Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Faça check-in nestes restaurantes de hotel no Algarve

Atenção, continuamos a tentar dar-lhe a informação mais actualizada. Mas os tempos são instáveis, por isso confirme sempre antes de sair de casa.

YAKUZA PINECLIFFS
Fotografia: Francisco Santos

Faça check-in nestes restaurantes de hotel no Algarve

Do fine dining à cozinha tradicional, eis nove sugestões de restaurantes de hotel no Algarve.

Por Ágata Xavier e Raquel Dias da Silva
Publicidade

Não interessa se lá está hospedado ou a meio de um passeio. Não vale a pena ter receio da “informal formalidade” de um restaurante de hotel. O melhor é, sem sequer pestanejar, aceitar a antítese e reservar mesa num destes restaurantes de hotéis algarvios. Mas, se ainda tem dúvidas, anote: do fine dining à comida tradicional, têm todos em comum um enorme supermercado aquático — o mar e a ria — para ir buscar os ingredientes mais frescos. Entre resorts e boutique-hotéis, com vistas mais ou menos azuladas, com ou sem estrelas Michelin, estas são as nossas nove sugestões de restaurantes de hotel no Algarve. Para fazer check-in e sentar-se à mesa sem pressa.

Recomendado: Restaurantes com estrela Michelin no Algarve

Faça check-in num restaurante de hotel

1. Emo

Restaurantes

Quem visita – e experimenta – o restaurante de fine dining do Anantara Vilamoura rapidamente percebe que está a piscar o olho à estrela Michelin. E atributos não lhe faltam: desde a complexidade dos pratos pensados pelo chef executivo Bruno Viegas, às combinações vínicas do “wine guru” Bruno Cunha. O Emo foi, aliás, distinguido recentemente pela revista especializada Wine Spectator como um paraíso vínico, graças às mais de três centenas de referências da garrafeira. O menu de degustação (95€) inclui quatro pratos (pato curado, sopa de peixe, robalo “ao sal” e filé de costela) e duas sobremesas (uma mousse com 70% de chocolate de Madagáscar e um creme brulée de avelã).

2. Orangea Bistro

Restaurantes

Quem se senta no Orangea, de preferência debruçado sobre as piscinas, esquece-se da estrada nacional, a poucos metros dali. Neste pequeno oásis em Tavira, impera o silêncio e o descanso. E imperam também as tapas e um licor muito especial, o Orangea, que é caseiro e feito com laranjas algarvias. Com um ambiente descontraído, este bistro é completamente camaleónico, ideal para almoços sem olhar para o relógio, um snack fora de horas ou um lanche reforçado com as crianças. À duas cartas, uma para o almoço e outra para o jantar, mas os cocktails estão sempre presentes e valem a pena o desvio.

Publicidade

3. Vistas

Restaurantes

Num complexo turístico de luxo, conhecido pelo seu campo de golfe, o restaurante Vistas está nas mãos de Rui Silvestre, chef que trouxe uma estrela ao algarvio Bon Bon e que abriu o Quorum, em Lisboa, no início de 2018. A ementa aposta na dieta mediterrânica e nos produtos locais. Além de um menu à lá carta, entre os 18€ e os 53€ o prato, existem ainda dois menus especiais, o Fauna & Flora (90€), inspirado na natureza, e o Sea Promenade (110€), inspirado no mar. 

4. Avenida

Restaurantes

Roeland Klein, o chef holandês à frente do Avenida, estica o braço e encontra o que precisa: quer seja numa ida ao mercado de Lagos, quer seja numa investida à horta que o seu restaurante de fine dining alberga, no Lagos Avenida Hotel. À mesa serve-se, por exemplo, peixe do dia em crosta de sal (75€ para duas a três pessoas) ou costeletão de boi maturado (99€ para duas a quatro pessoas). Mas pode optar por um menu de degustação com seis pratos por 60€.

Publicidade

5. Yakuza Algarve

Restaurantes Asiático contemporâneo

Este clássico dos restaurantes japoneses no Algarve está inserido no Pine Cliffs Resort, com acesso directo pelo exterior do empreendimento e aberto apenas ao jantar, todos os dias da semana durante o período de verão. Com três espaços distintos – um interior, mais intimista, e dois ao ar livre –, é a opção certa para os amantes de sushi. O menu compõe-se de especialidades tradicionais japonesas com um toque de aromas mediterrânicos, onde sobressaem algumas das especialidades que pode encontrar no Yakuza First Floor, em Lisboa; mas também alguns dos pratos mais emblemáticos da marca Olivier, como a Picanha de Kobe, o Bife Olivier e o Linguini com Trufa Preta.

6. Casa da Tella Restaurante

Restaurantes

Por fora, é uma típica casa senhorial algarvia. Por dentro, é uma casa moderna decorada com gosto e requinte. Abriu em Outubro de 2017 mesmo no centro de Tavira e tem cinco suítes decoradas com objectos que vieram do Brasil – onde Alessandra Albuquerque e Marisa Dias de Macedo, as proprietárias, nasceram. Há uma sala de estar comum, um pátio e uma pequena piscina, além de um restaurante, cuja carta vai variando diariamente, com sugestões como robalo no papelote com vinho branco ou polenta grelhada com molho de cogumelos.

Publicidade

7. Vila Joya

Restaurantes

Quando toda a gente andava preocupada com o bug do milénio, o restaurante do Vila Joya ganhava a sua segunda estrela (“cozinha excepcional, vale a pena o desvio”) – que mantém desde então, 1999 – por causa de Dieter Koschina, um dos mais consagrados chefs a trabalhar em Portugal. Este ano, torna-se no ‘recordista’ dos restaurantes portugueses distinguidos pelo Guia Michelin, com 26 anos consecutivos. O primeiro restaurante de alta cozinha do país continua assim a ser uma referência à escala planetária. Agora é esperar pela próxima edição da Rota das Estrelas, um encontro de galácticos que não jogam no Real Madrid. Antes, pode lá ir por sua conta e vontade (o risco é só para a sua carteira), apreciar as vistas magníficas para a costa algarvia e os pratos do chef, que combinam produtos locais frescos e tradicionais com técnicas clássicas da alta cozinha francesa.

Mostrar mais

O que fazer no Algarve

Praia do Meco
Photograph: Manuel Manso

As melhores praias naturistas em Portugal

Coisas para fazer

Fomos à procura das melhores praias naturistas em Portugal para poder andar como veio ao mundo, sem vergonha nem receio, e conhecer pessoas frescas que não têm medo de aragens. Dispa-se de preconceitos. 

Caminhando entre lagoas de Sintra
©Caminhando

Cinco lagoas para visitar perto de Lisboa

Coisas para fazer

A distinção técnica entre uma lagoa e um lago ainda não foi padronizada universalmente. Mas, se olhar para uma, é fácil dizer “não, isto não é um lago, é uma lagoa, não se percebe logo?”. Nomenclatura à parte, todos sabemos como uma lagoa é um paraíso aquático. A pensar nisso, fomos à procura das lagoas mais bonitas perto de Lisboa, perfeitas para dar umas braçadas, montar um piquenique nas bordas ou namorar ao luar. 

Publicidade
praias fluviais
DR

Praias fluviais perto de Lisboa

Coisas para fazer

As praias fluviais, menos conhecidas ou de difícil acesso, são uma boa alternativa a ponderar e de certo com menos ajuntamentos. Basta estar disposto a fazer uma viagem de carro para uma destas 12 praias fluviais perto de Lisboa. Não se preocupe, que só há uma ou duas a mais de uma hora. Sim, é um esticão, mas vale a pena.

Recomendado

    Também poderá gostar

      Publicidade