A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Televisão, Séries, Drama, Mistério, O Miniaturista (2020)
©DRAnya Taylor-Joy em O Miniaturista

‘O Miniaturista’, uma grande série desperdiçada

Anya Taylor-Joy (‘Gambito de Dama’) protagoniza esta série de época de recorte fantástico. Está disponível na Filmin.

Escrito por
Eurico de Barros
Publicidade

★★★☆☆

Adaptado do romance de Jessie Burton passado na Amesterdão do século XVII, O Miniaturista (Filmin) desperdiça a oportunidade de ser uma grande série de recorte fantástico. Anya Taylor-Joy interpreta Petronella, uma rapariga pobre constrangida a um casamento de conveniência com um rico mercador, que vive com a severa irmã e dois criados numa mansão à beira de um canal daquela cidade, e que se esquiva a consumar a união. O marido oferece-lhe um modelo da casa encomendada a uma talentosa e misteriosa miniaturista, da qual Petronella vai recebendo objectos e miniaturas representando-a, e aos outros moradores, para a preencher, e através dos quais a artesã parece antecipar tudo o que lhes vai acontecer. Só que este subenredo é serviçal do interessante mas pressentível enredo principal – os segredos do pequeno grupo de pessoas com quem a protagonista vive, e que ela vai descobrindo a pouco e pouco –, e quando os inquietantes poderes da miniaturista são desvendados no final, a explicação é vaga e nada satisfatória. Ficam, de O Miniaturista, e além das perfeitíssimas e sinistras miniaturas, as interpretações de Taylor-Joy e Romola Garai na cunhada, e a recriação dos ambientes, figuras e mentalidades da Amesterdão puritana e febrilmente comercial daquela época.

Mais que ver

Publicidade
Publicidade
Recomendado
    Também poderá gostar
      Publicidade