Conheça estes museus grátis em Lisboa e arredores

Os preços dos museus em Lisboa raramente fazem corar, mas há mais de uma mão cheia deles em que nem um cêntimo lhe cobram
Fotografia: Arlindo Camacho
Publicidade

Não é ao domingo de manhã, sábado à tarde ou segunda de madrugada. Estes museus são de entrada gratuita sempre que a porta está aberta ao público. E a busca pela descoberta de um museu gratuito também pode significar a descoberta de um museu que nem sempre está na ribalta. Fomos à procura dos museus grátis em Lisboa e concelhos vizinhos e descobrimos algumas pérolas museológicas. Da sala de operações do Movimento das Forças Armadas ao museu que respira dinheiro, há muito para aprender sem gastar um tostão. Aventure-se também nestes museus grátis em Lisboa e arredores.

Recomendado: Museus em Lisboa: as obras de arte que tem mesmo de ver

Museu do dinheiro
Fotografia: Arlindo Camacho
Museus

Museu do Dinheiro

icon-location-pin Baixa Pombalina

O museu dedica-se ao dinheiro, mas não lhe pede nem um cêntimo para entrar. Começou por ser a Igreja de São Julião (em finais do século XVIII) e depois caixa forte e estacionamento do Banco de Portugal. Até que em 2007 se decidiu devover-lhe alguma dignidade. Inaugurado em 2016 e com uma forte aposta na interactividade, aqui é possível percorrer a história do dinheiro e a sua relação com a sociedade e ainda aceder ao Núcleo de Interpretação da Muralha D. Dinis, contruída no século XIII. Pode também cunhar uma moeda à sua imagem e tocar numa barra de ouro de 12kg.

 Espaço Memória - Tipografia Popular do Seixal
©DR
Museus, Ciência e tecnologia

Espaço Memória - Tipografia Popular do Seixal

icon-location-pin Grande Lisboa

É uma extensão do Ecomuseu Municipal do Seixal e uma homenagem à Antiga Tipografia Popular A. Palaio, Lda., fundada em 1955 pelo mestre António Palaio. Neste espaço pode conhecer bem de perto as antigas técnicas das oficinas tradicionais de tipografia, com a ajuda de máquinas como as Minerva, hoje praticamente banidas das artes gráficas. Umas funcionam com a força do pedal, outras com a do braço e outras até funcionam com a ajuda da electricidade, mas são todas belíssimos exemplares aos quais se juntam xilogravuras, zincogravuras ou cavaletes.

Publicidade
museu da saude
©Museu da Saúde
Museus, Ciência e tecnologia

Museu da Saúde

icon-location-pin Avenida da Liberdade/Príncipe Real

Inaugurou em 2017 no antigo Serviço de Neurocirurgia do Hospital de Santo António dos Capuchos com a exposição "800 Anos de Saúde em Portugal" que dá a conhecer cerca de 400 peças vindas de várias insituições parceiras, da Cruz Vermelha Portuguesa ao Museu de História Natural e da Ciência. Embora possa ficar a conhecer o acervo do museu na sua morada virtual, vai querer ir parar à porta do Museu da Saúde, uma iniciativa do Ministério da Saúde com o Instituto Ricardo Jorge, que abre apenas às quartas-feiras, mas com um bónus: não só a entrada é livre, como tem direito a uma visita orientada. Só não se esqueça de fazer a sua marcação.

sala de arqueologia
©Câmara Municipal de Oeiras
Museus, História

Sala de Arqueologia

icon-location-pin Oeiras

Está instalada na Fábrica da Pólvora de Barcarena, um espaço que pertence à Câmara Municipal de Oeiras desde 1995 e um grande complexo cultural decorado a espaços verdes. Mas além do Jardim da Caldeira dos Engenhos ou do Jardim das Oliveiras, existe esta sala/museu que apresenta um espólio recolhido ao longo de duas décadas de escavações arqueológicas no vizinho antigo povoado pré-histórico de Leceia, considerado um dos mais importantes povoados Calcolíticos (da Idade do Cobre) da Península Ibérica. Na Sala de Arqueologia pode acompanhar o quotidiano do povoado, conhecer os artefactos que utilizavam ou mesmo descobrir o culto da fertilidade.

Publicidade
nucleo museologico luis serra
©Câmara Municipal de Loures
Museus, História

Núcleo Museológico Luís Serra

icon-location-pin Grande Lisboa

Se fôr a Bucelas e não quiser contornar a história do património da região saloia, passe pela sede do Grupo Musical e Recreativo da Bemposta onde mora este núcleo. O espólio que aqui encontra foi recolhido ao longo de três décadas pelo Rancho de Folclore e Etnografia “Os Ceifeiros da Bemposta” (Luís Serra foi um dos seus fundadores) e o resultado são trajes, alfaias e transportes agrícolas, ferramentas, loiças, utensílios de cozinha ou mobiliário e figuras em tamanho real. Já que aqui está, explore as outras salas deste grupo com mais de 70 anos como a Sala da Vida da Coletividade e a Sala de Troféus.

Museus, História

Espaço Memória dos Exílios

icon-location-pin Cascais

Portugal não participou na II Guerra Mundial, mas Cascais e Estoril foram terra de exílio de reis e aristocratas e zona de cruzamento de espiões. Esses anos estão documentados em fotografias e documentos, numa exposição permanente no segundo andar da Estação de Correios do Estoril. A cereja em cima do bolo é que este edifício datado de 1942 é da autoria do arquiteto modernista Adelino Nunes, especializado em edifícios dos CTT, onde era funcionário, como o da Central Telegráfica e Telefónica de Lisboa (na Praça D. Luís I, no Cais do Sodré), hoje conhecido por 8 Building e ocupado por apartamentos de luxo. Mas isso é outra história.

Publicidade
espaco memoria teatro experimental cascais
©Câmara Municipal de Cascais
Museus, História

Espaço Memória Teatro Experimental de Cascais

icon-location-pin Cascais

Carlos Paredes, Luís Pinto Coelho, Almada Negreiros, Júlio Resende, Natália Correia, Daniel Sampaio ou Michel Giacometti são apenas alguns dos nomes que ajudam a abrilhantar a história do Teatro Experimental de Cascais. História essa contada neste Espaço Memória, inaugurado em 2004 e o único museu privado de teatro em território nacional. E aqui há sempre espaço para exposições temporárias dedicadas a artistas portugueses. As visitas são feitas por marcação.

Núcleo Museológico do Posto de Comando do MFA
©Luís Ponte
Museus, História

Núcleo Museológico do Posto de Comando do MFA

icon-location-pin Carnide/Colégio Militar

Instalado no Regimento de Engenharia nº 1 da Pontinha, foi este o local que acolheu precisamente o Posto de Comando do Movimento das Forças Armadas, o ponto nevrálgico da noite que deu origem à Revolução dos Cravos. Foi também aqui que estiveram detidos Marcelo Caetano, Silva Pais (director da PIDE) e o então Ministro dos Negócios Estrangeiros, Ruy Patrício. Criado em 2001 pela Câmara Municipal de Odivelas, este núcleo está instalado num pavilhão pré-fabricado de onde foi divulgado o programa do MFA e reproduz integralmente a Sala de Operações com a ajuda de equipamentos como rádios, telefones e transmissores, armas, munições ou mapas. A entrada é gratuita e dá direito a visita guiada, mas pede marcação por email.

Mais museus em Lisboa

Museu do Oriente
©Museu do Oriente
Museus

Os melhores museus em Lisboa

Edifícios relativamente novos, com linhas que são uma perdição para a fotografia, e clássicos da cidade que patrocinam autênticas viagens no tempo. Destaque-se ainda os inúmeros e regulares workshops e eventos que promovem para adultos e crianças, ou mesmo as cafetarias e brunches que também são pequenas obras de arte. Deixamo-lo com uma visita guiada aos melhores museus em Lisboa, dando razões para redescobrir endereços obrigatórios e ideias para explorar colecções surpreendentes. A lista de melhores museus em Lisboa não pára de crescer e nós estamos cá para actualizá-la.

Museu Arqueológico do Carmo
Fotografia: Manuel Manso
Coisas para fazer

19 experiências imperdíveis nos museus em Lisboa

Não fique a admirar estas actividades como se fossem quadros na parede. O conjunto de experiências que se segue é apenas uma amostra da quantidade inesgotável de iniciativas fomentadas pelos museus em Lisboa. É através deles que garante acesso a um barco, que pode consultar um acervo áudio único, fazer uma generosa doação ou até alugar um enorme salão de festas para celebrar o aniversário. À falta de ideias, nós dizemos-lhe quais são as experiências imperdíveis nos museus em Lisboa. Siga o nosso roteiro. Está à espera do quê?

Publicidade
colecção moderna na gulbenkian
©DR
Arte

Conheça estes museus de arte contemporânea em Lisboa

Não há muitos museus de arte contemporânea em Lisboa (e arredores), mas os que existem merecem uma visita. Têm colecções importantes e exposições que os colocam cada vez mais em destaque no panorama intercional das artes. Lisboa entrou no mapa da arte contemporânea e tem razões para isso. De Júlio Pomar a Andy Warhol, pode correr as mais variadas variantes artísticas ao longo deste roteiro que aqui lhe traçamos.

museu dos coches
©Wikipedia
Coisas para fazer

Museus e monumentos a não perder em Belém

De antigos coches a peças modernas, de edifícios que se perdem nos tempos a estruturas que ainda cheiram a fresco em Lisboa. Reserve um tempo na sua agenda para explorar a zona de Belém e arredores. Siga o roteiro de museus e monumentos, e faça o favor de compor a ordem da visita a seu gosto.

Publicidade
Esta página foi migrada de forma automatizada para o nosso novo visual. Informe-nos caso algo aparente estar errado através do endereço feedback@timeout.com