Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Os melhores miradouros em Lisboa

Os melhores miradouros em Lisboa

Mais ou menos secretos, a cidade tem muitos miradouros. Conheça os melhores miradouros para lavar a vista

Nossa Senhora do Monte miradouro
©Inês Calado Rosa
Por Vera Moura, Renata Lima Lobo e Tiago Neto |
Publicidade

Não é exagero se dissermos que Lisboa é uma das cidades europeias com mais miradouros. Todos com vistas espectaculares sobre os telhados da cidade, os monumentos mais imponentes, o Tejo, a Ponte 25 de Abril ou a outra margem. O turismo pode ter invadido o centro mas ainda há pérolas intocadas quando o assunto se resume a pontos com vistas previligiadas. E sem ter de pagar por isso. Então só tem de escolher um dos melhores miradouros em Lisboa. Se a decisão se revelar difícil, a maioria não vai a lado nenhum e espera por si num dia de sol (ou de chuva).

Recomendado: Os sítios mais instagramáveis em Lisboa

Os melhores miradouros em Lisboa

1
Miradouro de São Pedro de Alcântara
©Inês Félix
Bares

Miradouro de São Pedro de Alcântara

icon-location-pin Chiado/Cais do Sodré
Sim, tem uma vista que chega do Marquês de Pombal ao Tejo, e sim, tem um quiosque perfeito para o calo e onde não se está nada mal no Inverno. Se conseguir ignorar os paus de selfie que invadem a zona do gradeamento (enquanto as obras não terminam) e as hordes de turistas, este é provavelmente um dos melhores miradouros da cidade. Até pela proximidade do Bairro Alto, se o plano for seguir noite dentro.
2
miradouro portas do sol
©Manuel Manso
Atracções, Torres e miradouros

Miradouro das Portas do Sol

icon-location-pin Castelo de São Jorge

Instale-se nos pufs e descontraia a ver o Tejo e os monumentos do bairro de Alfama. O bar deste mirante está integrado num edifício da premiada dupla de arquitectos Aires Mateus e é constantemente animado por um DJ que põe lisboetas e turistas a dançar à volta da estátua de São Vicente de Fora, padroeiro de Lisboa.

Publicidade
3
Miradouro santa luzia
©Ana Luzia
Coisas para fazer

Miradouro de Santa Luzia

icon-location-pin Alfama

É um miradouro com vista privilegiada para Alfama – sendo um dos melhores sítios para mirar o novo Cais de Cruzeiros – e uma ainda melhor para o rio Tejo. Se quer admirar Lisboa, tem lugar à sombra junto às videiras. Se prefere ao sol, a plataforma inferior fica junto a um espelho de água. A muralha sul de Santa Luzia tem ainda dois grandes painéis de azulejo.

4
Miradouro do Recolhimento
©DR/FacebookJoséLagoaLopes
Atracções, Torres e miradouros

Miradouro do Recolhimento

icon-location-pin Castelo de São Jorge

Continua a ser um segredo dentro de um circuito de miradouros cada vez mais abarrotados de gente e essa é, em parte, um pedaço da magia deste miradouro do Recolhimento. A vista é sobre a zona de Alfama e de Santa Apolónia, e é inconfundível pela panorâmica que oferece logo acima do miradouro das Portas do Sol.

Publicidade
5
miradouro do monte
©Arlindo Camacho
Atracções, Torres e miradouros

Miradouro de Nossa Senhora do Monte

icon-location-pin São Vicente 

É ainda melhor do que um mapa da cidade, com um painel de azulejos que permite localizar os principais monumentos. Com vista da Baixa às Avenidas Novas, hoje, é dos miradouros mais visitados e isso tirou-lhe algum do encanto, mas a vista vale o desafio que terá pela frente: hordes de turistas, tuk-tuk e selfies sem pudor. Ah, e cadeados na vedação em redor. 

6
miradouro da graça
©Arlindo Camacho
Atracções, Torres e miradouros

Miradouro da Graça

icon-location-pin São Vicente 

Todos lhe chamam Miradouro da Graça, mas o nome oficial, registado pela Câmara de Lisboa, é Miradouro Sophia de Mello Breyner Andresen. O busto em bronze da poetisa observa a cidade e é possível ler um dos seus poemas enquanto se aprecia Lisboa: do castelo até ao rio, da Mouraria à baixa pombalina. Instale-se numa das cadeiras da esplanada – quando o tempo melhora, a zona anima.

Publicidade
7
miradouro do monte agudo 2016
©José Frade
Coisas para fazer

Miradouro do Monte Agudo

icon-location-pin Lisboa

É quase um segredo do bairro e assim esperamos que continue. Quem passa não imagina que aquele caminho de pedra, nas traseiras de uma escola, vai dar a uma das vistas mais abrangentes da cidade, que ainda pode ser usufruída sem quantidades insalubres de turistas. 

8
Miradouro da Penha de França
©CML
Atracções, Torres e miradouros

Miradouro da Penha de França

icon-location-pin Beato

Geograficamente é difícil perceber se este é, ou não, o mais alto miradouro natural da cidade. A verdade é que seja como for, dá-nos a oportunidade de olhar de frente para uma parte pouco usual da capital. Daqui é possível ver zonas como o Areeiro, a Alameda e apanhar – se o tempo ajudar, claro – partes como Marvila e mais além. A torre de água logo atrás é um marco também.

Publicidade
9
Jardim do Torel
©Arlindo Camacho
Atracções, Parques e jardins

Jardim do Torel

icon-location-pin Avenida da Liberdade/Príncipe Real

Ao longo dos anos sofreu várias intervenções que lhe mudaram drasticamente a aparência. Onde existia um lago existem agora cadeiras viradas para a Lisboa da Avenida até ao Marquês e ao rio. E o factor secreto já foi bastante mais sério, mas a verdade é que o jardim do Torel continua a ter uma vista soberba, seja no piso superior ou no inferior, onde fez casa o BananaCafé.

10
Zambeze
©DR
Restaurantes, Pan-africano

Zambeze

icon-location-pin Castelo de São Jorge

Serviu como palco para Santos Populares e outros tipos de bailaricos e era dos um terraços de referência antes das referências aos terraços. Com as obras, a dinâmica do Mercado alterou-se e o espaço passou para o Zambeze, que ali plantou uma esplanada. Ainda assim, o terraço é acessível ao público. Se lá passar, aproveite para se sentar e pedir uma fresquinha. Vale a pena.

Publicidade
11
Parque do Calhau
©Arlindo Camacho
Atracções, Torres e miradouros

Miradouro do Calhau

icon-location-pin Sete Rios/Praça de Espanha

Tem a vista certa para uma parte pouco observada da capital – o lado Nordeste de Monsanto. O miradouro fica no Parque Recreativo do Calhau, perto das ruínas de um moínho, e tem uma vista previligiada sobre o trânsito do Eixo Norte-Sul.

12
Quiosque Alto do Santo
©Arlindo Camacho
Coisas para fazer

Miradouro da Capela de Santo Amaro

icon-location-pin Alcântara

Junto à Capela de Santo Amaro, monumento nacional desde 1910, está um dos miradouros menos frequentados de Lisboa. E isso é óptimo, porque o difícil nesta cidade é encontrar um sítio sossegado e com boa vista. O Tejo, a Ponte 25 de Abril, Almada, é uma das melhores vistas que vai encontrar em Lisboa. 

Publicidade
13
Parque da Serafina
©Arlindo Camacho
Atracções, Parques e jardins

Miradouro do Alto da Serafina

icon-location-pin Benfica/Monsanto

Ainda na senda de miradouros e sítios dignos de visita nas imediações do Parque do Monsanto, na ponta mais isolada (e sossegada) do Parque da Serafina está um miradouro com um telescópio apontado para Lisboa. Não que o super zoom do seu telefone não faça o mesmo, mas a nostalgia é assoberbante.

14
Monsanto_Parque do Penedo_Basquete
©Arlindo Camacho
Atracções, Torres e miradouros

Miradouro do Moinho do Penedo

icon-location-pin Ajuda

Fica pertíssimo do Miradouro do Auditório Keil do Amaral e logo abaixo tem aquel que é, talvez, o campo de basquetebol em Portugal com a melhor vista. Se passar pelo Monsanto, vale o desvio.

Publicidade
15
Miradouro Keil do Amaral
©Arlindo Camacho
Atracções, Torres e miradouros

Miradouro Keil do Amaral

icon-location-pin Alcântara

Fica semiescondido entre a floresta, na colina do auditório com o mesmo nome, e tem vista para a ponte e o rio. Actualmente serve como casa para concertos ao ar livre e é residência assídua do OutJazz.

16
Jardim do Largo das Necessidades
©DR
Atracções, Parques e jardins

Largo das Necessidades

icon-location-pin Estrela/Lapa/Santos

Em 1910, o Governo Provisório da República Portuguesa avisou: “A Tapada estará aberta ao público permanentemente, servindo para passeio (...) bem como para a lição das coisas ”. A declaração mantém-se actual e o parque botânico encaixado entre Alcântara e a Lapa, que terá inspirado Manet para pintar o seu famoso quadro Almoço na Relva, continua a ser um dos melhores spots da cidade para os fins-de-semana com bom tempo. A vista do Largo é ponto extra.

Publicidade
17
Vista do Arco da Rua Augusta
©ATL/Arco da Rua Augusta
Atracções

Arco da Rua Augusta

icon-location-pin Baixa Pombalina

A construção deste arco triunfal foi programada em 1759, no quadro da reconstrução pombalina que se seguiu ao terramoto de 1755. O Arco da Rua Augusta só ficou concluído, na sua disposição actual, em 1873 e celebra a então grandiosidade do Império Português. Desde 2013 que é possível entrar num elevador para subir ao topo do arco e pelo meio ainda passa por uma exposição sobre a história do monumento.

18
torre da igreja do castelo
©Manuel Manso
Atracções, Edifícios e locais históricos

Torre da Igreja do Castelo

icon-location-pin Grande Lisboa

A torre sineira da Igreja de Santa Cruz do Castelo, reconstruída após o terramoto de 1755, oferece uma das melhores vistas sobre Lisboa e o Tejo. Está assente numa torre da muralha do Castelo de São Jorge e não demora muito tempo a chegar lá cima. São apenas 50 os degraus que terá de vencer para fazer festas aos sinos e tirar fotografias com a cabeça debaixo do sino para usar o hashtag #chapeudebronze.

Publicidade
19
Elevador de Santa Justa
©Ana Luzia
Atracções

Elevador de Santa Justa

icon-location-pin Chiado

As intermináveis filas de turistas passeio fora quase que nos fazem esquecer que este é um transporte público compatível com os cartões VIVA. Monumento Nacional inaugurado em 1902, esta obra do engenheiro portuense Raoul Mesnier de Ponsard é bonita por fora – onde se destacam os trabalhos de filigrana em ferro fundido (e cada andar é diferente) – e por dentro, com uma cabine feita em madeira e latão.

20
Miradouro Panorâmico do Monsanto
©Francisco Santos
Atracções, Torres e miradouros

Panorâmico de Monsanto

icon-location-pin Benfica/Monsanto

O miradouro tem quase meio século. Foi restaurante de luxo, bingo, discoteca, edifício de escritórios e armazém. Agora, este ovni desenhado pelo arquitecto Chaves da Costa tem uma nova vida – uma vida bem mais pacata: faz de miradouro, aquela que
 foi sempre a sua vocação secundária. A vista de 360º para toda a cidade e a localização privilegiada, no Alto da Serafina, fazem deste prédio devoluto o melhor sítio para ver as vistas em Monsanto.

Publicidade
21
ponte 25 abril
©Arlindo Camacho
Atracções

Pilar 7 da Ponte 25 de Abril

icon-location-pin Alcântara

A ponte inaugurada em 1966 tem 14 pilares, mas o pilar que interessa agora fica na Avenida da Índia, nas traseiras do Village Underground. E pronto, finalmente que já ninguém se perde, um dos aspectos essenciais a ter em conta é: esta é uma atracção turística de Lisboa que vai levar os visitantes ao interior deste pilar para uma experiência sensorial.

22
cristo rei
©Ana Luzia
Atracções

Santuário do Cristo Rei

icon-location-pin Grande Lisboa

Do alto dos seus 215 metros é possível observar um raio de 20 km de paisagem numa panorâmica de 360º. Inaugurado em 1959, foi construído na sequência de uma promessa dos bispos nacionais: se Portugal fosse poupado à II Guerra Mundial, seria erguido um Monumento ao Sagrado Coração de Jesus. O projecto tem a assinatura do arquitecto António Lino, do engenheiro D. Francisco de Mello e Castro e a imagem é da autoria do Mestre Francisco Franco. 

Publicidade
23
Amoreiras Shopping Center - Rooftop
©Inês Félix
Coisas para fazer

Amoreiras 360° Panoramic View

icon-location-pin Campolide

É no topo do projecto com a assinatura do Arquitecto Tomás Taveira que encontramos o Amoreiras 360° Panoramic View, mais precisamente a 174 metros de altura. Se gosta de ver Lisboa lá do alto este talvez seja o sítio perfeito para o fazer. Ora vê o rio Tejo, ora a ponte, passando os olhos pelo Castelo  ou pela Torre de Belém. Versatilidade de vista acima de tudo.

Lisboa bonita

Prado
©Arlindo Camacho
Restaurantes

Os restaurantes mais bonitos em Lisboa

Espelho meu, espelho meu, haverá algum restaurante mais bonito do que eu? A pergunta é legítima, dado o esforço que os restaurateurs desta cidade têm feito em montar projectos de encher o olho.  E a verdade é que os olhos não só comem o que vem para a mesa como também gostam de um espaço cuidado e decorado com gosto. Lisboa está cheia de belíssimos projectos de restauração mas este é o nosso top de restaurantes mais bonitos em Lisboa.

Publicidade
Tous – Ourivesaria Aliança
©DR
Compras

Saiba quais são as lojas mais bonitas de Lisboa

"Lisboa é linda" é pregão em muitas bocas, mas afinal o que faz a beleza desta nossa cidade? Temos vistas incríveis de miradouros, fachadas de azulejos de fazer inveja, a calçada portuguesa restaurantes de cá e do mundo – um menu completo que faz de Lisboa uma beleza. A par de tudo isto, há uma série de lojas onde vale a pena entrar, mesmo que não vá para abrir a carteira. Lisboa é linda e muitas das suas lojas também.

More to explore

Publicidade