A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Passeio de sidecar da Bike my Side
ManuelMansoPasseio de sidecar da Bike my Side

Fuja da rotina com estes planos alternativos para o Dia dos Namorados

À procura de planos alternativos para o Dia dos Namorados? Temos várias ideias à prova de lamechice para evitar encontros de terceiro grau com casais apaixonados.

Escrito por
Francisca Dias Real
Publicidade

O dia é de corações e rosas vermelhas mas há como escapar à pirosice, que é como quem diz fugir da rotina como o diabo foge da cruz – e dos jantares à luz das velas, dos filmes românticos, dos passeios de barco no Campo Grande ou do pôr-do-sol no miradouro. Amor com amor se paga, e é sempre possível impressionar a outra metade, seja pela barriga, seja pela ousadia. Para amigas, amigos, amigas e amigos, reunimos alguns planos alternativos para pôr em prática no Dia dos Namorados. Ainda houve tempo de arranjar uma escapatória para os solteiros, que nada têm, mas tudo merecem. 

Recomendado: Coisas românticas para fazer em Lisboa 

Planos alternativos para o Dia dos Namorados

  • Restaurantes

São três palavrinhas mágicas: comida ao domicílio, ou uma apenas ("delivery"), se preferir recorrer à capacidade de síntese anglo-saxónica. Existem para nos facilitarem a vida (ou aumentarem a preguiça) e são cada vez mais. Só tem de decidir o que lhe apetece comer, pegar no telemóvel ou sentar-se ao computador, fazer a encomenda e desfrutar de uma boa refeição sem sair de casa e apanhar com uns quantos casais melosos que celebram a dara.

  • Bares

Os bares speakeasy são uma boa opção para quem aprecia o secretismo até na hora de beber um copo. O conceito surgiu durante a Lei Seca nos Estados Unidos, sendo os estabelecimentos que vendiam álcool ilegalmente nessa época conhecidos como speakeasies, porque era necessário falar (speak) com cuidado (easy). Por cá, o Red Frog (Rua do Salitre, 5A) funciona à porta fechada, numa cave que antes acolhia um clube de strip, e além de cocktails incríveis tem uma rede de telemóvel muito limitada. O Ulysses (Rua da Regueira, 16A) fica no meio de Alfama, numa porta discreta, difícil de encontrar. O bar até pode ter o tamanho de uma caixa de sapatos mas é um verdadeiro tesouro de bebidas espirituosas e licores raros. Toque também à campainha do clássico Procópio (Alto de São Francisco, 21). Na sala mal iluminada, com lareira, um piano vintage e lustres de vidro Art Nouveau, atire-se aos cocktails vintage e beije sem medo de ser catado.

Publicidade
  • Coisas para fazer

Crimes, lições de História, intrigas, espionagem e Illuminati. Não precisa de um grande grupo para escapar: dois é o número mínimo e mágico para se meter nesta brincadeira. Pode experimentar a novíssima sala da Escape2Win, em Algés, onde terá de passar numa entrevista de emprego para ser o próximo paquete do hotel. Na Lisbon Escape Game, prepare-se para enfrentar com o seu amor A Casa do Espião, uma sala onde a Segunda Guerra Mundial está ao rubro. Na Escape Hunt Lisboa é possível vestir o papel de um verdadeiro Sherlock Holmes – O Mistério de Pessoa, o Terramoto de 1755 ou a Introdução a uma Sociedade Secreta prometem animar as hostes. Se for daqueles casalinhos “nerdotecnológicos” experimente um escape room virtual no Centro de Realidade Virtual – os desafios cabem dentro do telemóvel que lhe servir de óculos.

  • Compras

Fetichismo? Lingerie? Fatos de latex, poppers, a escolha é sua. Vale tudo, menos vergonha. Nestas lojas de brinquedos sexuais (e afins)  há de tudo para todos: aqueça a relação com os últimos brinquedos, escolha uma roupa interior bem arrojada e surpreenda a sua cara-metade. Ou então passe simplesmente um bom bocado a descobrir todas as possibilidades que até agora desconhecia. 

Publicidade
  • Coisas para fazer
  • Grande Lisboa

Tem raivas que precisa de libertar na relação? Descarregue as fúrias nesta rage room, uma sala cheia de equipamentos electrónicos e loiças. Para este exercício de destruição recreativa na Smash it, em Benfica, vai ter de se equipar à séria: macacão, botas subidas, luvas, capacete e um colete-carapaça (sexy, ãh?). As armas estão dispostas na parede, e vão desde uma simples panela ao bastão. A partir daqui é escolher e começar a aplicar a ira em garrafas, monitores, teclados, quadros, bibelots, impressoras ou até boxe num manequim.

  • Hotéis
  • Motéis

Pode ser a dois ou a mais, depende dos gostos. Mas uma coisa é certa: dificilmente alguém saberá que veio, mas toda a gente saberá ao que vai. Camas redondas, lofts com piscina interior, acessórios picantes, luzes psicadélicas e tarifas à hora fazem parte da experiência – digamos diferente –, que pode ter neste dia dos namorados.

Publicidade
Um ménage sobre rodas
©Manuel Manso

Um ménage sobre rodas

Os passeios de sidecar não são para qualquer um – primeiro porque vai ter de partilhar a sua experiência romântico-aventureira com um terceiro elemento, que conduz o sidecar vintage da Bike my Side, bem ao estilo de antigamente. A empresa leva-o a dar uma volta por Lisboa evitando as artérias mais movimentadas, usando estradas alternativas, sempre montado num sidecar Ural dos anos 40. Pode sempre armar-se em Tintim ou em Indiana Jones nesta voltinha, que eles também conduziam os deles cheios de estilo. Há vários passeios pensados, mas o negócio está sempre aberto a mudar a trajectória ou a fazer uma paragem fora da rota (sai um anel?). Tem três sidecars e até um jipe todo-o-terreno, mas essa é outra história de amor.

www.bikemyside.com. 96 255 46 10. lisboa@bikemyside.com. A partir dos 160€.

Aventure-se na Arrábida
©Arlindo Camacho

Aventure-se na Arrábida

Pode ser um presente com segundas intenções, ou seja, oferece o vale à sua cara-metade mas aproveita-se dele também. A Wind Cam quer que viva uma aventura a dois na Arrábida – pense só no cenário paradisíaco –, e pode escolher  entre coasteering, passeio de barco costa a costa, canoagem com snorkeling, circuito aventura pela montanha, experiência de escalada ou de espeleologia. Vamos lá ver quem é que é aventureiro a este nível. 

geral@wind-cam.pt ou 93 626 3540. 49,99€/pessoa

Publicidade
Veja um filme alternativo
  • Filmes

Na mesma onda, para evitar os casais apaixonados que enchem as salas de cinema, tenha em mente que algumas pérolas do cinema escapam às grandes salas. São clássicos para ver e rever – ou apenas filmes fora da rota comercial e por isso fora dos grandes centros comerciais. Para não perder nada, damos-lhe as melhores sugestões de cinema alternativo em Lisboa, habitualmente em salas muito especiais. 

  • Restaurantes
  • Alcântara

Cafés, bares e restaurantes enchem-se de gente com respostas na ponta da língua, prontos a vencer as famosas noites de quizzes em Lisboa. Terça é dia de enchente no Apple House (Avenida Elias Garcia, 19B; Terças 21.00; 1€), com os quiz masters Tiago Oliveira e João Torgal. No café-bar A Sala (Rua Correia Garção, 11; 3€; 20.00) as noites de quiz são às quintas de quinze em quinze dias e O Sabichão lidera as sessões. Uma vez por mês (mais coisa menos coisa), a Fábrica Musa (Rua do Açúcar, 83) recebe também o Pub Quizadilla, temático a cada sessão e com 50 perguntas de cultura geral para equipas de dois pombinhos a cinco pessoas.

Publicidade
  • Coisas para fazer
  • Grande Lisboa

Não é preciso ter namorado/a para ir às nuvens: o Bounce acrescentou a Flight Academy ao seu programa de treino, uma aula onde é possivel aprender todo o tipo de habilidades nos trampolins mais famosos de Lisboa. São para maiores de sete anos, ou seja, destinam-se tanto aos novatos que querem começar a dar grandes saltos como aos mais avançados que querem dominar os “doubles, twists e layouts”. A Flight Academy tem aulas às terças e quintas às 18.00 e aos sábados às 09.00 e são limitadas a 14 participantes. A mensalidade custa 50 euros e é obrigatório fazer reserva. 

Mais ideias para o Dia dos Namorados em Lisboa

  • Compras

Ela disse: "Eu não ligo nenhuma ao São Valentim, não é preciso comprares nada". Aborte a missão, aborte a missão! Inspire-se na nossa lista de sugestões de presente para o Dia dos Namorados – porque se no dia 14 de Fevereiro aparecer de mãos a abanar, para o ano pode ter de celebrar a data com os encalhados.  Temos 25 ideias de presente para o Dia dos Namorados para ela – e nenhuma o vai levar à falência. 

  • Compras

É um dia que deperta amores e ódios um pouco por todo o lado, mas essencialmente amor. O que não quer dizer que não surja um ligeiro pânico na hora de escolher o presente perfeito, principalmente se for à última da hora. Se ainda não tratou do presente do próximo Dia dos Namorados, que pode ser noutro dia qualquer além do de São Valentim damos-lhe 25 ideias para todos os bolsos de presentes do Dia dos Namorados. 

Publicidade
Recomendado
    Também poderá gostar
      Publicidade