A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Fogo - Xerém
©Manuel MansoXerém do Restaurante Fogo

Três sítios para comer xerém em Lisboa

É uma especialidade do sul do país mas há boas mesas na cidade a servi-lo. Eis três sítios para comer xerém

Escrito por
Inês Garcia
Publicidade

A receita pode variar consoante a geografia mas nunca se altera de forma dramática, fazendo deste um prato consistente e cremoso. O xerém, ou xarém, habitualmente associado à região algarvia, mas que faz também parte do receituário cabo-verdiano e brasileiro, consiste numa papa de farinha de milho a que são depois acrescentados ingredientes como berbigão, carne de porco, camarão ou amêijoas. Em Lisboa, Alexandre Silva adoptou-o com berbigão no Fogo, onde é feito com caldo de berbigão e de peixe. No Frade, Carlos Afonso trouxe a receita de família e aperfeiçoou-a, juntando-lhe o berbigão e a carne de porco frita. Já na Taberna do Mar, Filipe Rodrigues e Hugo Gouveia apostaram na polenta e é servido com choco, berbigão e cebolo à carta. Escolha a mesa e prepare o palato porque nós damos-lhe os três sítios para comer xerém em Lisboa.

Recomendado: Três sítios para comer cachupa

Três sítios para comer xerém em Lisboa

  • Restaurantes
  • Avenidas Novas
  • preço 3 de 4

Alexandre Silva está a brincar com o FOGO nas Avenidas Novas. Tudo passa pelas brasas nesta cozinha de autor descontraída, a lembrar os cozinhados de casa. O xerém de berbigão é servido num tachinho e é dose que pode ser acompanhamento ou prato principal. É feito com caldo de berbigão e de peixe, para suavizar.

Preço: 7€

  • Restaurantes
  • Português
  • Belém
  • preço 2 de 4

Carlos Afonso e Sérgio Frade têm n’O Frade uma tasca alentejana contemporânea, só com lugares ao balcão. O menu é composto essencialmente por petiscos, com um ou outro prato principal, e vão mudando, portanto se quiser um em específico ligue a perguntar se há. Comece com os ovos mexidos com túberas e prove o xerém de berbigão com carne de porco frita.

Preço: 9€

Publicidade
  • Restaurantes
  • Português
  • São Vicente 
  • preço 2 de 4

Esta cozinha é essencialmente portuguesa e do mar mas com muitas técnicas japonesas. O menu de degustação com dez pratos e sobremesa (25€) e uma opção mas também pode pedir o xerém, feito com polenta e servido com choco, berbigão e cebolo à carta.

Preço: 9€

Mais mesas em Lisboa

  • Restaurantes

A restauração floresce a grande velocidade na capital. Aliás, a nossa cidade tem uma diversidade cada vez maior no que à restauração diz respeito. E é mesmo caso para dizer: venham eles. Fizemos-lhe um guia com os melhores novos restaurantes em Lisboa abertos nos últimos meses. Não se sinta desactualizado e marque já mesa – é só escolher a gastronomia que mais lhe apetece hoje.

  • Restaurantes

Sabemos dos índices de circulação automóvel, dos índices de poluição, dos preços por metro quadrado e da quantidade de marcas prestigiadas que fazem a vizinhança. Mas não se assuste: tal como há lojas na Avenida para todos os bolsos, também há restaurantes. Dos mais tradicionais, aos italianos, vegetarianos ou saudáveis, esta é a nossa escolha dos melhores restaurantes na Avenida da Liberdade.

Publicidade
  • Restaurantes

Corremos o Bairro Alto e cruzámo-nos com mais de 100 restaurantes pelo caminho, nem todos merecedores de nota, é certo. Mas nas ruas mais boémias da cidade há mais do que bares com promoções em mojitos gigantes. Estes são os melhores restaurantes no Bairro Alto para almoçar sem confusão, fazer um jantar pré-noite de copos ou ter uma experiência gastronómica.

Recomendado
    Também poderá gostar
      Publicidade