Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Coisas românticas para fazer em Lisboa

Atenção, continuamos a tentar dar-lhe a informação mais actualizada. Mas os tempos são instáveis, por isso confirme sempre antes de sair de casa.

TOPO Martim Moniz
©Manuel Manso

Coisas românticas para fazer em Lisboa

Não é preciso chegar o Dia dos Namorados para os pombinhos saírem do ninho. Lisboa é amiga do romance o ano inteiro.

Por Editores da Time Out Lisboa
Publicidade

Passeios de barco ou de bicicleta, jantares românticos, massagens a dois, danças sensuais, leituras à beira-rio, flores e chocolates. Seja às prestações ou para abraçar de uma assentada só, mais ou menos lamechas, com direito a clichés e sem, Lisboa tem alguns dos elixires obrigatórios para um romance sempre muito bem regado e duradouro. Pode ser da luz, do sol de Inverno – e de Verão, na verdade – da arte, dos miradouros, as razões são muitas e boas. Só tem de ter atenção a uma coisa: o que se segue não é aconselhado a corações insensíveis. Descubra as melhores coisas românticas para fazer em Lisboa.

Recomendado: Restaurantes para o pedido de casamento em Lisboa

Coisas românticas para fazer em Lisboa

Jardim da Gulbenkian
Jardim da Gulbenkian
©bjaglin

1. Recite poemas em voz alta nos Jardins da Gulbenkian

Atracções São Sebastião

Muito temos que agradecer ao senhor Calouste Gulbenkian que enquanto mecenas criou uma das maiores estruturas lisboetas no que à promoção da arte diz respeito. Inaugurada em 1969, a Fundação Calouste Gulbenkian tem um jardim que se tornou um dos símbolos da capital, como lugar de descanso e leitura, e é uma paragem comum para todos aqueles que querem um oásis romântico no coração da cidade. Prepare o Shakespeare, o Wilde ou o Bukowski que há em si e dê tudo.

Ribeira das Naus
Ribeira das Naus
© ARLINDO CAMACHO

2. Caminhe junto ao Tejo na Ribeira das Naus

Atracções Parques e jardins Santa Maria Maior

Já foi um cenário meio caótico mas a reabertura trouxe uma Ribeira das Naus de cara mais que lavada e, portanto, perfeita para um passeio a dois. É certo que vai ter de partilhar o espaço com dezenas de outros apaixonados mas isso não lhe tira o mérito. A pé, de bicicleta, com ou sem paragem nos degraus, a escolha é sua.

Publicidade
ccb, jardim das oliveiras
ccb, jardim das oliveiras
©Marta Azevedo/CCB

3. Leituras a dois nos jardins do CCB

Atracções Belém

O projecto do italiano Vittorio Gregotti e do português Manuel Salgado dá espaço a exposições temporárias, à colecção Museu Berardo – desde 2006 – e ainda às artes performativas, do teatro à ópera, não esquecendo a dança. Mas os espaços verdes do edifício também são óptimos para se partilhar momentos.

Barcos a remos no jardim do campo grande
Barcos a remos no jardim do campo grande
©Paulo Juntas/Wikipedia

4. Passear de barco a remos no Campo Grande

Atracções Parques e jardins Campo Grande/Entrecampos/Alvalade

O antigo Campo de Alvalade do século XIX foi precisamente construído em estilo de Passeio Romântico. Hoje acolhe uma série de actividades lúdicas, onde tanto se pode dar umas raquetadas no campo de padel, como passear o cão no parque canino ou esperar que as crianças esgotem todas as energias no parque infantil. Mas se falamos de romance, as atenções viram-se para os barcos a remos no lago principal do jardim. Cada um tem capacidade para seis pessoas, mas neste caso vai querer ficar à larga, com o barco só para si e o seu mais que tudo.

Publicidade
seasky
seasky
©Seasky

5. Andar de barco à vela no Tejo

Se o forte dos pombinhos não for dar ao remo, podem aproveitar para entrelaçar os dedos sem risco de acidentes durante uma viagem de barco no rio Tejo. A experiência Spa a Bordo da A Seasky Charter apela ao sentimento e promete mimá-lo a bordo do catamaran Lagoon 42. Tem direito a ser massajado ao som música, com velas e aromas, infusões, sumos, doces regionais e uma tábua de queijos.

Motel Requinte
Motel Requinte
©DR

6. Passar a noite num motel

Hotéis Motéis

Uma excelente opção para fugir à rotina e apimentar este artigo lamechas. Tal como o nome indica, o H2ON é ideal para casais com dinâmicas mais aquáticas. Camas de água, jacuzzi, uma cadeira de duche tântrica, um duche duplo com cromoterapia e hidroterapia e um chuveiro ao ar livre são algumas das mordomias deste motel em Frielas, Loures, um dos mais populares do país. Os quartos têm todos nomes de cidades acabados em “on”, de Lyon (com jardim e espreguiçadeiras) a Washington (com piscina interior).

www.h2onmotel.com. Rua da Fonte. Bairro do Casalinho da Fonte, Frielas, Loures. 21 938 07 20. A partir de 57€ (4 horas)

+ Motéis em Lisboa: vai uma rapidinha?

Publicidade
Verride Palácio Santa Catarina
Verride Palácio Santa Catarina
©Paulo Carvalho

7. Ou, melhor, aproveitar um bom hotel romântico

Hotéis

Que Lisboa é uma cidade romântica já nós sabíamos, mas que tinha tantos hotéis para levar as escapadinhas românticas a um novo nível foi uma surpresa. Seja com pequenos-almoços na cama ou vistas de cortar a respiração, os melhores hotéis românticos em Lisboa não desiludem.

Quinta da Regaleira - Muralha
Quinta da Regaleira - Muralha
©DR

8. Passear na Quinta da Regaleira

Atracções Quintas Sintra

Em redor do Palácio da Regaleira, também conhecido como o Palácio do Monteiro dos Milhões (a alcunha do antigo proprietário), encontra quatro hectares decorados com jardins exuberantes, lagos e grutas, tudo numa envolvência que tem tanto de exótica como de romântica. As condições perfeitas para, quem sabe, um pedido de casamento inesperado.

Publicidade
Sala  vip do cinema city
Sala  vip do cinema city
©DR

9. Ver um filme na sala VIP do Cinema City

Lounge privado, bar aberto, poltronas em pele reclináveis. Um verdadeiro mimo para dois as salas VIP do Cinema City, onde antes do filme tem vinte minutos para provar um cocktail e picar o buffet à disposição. Nem todos os filmes chegam ao VIP (e, dos que chegam, nem todos são românticos), mas uma breve pesquisa no site oficial diz-lhe quais as fitas que vão passar nas salas mais confortáveis do país.

Sessão com tudo incluído: 17,70€

Teatro Nacional de São Carlos
Teatro Nacional de São Carlos
©Alfredo Rocha

10. Assistir a uma ópera no Teatro São Carlos

Teatro Chiado

Vista a sua melhor roupa e convide a sua cara metade para assistir a uma ópera ou a um concerto de música coral ou sinfónica. As temporadas da casa do Coro do Teatro Nacional de São Carlos e da Orquestra Sinfónica Portuguesa dão a conhecer obras-primas de Bizet a Stravinsky que podem ser ouvidas neste Monumento Nacional inaugurado em 1793 – o primeiro teatro público aberto a todos os cidadãos.

Publicidade
Pequeno Jardim
Pequeno Jardim
Fotografia: Arlindo Camacho

11. Comprar flores no Pequeno Jardim

Compras Floristas Chiado

Apanhadas directamente do campo, surripiadas de um qualquer jardim ou compradas numa florista de bairro, são o truque mais baixo e cheiroso quando o assunto é conquistar (ou reconquistar) o coração de alguém. Nada melhor do que tratar do assunto nesta histórica florista da Rua Garrett, fundada em 1922. Este jardim teve famosos clientes como Vasco Santana, Beatriz Costa ou mesmo Josephine Baker e  enquanto lhe fazem um arranjo com flores naturais, artificiais ou exóticas (porque aqui há mesmo de tudo), arranque mais umas histórias sobre a florista mais bonita da cidade.

espaço baião-forró
espaço baião-forró
©DR

12. Dançar forró no Espaço Baião

Dança Danças de salão e latinas Lisboa

Se a dança pede contacto, então que seja com quem mais gostamos. Mesmo que sejam pés de chumbo. Há muito para onde se virar e dançar em Lisboa, como por exemplo o centro cultural e escola de dança Espaço Baião, onde pode aprender os movimentos do nordestino forró ou do samba de gafieira, um tipo de dança de salão que que deriva do maxixe, o tango brasileiro. Se quiser só pôr à prova o seu potencial (ou mesmo a relação), dê baile com uma aula experimental por apenas 5€ por pessoa.

Publicidade

13. Fazer uma massagem a dois

Hotéis Alcântara

Uma das regalias de estar numa relação é ter um massagista amador diariamente à disposição. Uma regalia que às vezes se torna num enfado, porque quem pede cinco minutos de massagem no sofá ou na cama, o mais provável é que depois tenha de retribuir. Por isso mais vale atirarem-se os dois para uma marquesa de uma vez por todas e deixarem um verdadeiro profissional atirar o stress para o lixo. Como aqui se trata de romance, nos espaços de bem-estar do Grupo Pestana, os Magic Spa, é possível combinar uma massagem a dois feita sua à medida. É também a desculpa perfeita para meter os pés num romântico palácio do século XIX e Monumento Nacional: o Pestana Palace.

+ Os melhores hotéis com spa em Lisboa 

bonbons
bonbons
Fotografia: Manuel Manso

14. Comprar chocolates na Leonidas

Restaurantes Grande Lisboa

Não é segredo para ninguém que o chocolate é um afrodisíaco. E se é para encher o bucho de chocolate do ser amado para o conquistar recorrendo a golpes deste gabarito, ao menos que seja com empenho. E isso significa evitar o supermercado ou a bomba de gasolina e optar pela Leonidas, a marca de chocolates belga fundada em 1913 que chegou a Lisboa com casa própria (casas, neste caso) cem anos depois. Adoce a relação e engordem juntos com dezenas de variedades de chocolates, entre pralinés ou trufas do melhor que há.

Publicidade
Café Principe Real
Café Principe Real
DR

15. Os melhores restaurantes para um jantar a dois em Lisboa

Restaurantes

Nesta lista estão os melhores restaurantes para um jantar a dois em Lisboa. Há aqueles que têm uma vista incrível e servem um fine dining perfeito para ocasiões especiais, com luzes baixas, ambiente intimista, uma música calma. Mas nem todos os jantares a dois têm de ser necessariamente românticos e sossegados. Se optar pela vertente mais descontraída e quiser um encontro num sítio da moda, com boa comida e bom ambiente, para ir cantarolando umas músicas durante a refeição e sair da monotonia, aqui também encontra boas opções. O que interessa é estar sempre bem acompanhado.

Mais Lisboa para apaixonados

JNcQUOI Asia
©Inês Félix

Os melhores novos restaurantes em Lisboa

Restaurantes

A restauração floresce a grande velocidade na capital. Aliás, a nossa cidade tem uma diversidade cada vez maior no que à restauração diz respeito. E é mesmo caso para dizer: venham eles. Queremos toda a comida do mundo, chefs a abrir restaurantes de fine dining ou conceitos mais democráticos com caldinhos, muito peixe, japoneses a ensinarem-nos que esta gastronomia não é só peixe cru e sushi, boa comida portuguesa. Ou até comida que nos trata da alma e traz bom astral. Queremos ficar sentados no restaurante a conversar e apreciar as vistas ou pegar e levar para casa. Fizemos-lhe um guia com os melhores novos restaurantes em Lisboa abertos nos últimos meses, entre os quais o badalado JNcQUOI Ásia, o americano The Garage, o Avocado House com abacate em tudo e mais alguma coisa ou o irmão mais novo do Pistola y Corazón. Não se sinta desactualizado e marque já mesa – é só escolher a gastronomia que mais lhe apetece hoje.

Passeio de barco no Tejo
Arlindo Camacho

Os melhores passeios de barco no rio Tejo

Coisas para fazer

A ideia é mesmo ir para fora de pé sem ter de ir muito longe. Os passeios de barco tanto podem meter copos e sushi, como podem incluir DJs ou ser mais silenciosos se preferir. Podem ser do género turístico, radical, romântico ou familiar. Podem, no fundo, ser quase tudo o que imaginar. Para que aproveite os dias mais quentes como deve ser, fizemos o sacrifício de andar à procura dos melhores passeios de barcos para fazer no Tejo e reunimos estes sete. Mas atenção: a oferta é imensa e mesmo as empresas referidas têm muitas outras propostas para lhe oferecer.

Recomendado

    Também poderá gostar

      Publicidade