Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Encha a despensa nas melhores lojas para comprar a granel em Lisboa

Encha a despensa nas melhores lojas para comprar a granel em Lisboa

Abasteça a sua despensa com produtos 100% biológicos nas lojas, mercearias e mercados biológicos de Lisboa

Publicidade
Prado Mercearia
©Manuel Manso Prado Mercearia

Grão a grão é realmente possível fazer a diferença no que toca à sustentabilidade, isto se nos tornarmos adeptos de compras a granel. Feijão, quinoa, arroz, nozes, tremoços ou infusões, os dispensadores destas lojas estão recheados e pode fazer o mesmo à sua despensa.

Só no distrito de Lisboa, há 63 sítios de venda de produtos a granel. O levantamento das lojas de todo o país está no site agranel.pt, criado por Ana Martins e os membros do grupo Lixo Zero Portugal. Pode pesquisar por distrito, concelho ou produto e se vir que lá falta alguma, é só avisar que acrescentam à base de dados. Damos-lhe a seguir uma versão resumida dessa lista e de alguns dos sítios onde pode ser amigo do ambiente. Comprar a granel em Lisboa nunca foi tão fácil. 

Recomendado: Os melhores restaurantes vegetarianos em Lisboa

As melhores lojas para comprar a granel em Lisboa

AmorBio
©Arlindo Camacho
Compras

AmorBio

icon-location-pin Alvalade

Esta loja vende tudo o que se encontra num supermercado convencional, mas em versão bio – das mercearias secas ao bacalhau salgado, passando pelos frescos, sumos, cosmética e produtos para criança.

Praça de Alvalade, 9 A (Alvalade). Seg-Sáb 09.30-20.30, Dom 10.00-18.00.

Biomercado
Fotografia: Arlindo Camacho
Compras, Mercados e feiras

Biomercado

icon-location-pin São Sebastião

Tem uma garrafeira biológica, legumes, frutas, carne sem hormonas e de pasto tradicional, peixe de pesca artesanal, produtos de cosmética e de higiene biológicos, bem como detergentes e cereais, chás e especiarias.

Avenida Duque de Ávila, 141B (Saldanha). Seg-Sáb 09.00-20.00, Dom 10.00-20.00.

Publicidade
Celeiro de Campo de Ourique
©Manuel Manso
Restaurantes

Celeiro

icon-location-pin Campo de Ourique

O Celeiro é o clássico das lojas biológicas e assume-se assim como grande superfície que levou o biológico a toda a cidade, entre lojas de centro comercial e lojas de rua.

Vários locais, www.celeiro.pt

comida independente
Fotografia: Manuel Manso
Compras, Mercearias finas

Comida Independente

icon-location-pin Santos

Antes de abrir a Comida Independente, Rita Santos andou a viajar pelo país, a conhecer produtores, os seus métodos e os seus produtos, a ser encaminhada de um produtor de azeite para um queijeiro e deste para o criador
 de gado de cada zona. Nesta mercearia em Santos, que volta 
e meia funciona como bar de vinhos, tem provas comentadas e chefs convidados, e serve também pequenos-almoços simples e tábuas de queijos e enchidos, há produtos de pequenos produtores de todo o país.

Rua Cais do Tojo, 28 (Santos). Seg-Sáb 10.00-20.00.

Publicidade
Food Mercearia BIO
Duarte Drago
Restaurantes, Mercearias finas

Food Mercearia Bio

icon-location-pin Chiado/Cais do Sodré

É metade cafetaria, metade mercearia, mas tudo biológico. O maior fornecedor de produtos frescos é a Horta
do Adão, mas também tem muitas coisas da Biofrade.
Nas prateleiras há granolas, produtos da Iswari ou da Origens bio; barrinhas energéticas da Roobar ou da Raw Bite e uma garrafeira completamente biológica e portuguesa.

Largo do Conde Barão, 15 (Santos). Seg-Sáb 10.30-19.30.

Supermercado Go natural
Fotografia: Manuel Manso
Compras, Supermercados

Go Natural Supermercado

icon-location-pin Avenidas Novas

O primeiro supermercado Go Natural abriu em 2016 – a rede vai já em oito, com mais de quatro mil produtos, biológicos
 e saudáveis. Tem uma parte de mercearia a granel, com cereais
e leguminosas, outra de pães biológicos e opções sem glúten, 
e uma montra de grab & go com opções frias e quentes.

Avenida 5 de Outubro, 85 (Saldanha). Seg-Dom 09.00-21.00.

Publicidade
Compras, Mercearias

JustBio

icon-location-pin Grande Lisboa

Abriu na passada quarta (13 Março) a primeira JustBio em Lisboa, uma marca francesa de produtos biológicos que pretende levar os melhores produtos de origem natural a toda a gente, a preços acessíveis. Além de prateleiras cheias, têm 111 dispensadores com leguminosas, cereais, chás, infusões, tudo para levar em sacos de papel reciclado ou materiais biodegradáveis.

Rua José António Aguiar (Marquês de Pombal).

Maria Granel
©DR
Compras

Maria Granel

icon-location-pin Alvalade

Eunice Maia e Eduardo trataram de pôr tudo a ser vendido a peso, à antiga, em 2015, numa altura em que ainda ninguém falava
 em retomar este hábito antigo. Têm já um segundo espaço, em Campo de Ourique, com 150 m2 e dois pisos e vendem de tudo: azeitonas, tremoços, feijão, grão, frutos secos, chás, infusões, mel, cereais de pequeno-almoço, arroz, gomas, especiarias, preparados de arroz, cogumelos, bem como produtos de higiene pessoal e detergentes naturais, também a granel. Pode levar o recipiente de casa ou usar os sacos de pano à venda na loja.

Rua José Duro, 22B (Alvalade), Seg-Sáb 10.00-19.00; Rua Coelho da Rocha, 37 (Campo de Ourique), Seg-Sáb 10.30-19.30.

Publicidade
Mercado AgroBio
©Ana Luzia

Mercados AgroBio

Os Mercados Agrobio são supervisionados pela Associação Portuguesa de Agricultura Biológica e reúnem semanalmente produtores de legumes, fruta, ovos, mel, vinho, azeite, queijos e outros produtos de origem biológica certificada. O objectivo é facilitar o acesso aos produtos de agricultura biológica a preços acessíveis e incentivar a produção e o consumo de produtos frescos e da época. Estão por toda a cidade, no centro e não só, acontecem especialmente aos fins-de-semana.

www.agrobio.pt/consumidor/mercados-agrobio/

Miosótis
©Manuel Manso
Compras, Supermercados

Miosótis

icon-location-pin São Sebastião

Ainda a moda do biológico não era moda e já Ângelo Rocha vendia fruta sem químicos, carne sem hormonas e outros produtos amigos da saúde e do planeta no Miosótis – o primeiro supermercado 100% biológico de Lisboa. Tem uma das melhores variedades de legumes, carne e peixe bio.

Rua Latino Coelho, 89 (São Sebastião). Seg-Sáb 09.00-21.00.

Publicidade
Prado Mercearia
©Manuel Manso
Compras, Mercearias

Prado Mercearia

icon-location-pin Grande Lisboa

Esta mercearia está cheia de fornecedores portugueses. Há ovos biológicos, bons queijos, frascos de vidro com cereais e leguminosas a granel, legumes
e frutas frescos do Hortelão 
do Oeste, Quinta do Poial ou Pomar de Príncipe, enchidos da salsicharia estremocence SEL, vinhos biológicos, biodinâmicos e naturais. À antiga, com
uma vistosa balança e preços escritos à mão.

As Prado Seasons começaram em Março: António Galapito quer dinamizar a mercearia com um programa 
de residências de chefs. De dia mantém-se uma loja normal, com opções simples de almoço, à noite o ambiente muda. A cozinha foi equipada, criaram uma zona de refeição com lugares sentados e outros em pé, e o convite é para que estes chefs tragam o seu estilo de cozinha mas se adaptem ao conceito de mercearia, criando pratos e opções para almoço e jantar, com os produtos à venda na loja e outros, sempre sazonais e aproveitando ao máximo os alimentos, na mesma linha do Prado. A primeira Season começa com o australiano Sebastian Myers, que por cá ficará até 30 de Março. Segue-se Edgar Wallace, de 9 a 30 de Abril.

Rua das Pedras Negras, 37 (Sé). 91 774 6768.

Villabio
©Arlindo Camacho
Compras

Villabio

icon-location-pin Belém

É a primeira loja biológica do Restelo e vende legumes e
frutas frescas, vinhos e azeite, queijos e snacks, champôs e papel higiénico, mas também organiza workshops sobre alimentação saudável e consultas de nutrição.

Rua Gonçalves Zarco, 18 (Restelo). 21 301 1518. Seg-Sex 09.30-20.00, Sáb 09.30-13.00.

Lisboa verde

ISTO
Duarte Drago
Compras, Estilo de vida

As lojas e marcas sustentáveis em Lisboa que tem de conhecer

Hoje em dia, estar atento à pegada ecológica e tornar-se consciente das suas escolhas enquanto consumidor já se tornou habitual – comprar sustentável deixou de ser um bicho de sete cabeças e, para alguns, é já um estilo de vida. Também por isso Lisboa tem cada vez mais espaços e marcas que promovem este modo de vida. 

Publicidade