Sardinhadas em Lisboa: as tradicionais e as invenções dos chefs

A sardinha ainda não está rechonchuda mas já pinga. Elegemos seis sítios para sardinhadas em Lisboa, das tradicionais às invenções dos chefs
sardinha
©Peixaria Centenária
Por Inês Garcia |
Publicidade

As grelhas estão montadas no meio da rua e há quem não resista a uma sardinha no pão no meio de um arraial. Mas se preferir comer com calma (e talheres) antes do bailarico, nós damos-lhes seis sítios para sardinhadas em Lisboa, do bom tasco aos restaurantes mais chiques. 

Se preferir aventurar-se no seu arraial DIY saiba que a sardinha na banca da Rosa Cunha, no Mercado da Ribeira, está a 6,50€/kg e já se come bem – o truque para ver se está gordinha é esfolar. “Se tiver uma película branca uniforme por baixo das escamas é bom. É uma camada de gordura”, explica a peixeira.

Restaurante Caldo Verde - Sala
Fotografia: Manuel Manso
Restaurantes, Português

O Caldo Verde

icon-location-pin Santos

Em época de Santos Populares, é montada uma grelha no exterior para assar a mais bela sardinha.

A Time Out diz
Pitéu da Graça
©Pitéu da Graça
Restaurantes, Português

Pitéu da Graça

icon-location-pin São Vicente 

Se pedir um conselho vindo de um conhecedor do bairro, o Pitéu da Graça e a sua comida tradicional portuguesa é o primeiro a sair. Nem todos os dias há sardinha mas quando há vem bem douradinha para o prato. A dose custa 9€.

Publicidade
Último Porto
Fotografia: Ana Luzia
Restaurantes, Português

Último Porto

icon-location-pin Estrela/Lapa/Santos

Está meio escondidinho ali na Estação Marítima da Rocha do Conde de Óbidos mas quem trabalha na zona dá graças pelo peixe fresco do restaurante. A dose está nos 8,50€.

A Time Out diz
Restaurantes

O Miudinho

icon-location-pin Carnide/Colégio Militar

No centro histórico de Carnide, uma em cada duas portas dá para um restaurante. Neste, a especialidade são os grelhados. Uma dose com cinco sardinhas custa 9€.

Publicidade
Restaurantes

Cervejaria Mateus

icon-location-pin Estrela/Lapa/Santos

A sardinha da Rosa vai direitinha para a grelha desta cervejaria em Alcântara.

Villa Tamariz Utopia - Brunch
Fotografia: Arlindo Camacho
Restaurantes

Villa Tamariz Utopia

icon-location-pin Cascais

O chef Mário Cruz pôs-se a inventar e criou uma sardinhada alternativa para a nova carta de jantar do Villa Tamariz Utopia. É pouco tradicional visualmente, mas tem os sabores todos: o lombo da sardinha é braseado, tem uma espuma de pepino, tomates cherry e creme de pimento assado (8€).

Restaurantes

Sea Me

icon-location-pin Bairro Alto

A favor das sardinhas na grelha à antiga ou não, não há como fugir a este restaurante com peixe fresco: é que o niguiri de sardinha assada com flor de sal (7€/2 uni) é incontornável. 

A Time Out diz
Publicidade
Aldeia - Espaço
Fotografia: Manuel Manso
Restaurantes

Aldeia

icon-location-pin Bairro Alto

Também menos tradicionais são os torricados de sardinha d'Aldeia. A versão tapa (nada o impede de seguir para a sardinhada à séria depois) custa 4,95€.

Lisboa em festa

Festas populares, trono de Santo António na rua da Regueira
©AML/Judah Benoliel,. 1890-1968, fotógrafo
Coisas para fazer

Santos Populares. Lá vai Lisboa de outros tempos

As Marchas Populares atingem os seus 85 anos, idade provecta que já assistiu a quase tudo, mas nem só de desfiles se faz um mês de festas em Lisboa. Venha daí numa viagem pelos Santos Populares do século XX e comece já a pedir uma esmolinha pelo Santo António.

Publicidade
Publicidade
Esta página foi migrada de forma automatizada para o nosso novo visual. Informe-nos caso algo aparente estar errado através do endereço feedback@timeout.com