro museu a céu aberto para diferentes idades. Depois, siga esta lista de coisas grátis para fazer com crianças – seja visitar museus, subir às árvores ou ver a fauna e flora de um jardim.

Recomendado
    Também poderá gostar
      Publicidade