A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Cabrito no forno – Plano
Carlos Vieira/PlanoO cabrito no forno do Plano

Encomendas para a Páscoa: estes restaurantes levam-lhe o banquete até casa

Não quer cozinhar? Estes restaurantes com encomendas para a Páscoa asseguram-lhe a tradição e levam-lhe tudo a casa.

https://d32dbz94xv1iru.cloudfront.net/customer_photos/14d3bbef-59cc-4753-a960-2f64c64804b1.jpg
Escrito por
Sebastião Almeida
Publicidade

Se não está preparado para passar o dia de volta da cozinha nesta Páscoa, mas quer manter a tradição à mesa, mais vale apoiar os restaurantes que se preparam para abrir portas por estes dias. É um dois em um: uma maneira de os ajudar a retomar a actividade supensa por tantos meses e desligar-se um bocadinhos dos dias consecutivos a cozinhar o almoço e o jantar. Em take-away ou para entrega em casa, com clássicos da época como o cabrito assado, os folares ou outras comidas de tacho e de conforto para a quadra pascal, estes restaurantes fazem-lhe a papinha toda. Literalmente.

Recomendado: Receitas de família para a Páscoa



Encomendas para a Páscoa

  • Restaurantes
  • Português
  • Chiado/Cais do Sodré

O restaurante do chef André Magalhães tem um menu de Páscoa taberneiro, como não poderia deixar de ser. O cabrito assado no forno (25€ uma dose, 45€ para dois ou 80€ para quatro) é o elemento principal, que acompanha com arroz de miúdos, batatas assadas e grelos salteados. Também há bola de carnes transmontanas (18€/kg) e bola doce mirandesa (14€/kg). Se quiser petiscar antes, pode juntar ao pedido pastéis de massa tenra, bolinhos de bacalhau, ovos verdes ou rissóis de camarão (com preços que arrancam nos 3€). Em encomendas de valor superior a 65€ é concedida a cortesia de uma garrafa de vinho tinto Quinta da Lapa – Nana (2018). As encomendas podem ser feitas até 2 de Abril, para o 91 211 1115.

Casa da Comida
  • Restaurantes
  • Português
  • Avenida da Liberdade/Príncipe Real

A Casa da Comida tem um menu de Páscoa bem recheado, onde se encontra desde o polvo ao cabrito, passando pelo folar e pelo ovo de chocolate. O menu para a Sexta-feira Santa sugere polvo assado à lagareiro (15€) ou um bacalhau de meia cura com mel e pinhões (16€); para o domingo de Páscoa está disponível o cabrito assado à nortenha (17,50€) ou um rosbife da vazia com molho de mostarda à antiga (15€). Nos doces, pode encomendar um folar folhado com fios e doce de ovos (35€) ou o ovo de chocolate com brigadeiros no interior (35€). Poderá fazer a encomenda até 30 de Março, por e-mail ou pelo telefone (21 811 5020). As entregas do menu de Sexta-feira Santa serão feitas dia 1 de Abril, entre as 13.00 e as 21.00 e as de domingo no dia 3, entre as 13.00 e as 19.30.

Publicidade
  • Restaurantes
  • Frutos do mar
  • Campo de Ourique

O chef Vítor Sobral propõe uma série de receitas tradicionais para que “nada falte à mesa dos portugueses” nesta quadra. Cabrito à padeiro (31€), polvo com damasco e amêndoa (45€) ou bola de bacalhau (17,80€/kg) são algumas das sugestões, não esquecendo o folar tradicional (9€/18€) e o pão de ló de Páscoa com doce de ovos (17,50€). As encomendas podem ser feitas até 2 de Abril e recolhidas na Peixaria da Esquina ou na Padaria da Esquina, ambas em Campo de Ourique, nos dois dias seguintes. Também há a opção de entrega em casa, cujas taxas serão acertadas consoante a localização.

JNcQUOI at Home
DR

JNcQUOI at Home

O chef António Bóia apresenta uma proposta para que se mantenha a tradição da Páscoa. O menu criado para a efeméride está disponível para encomenda até às 16.00 de 3 de Abril e será entregue no dia seguinte. Para entrada, há uma mariscada de camarão, lavagante e recheio de sapateira (120€) e como prato principal, cabrito estonado (38€). Nas sobremesas não poderia faltar o folar, disponível na versão tradicional com ovo ou com canela (24€), e o pão de ló de Ovar (39€). Pode encomendar através da plataforma online do JNcQUOI at Home, por telefone (21 936 9900) ou por e-mail.

Publicidade
  • Restaurantes
  • São Vicente 
  • preço 4 de 4

No Plano, a Páscoa celebra-se com cabrito assado com arroz de miúdos, batatas e grelos, e folar de Chaves “alimentado a bom azeite, ovos e fumeiro transmontano”. Também há bacalhau com broa, grelos e batata a murro ou filetes de polvo com arroz do mesmo e pão de ló com queijo da Serra. É este o plano C (35€ uma dose, 90€ para três ou 170€ para seis) do chef Vítor Adão, com um menu especial disponível de 31 de Março a 4 de Abril. Poderá encomendar através do 93 340 4461 ou por e-mail. Depois é só escolher se quer receber a encomenda em casa (taxa de 5€ para entregas em Lisboa e 10€ Cascais e Oeiras) ou passar no restaurante para a levantar.

  • Restaurantes
  • Mediterrâneo
  • Santa Maria Maior
  • preço 2 de 4

Bertílio Gomes é o anfitrião d’ A Última Ceia, novo programa gastronómico do Canal História. A pretexto desse desafio, o chef algarvio desenvolveu um menu quase totalmente vegetal, que recria a última refeição de Cristo e apela à consciência da importância da sustentabilidade. O menu de degustação, pensado para dois (40€ sem bebida) está disponível para entrega ao domicílio e para take-away, de 26 de Março a 4 de Abril, e inclui pratos como uma morcela vegetal (salada de cenoura roxa, típica do Algarve) temperada com cominhos; um tártaro de carapau com figos ou umas lentilhas confeccionadas em cataplana, que finaliza com queijo de cabra, tomate confitado e folhas de couve kale.

Publicidade
  • Restaurantes
  • Lisboa

Não é um menu especial de Páscoa, mas serve bem para fazer a festa (com juízo) – todos os domingos há cabrito assado (47,80€) na padaria Terra Pão, em Arroios, em parceria com a Estrela da Bica. As encomendas deverão ser feitas com 24 horas de antecedência e serão entregues ou levantadas no fim-de-semana. Para facilitar, pode fazer o pedido através da plataforma Kitch

Mais essenciais para a mesa de Páscoa

  • Restaurantes

A tradição de oferecer ovos na Páscoa já é antiga mas o mundo mudou e se no início dos tempos se limitava a oferecer ovos de galinha coloridos, agora as estrelas da Páscoa não servem só para estrelar. Pode manter a tradição e enfeitar a mesa mas também pode cair em tentação (e deve, que a restrição tem sido tanto que o melhor é valorizar-se). Dos ovos de chocolate ocos que enchem as prateleiras dos supermercados nesta altura do ano aos bem recheados – os de comer à colher pegaram forte em Portugal, numa tradição vinda do Brasil onde os recheiam bem com brigadeiro cremoso ou doce leite. Há quem diga, porém, que estes apareceram por culpa do Rei-Sol, que durante uma caça ao ovo nos jardins do palácio, viu uma criança entristecida por apanhar um ovo partido e terá recheado com frutos a metade partida, mas isso são outros quinhentos. Chegados a 2021, há muito negócio português a dar tudo nos ovos e nós estamos cá para o encaminhar para a tentação. O desconfinamento e o exercício ao ar livre vem depois.

  • Restaurantes

Este pão enriquecido e doce cai bem no começo da Primavera – e não é por acaso. É o florescer da natureza. Em alguns acrescenta-se um ovo como resumo da fertilidade. Inspirados em diferentes exemplares de todo o país, recomendamos os folares que se compram por Lisboa para compor a mesa da Páscoa ou para oferecer como quem deseja abundância.

Recomendado
    Também poderá gostar
      Publicidade