Cinco escapadinhas para o fim-de-semana grande (se o tiver)

Se é daqueles que vai aproveitar o feriado de 5 de Outubro para não trabalhar na sexta-feira e assim ficar com um fim-de-semana de quatro dias, temos um plano de fuga para si. Que é como quem diz, cinco sugestões para sair de Lisboa.
colina dos piscos
©DR
Por Cláudia Lima Carvalho |
Publicidade

Ou são novos ou têm novidades que valem a pena uma dormida. Siga as nossas dicas se quer passar o fim-de-semana prolongado fora. Garantimos que não se vai arrepender.

Planos de fuga

Dolce Campo Real
©DR
Viagens

Dolce CampoReal Lisboa: dar um tempo em Torres Vedras

Vamos ser honestos: não viemos aqui tanto pelo passeio, foi mesmo para descansar. O Dolce CampoReal Lisboa é, no melhor cliché, um bom destino para fugir da cidade. Fica muito perto de Lisboa, mas estamos longe o suficiente para nem nos lembrarmos que ela existe. E temos tudo aqui para não precisarmos de pegar no carro para nada.

Viagens

Quinta dos Machados: o bosque em casa

Nas traseiras de uma casa há uma roseira. Consta que em tempos deu sombra a uma declaração de amor. Uma antiga matriarca foi ali pedida em casamento e a família pôs como condição de venda da propriedade que a planta fosse cuidada. A roseira, vem a saber-se, é um raríssima Bela Portuguesa, arbusto de grandes dimensões criado em 1903 por um francês, de seu nome Henri Cayeux, jardineiro-chefe do Jardim Botânico. Dá botões todo o ano, oferece rosas enormes e diz-se que não restam mais que umas dezenas espalhadas pelo país. E é um cartão de visita perfeito para a Quinta dos Machados, um espaço enxertado de natureza, património, beleza e uma história por contar.

Publicidade
Publicidade
colina dos piscos
©DR
Viagens, Escapadas

Colina dos Piscos: Ourém, obviamente

Quer uma sugestão para um fugida de fim-de-semana? Siga-nos até Ourém, até à Colina dos Piscos, um turismo rural que abriu portas em Abril deste ano. Não se vai arrepender.

Outras escapadinhas

oeste-praia
Fotografia: Arlindo Camacho
Viagens

O melhor do Oeste

Andámos pela costa a norte de Lisboa e descobrimos as melhores praias, sítios para petiscar, hotéis para uma escapadinha e outras dicas para aproveitar estas terras cheias de boa onda. Só não lhe damos um corta-vento. 

Fotografia: Arlindo Camacho
Viagens

O melhor da costa alentejana

Fomos descendo, com vagar. Andando, parando, descobrindo, ouvindo quem sabe e assentando tudo. Sempre assim, no gerúndio, num presente distendido sem pressa nem prazo de validade, como tudo deve ser vivido na costa alentejana. De Melides à Zambujeira do Mar.  

Publicidade
arrábida
Fotografia: Arlindo Camacho
Viagens

20 coisas para fazer na Arrábida

Antes que diga que falhámos clássicos como as tortas de Azeitão ou o choco frito setubalense, aqui vai o esclarecimento: preparámos toda uma outra lista exclusivamente dedicada à engorda. Mas uma coisa de cada vez. Anote estas 20 razões para explorar a região da Arrábida.

Publicidade
Esta página foi migrada de forma automatizada para o nosso novo visual. Informe-nos caso algo aparente estar errado através do endereço feedback@timeout.com