Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Faça check-in nestes restaurantes de hotel no Algarve

Faça check-in nestes restaurantes de hotel no Algarve

Do fine dining à cozinha tradicional, eis nove sugestões de restaurantes de hotel no Algarve.

Por Ágata Xavier e Raquel Dias da Silva |
Publicidade
YAKUZA PINECLIFFS
Fotografia: Francisco Santos

Não interessa se lá está hospedado ou a meio de um passeio. Não vale a pena ter receio da “informal formalidade” de um restaurante de hotel. O melhor é, sem sequer pestanejar, aceitar a antítese e reservar mesa num destes restaurantes de hotéis algarvios. Mas, se ainda tem dúvidas, anote: do fine dining à comida tradicional, têm todos em comum um enorme supermercado aquático — o mar e a ria — para ir buscar os ingredientes mais frescos. Entre resorts e boutique-hotéis, com vistas mais ou menos azuladas, com ou sem estrelas Michelin, estas são as nossas nove sugestões de restaurantes de hotel no Algarve. Para fazer check-in e sentar-se à mesa sem pressa.

Recomendado: Restaurantes com estrela Michelin no Algarve

Faça check-in num restaurante de hotel

1
Restaurantes

Emo

Quem visita – e experimenta – o restaurante de fine dining do Anantara Vilamoura rapidamente percebe que está a piscar o olho à estrela Michelin. E atributos não lhe faltam: desde a complexidade dos pratos pensados pelo chef executivo Bruno Viegas, às combinações vínicas do “wine guru” Bruno Cunha. O Emo foi, aliás, distinguido recentemente pela revista especializada Wine Spectator como um paraíso vínico, graças às mais de três centenas de referências da garrafeira. O menu de degustação (95€) inclui quatro pratos (pato curado, sopa de peixe, robalo “ao sal” e filé de costela) e duas sobremesas (uma mousse com 70% de chocolate de Madagáscar e um creme brulée de avelã).

2
Restaurantes

Orangea Bistro

Quem se senta no Orangea, de preferência debruçado sobre as piscinas, esquece-se da estrada nacional, a poucos metros dali. Neste pequeno oásis em Tavira, impera o silêncio e o descanso. E imperam também as tapas e um licor muito especial, o Orangea, que é caseiro e feito com laranjas algarvias. Com um ambiente descontraído, este bistro é completamente camaleónico, ideal para almoços sem olhar para o relógio, um snack fora de horas ou um lanche reforçado com as crianças. À duas cartas, uma para o almoço e outra para o jantar, mas os cocktails estão sempre presentes e valem a pena o desvio.

Publicidade
3
Restaurantes

Vistas

Num complexo turístico de luxo, conhecido pelo seu campo de golfe, o restaurante Vistas está nas mãos de Rui Silvestre, chef que trouxe uma estrela ao algarvio Bon Bon e que abriu o Quorum, em Lisboa, no início de 2018. A ementa aposta na dieta mediterrânica e nos produtos locais. Além de um menu à lá carta, entre os 18€ e os 53€ o prato, existem ainda dois menus especiais, o Fauna & Flora (90€), inspirado na natureza, e o Sea Promenade (110€), inspirado no mar. 

4
Restaurantes

Avenida

Roeland Klein, o chef holandês à frente do Avenida, estica o braço e encontra o que precisa: quer seja numa ida ao mercado de Lagos, quer seja numa investida à horta que o seu restaurante de fine dining alberga, no Lagos Avenida Hotel. À mesa serve-se, por exemplo, peixe do dia em crosta de sal (75€ para duas a três pessoas) ou costeletão de boi maturado (99€ para duas a quatro pessoas). Mas pode optar por um menu de degustação com seis pratos por 60€.

Publicidade
5
Restaurantes, Asiático contemporâneo

Yakuza Algarve

Este clássico dos restaurantes japoneses no Algarve está inserido no Pine Cliffs Resort, com acesso directo pelo exterior do empreendimento e aberto apenas ao jantar, todos os dias da semana durante o período de verão. Com três espaços distintos – um interior, mais intimista, e dois ao ar livre –, é a opção certa para os amantes de sushi. O menu compõe-se de especialidades tradicionais japonesas com um toque de aromas mediterrânicos, onde sobressaem algumas das especialidades que pode encontrar no Yakuza First Floor, em Lisboa; mas também alguns dos pratos mais emblemáticos da marca Olivier, como a Picanha de Kobe, o Bife Olivier e o Linguini com Trufa Preta.

6
Restaurantes

Casa da Tella Restaurante

Por fora, é uma típica casa senhorial algarvia. Por dentro, é uma casa moderna decorada com gosto e requinte. Abriu em Outubro de 2017 mesmo no centro de Tavira e tem cinco suítes decoradas com objectos que vieram do Brasil – onde Alessandra Albuquerque e Marisa Dias de Macedo, as proprietárias, nasceram. Há uma sala de estar comum, um pátio e uma pequena piscina, além de um restaurante, cuja carta vai variando diariamente, com sugestões como robalo no papelote com vinho branco ou polenta grelhada com molho de cogumelos.

Publicidade
7
Restaurantes

Vila Joya

Quando toda a gente andava preocupada com o bug do milénio, o restaurante do Vila Joya ganhava a sua segunda estrela (“cozinha excepcional, vale a pena o desvio”) – que mantém desde então, 1999 – por causa de Dieter Koschina, um dos mais consagrados chefs a trabalhar em Portugal. Este ano, torna-se no ‘recordista’ dos restaurantes portugueses distinguidos pelo Guia Michelin, com 26 anos consecutivos. O primeiro restaurante de alta cozinha do país continua assim a ser uma referência à escala planetária. Agora é esperar pela próxima edição da Rota das Estrelas, um encontro de galácticos que não jogam no Real Madrid. Antes, pode lá ir por sua conta e vontade (o risco é só para a sua carteira), apreciar as vistas magníficas para a costa algarvia e os pratos do chef, que combinam produtos locais frescos e tradicionais com técnicas clássicas da alta cozinha francesa.

Mostrar mais

O que fazer no Algarve

Coisas para fazer

As praias paradisíacas que ainda resistem no Algarve

Sugerimos três mãos cheias de areais no Algarve que costumam ter espaço para estender a toalha, espetar o guarda-sol e esticar as pernas sem tocar em ninguém. Não acredita neste oásis? Fomos do Barlavento ao Sotavento à procura das praias perfeitas para descansar do mundo.

Publicidade
Viagens

O melhor da noite no Algarve

Os Fúria do Açúcar cantavam que “no Verão os dias ficam maiores”, esquecendo que também as noites parecem esticar. Do Barlavento ao Sotavento, indicamos-lhe os melhores bares e discotecas da região. Depois disto só vai precisar de arranjar maneira de sobreviver à ressaca.

You may also like

    Publicidade