A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Apps para tudo
DR

Da meditação à leitura – as melhores apps para tudo e mais alguma coisa

Estas são as melhores apps para se organizar em tudo na vida. Ou quase tudo, vá.

Escrito por
Francisca Dias Real
Publicidade

Todos temos aquele amigo que responde a qualquer questão com um “há uma app para isso”. Nem sempre a resposta está na ponta da língua, mas pode estar nesta lista certamente. Não resolve todos os problemas, mas arranja solução para alguns. Tem problemas de concentração no teletrabalho? Quer treinar em casa mas não sabe bem como? Quer aprender a ler as estrelas sem que lhe chamem astrólogo? Ou precisa de ser mais sustentável e não sabe? Bem, nesta lista de apps para tudo e mais alguma coisa encontrará as respostas a estas perguntas e mais algumas. Não precisa de agradecer.

Recomendado: Aceita o desafio? Então descarregue e explore uma app por dia

As melhores apps para tudo e mais alguma coisa

  • Coisas para fazer

Deter o dom da organização é um dos grandes desafios da vida moderna e um quebra-cabeças com o qual muitos de nós se debatem no dia-a-dia profissional e pessoal. Ser produtivo requer esforço e, muito dele, passa por ser organizado. Se está a trabalhar a partir de casa e se sente fora do ambiente laboral que sempre conheceu, se as folhas e folhas com rabiscos do que tem para fazer lhe ocupam a mesa, ou se simplesmente gosta de ter tudo impecável, mostramos-lhe algumas das melhores aplicações que lhe podem facilitar a vida nesse aspecto – desde listas de tarefas, tabelas, inventários, aqui damos-lhe conta de tudo.

  • Restaurantes

Quer deitar fora escovas de dentes velhas, óleo, um guarda-chuva, e suspeita que podiam ter melhor destino do que o caixote do lixo? Quer dar livros, roupa? Fica horrorizado com os números do desperdício alimentar? Estas apps têm abordagens muito diferentes para o ajudar a contribuir para um planeta melhor. Descubra-as, estão em crescimento.

Publicidade
  • Coisas para fazer

Uma boa forma de começar a ficar em forma pode ser através de uma aplicação que o vai obrigando a fazer certos exercícios, até porque o telemóvel já quase que se tornou numa extensão do nosso próprio corpo. E não, não precisa de sair de casa para ser um aluno exemplar. O que também não precisa (nem pode) é de inventar a desculpa de que não tem tempo ou que não gosta de treinar com outras pessoas à sua volta – nada serve desta vez. Sabia que para alguns treinos precisa de menos de 10 minutos? Mais intenso, menos intenso, para tonificar ou para perder peso, há de tudo nesta lista. Seja como for, saia do sofá, faça o download destas apps para ficar em forma e ponha-se a mexer.

  • Sexo e romance

Apesar do isolamento social a que a pandemia obriga, não é impossível socializar. Só tem de o fazer à distância, claro. Já há tantas novas formas de interacção online que o impossível é, na verdade, arranjar desculpas para não o fazer. E, caso tenha dificuldades em encontrar a sua cara-metade, não se preocupe. Para o ajudar, reunimos sete plataformas e apps de encontros. O resto é consigo: se conseguir a proeza de se apaixonar online ou de convencer alguém que é a última bolacha do pacote (sem ninguém tocar no pacote, óbvio), experimente marcar um encontro via Zoom, organizar uma sessão de cinema ou uma noite de jogos, cada um em sua casa.

Publicidade
  • Coisas para fazer

Adora ler ou descobriu há pouco tempo as maravilhas da leitura? Então, se ainda não o fez, está na hora de descobrir as melhores apps e plataformas para o ajudar a fomentar ou até a manter esse hábito. Desde sites para troca, compra ou venda de livros em segunda mão até redes sociais para leitores, esta lista tem tudo o que precisa para continuar a encher estantes e a trocar opiniões com outros bibliófilos. Entre as propostas, encontra inclusive iniciativas portuguesas, como é o caso do marketplace Ramalhete, a app Desvaneio, semelhante ao popular Goodreads mas 100% nacional, e até Heróides, um clube do livro feminista virtual, criado pela actriz e encenadora Sara Barros Leitão.

  • Coisas para fazer

Se não está habituado a trabalhar em casa, é provável que tudo seja fonte de distracção. Nós percebemos. É que já não é apenas a televisão, a repetir os filmes de sempre, a que, não sabe explicar porquê, continua sem conseguir resistir. Nem sequer tem a mania das limpezas, mas de repente aspirar o pó, organizar a gaveta das cuecas por cores e até mudar as lâmpadas lhe parece mais urgente. Com miúdos em casa, a distracção triplica, mas o problema é o mesmo. Tem de se organizar e não sabe como? Não se preocupe, porque fomos à procura de apps de produtividade.

Publicidade
  • Coisas para fazer

Vai ter de deixar os preconceitos de lado, porque é provável que tenha uma ideia errada sobre o que é a meditação. Qualquer um é capaz de meditar, mesmo quem acha que não consegue deixar de pensar em mil e uma coisas ao mesmo tempo. Ter a capacidade de desligar-se do mundo, por breves instantes que sejam, vai ajudar a reduzir os níveis de ansiedade – que nesta altura de confinamento atingem os píncaros – e a focar-se no que realmente importa. Até porque nem tudo tem de se transformar num problema, tudo pode ser relativizado para que consiga equilibrar a saúde emocional, física e mental. Portanto, o ideal será aproveitar este período de isolamento para poder mudar de rotinas e torná-las mais saudáveis, e estas apps de meditação podem ajudar na tarefa. A meditação é um ginásio mental, por isso concentre-se. 

  • Coisas para fazer
  • Jogos e passatempos

Nos tempos em que ficar em casa é recomendado e manter a distância física também, parece que somos invadidos por aquela vontade repentina de sair de casa, abraçar os que nos são mais próximos, estar com eles, tomar café, marcar jantares e idas ao cinema, enfim, um sem-número de coisas que, em situações normais, provavelmente adiaríamos. Hoje em dia, é mais fácil encurtar distâncias e matar saudades, nem que seja virtualmente. As videochamadas não são novidade e há uma série de redes sociais e apps que o permitem – mas e temperar essas chamadas com algum divertimento? Estas apps sociais são uma festa em família ou com amigos. Pode jogar trivia, cartas, ver um episódio em conjunto mas em casas diferentes, fazer um DJ set ou adivinhar letras de canções. Sempre ligado a alguém que pode estar noutro lar. Não vale sentir-se sozinho. 

Publicidade
  • Coisas para fazer

Nem todos temos a sorte de viver na região do Alqueva, onde há uma média de mais de duas centenas de noites sem nuvens, perfeitas para apreciar o tecto natural da Terra em todo o seu esplendor. Mas, como já provámos, mesmo na cidade é possível ver as estrelas. Nesta altura, ir lá fora à caça de constelações parece-nos um óptimo plano para desconfinar e, ainda assim, evitar os ajuntamentos. Mas se a paisagem da sua janela estiver desimpedida, for um sortudo com terraço em casa, ou tiver um lindo jardim nas traseiras, aproveite para se armar em astroturista. Em casa ou na rua, basta recorrer à ajuda de uma destas apps para descobrir o céu. É a maravilha da tecnologia: permite, de uma forma prática e divertida, encontrar estrelas, planetas, constelações, galáxias, satélites e tantos outros objectos celestes. Da mais básica à mais profissional, não lhe vão faltar aplicações para ver (e saber o que não está a ver) no céu nocturno.

Apps de Lisboa
  • Coisas para fazer

Levam-no a passear, ajudam-no a apanhar o autocarro a tempo e horas, ocupam-lhe os tempos mortos e até o deixam mais perto do céu. O melhor da lista que se segue? As apps são todas de borla. Basta instalar e aproveitar. 

Publicidade
  • Coisas para fazer

Lisboa está cada vez mais verde, já o sabemos. Da introdução de serviços de bicicletas partilhadas ao consequente aumento dos percursos cicláveis, passando pelos projectos arquitectónicos que prometem mudar a cidade, há muita coisa a acontecer e nem sempre é fácil acompanhar. Com isto, a mentalidade alfacinha parece estar cada vez mais alinhada com os tempos, e ainda que a nível europeu possamos ter de elevar a fasquia, o caminho parece melhor. A tecnologia pode sempre dar um empurrão, e hoje, as aplicações são quem mais ordena nesse campo. Na lista abaixo vai encontrar uma seleção que aponta em diferentes vertentes, para que o caminho da cidadania exemplar seja bastante mais fácil.

Mais que fazer

  • Coisas para fazer
  • Jogos e passatempos

Além de propostas nacionais, há também escape rooms em inglês e espanhol, criadas precisamente para ajudar a descomprimir no meio desta pandemia. São mais rudimentares do que os clássicos escape games, com salas verdadeiramente interactivas, mas prometem uma boa dose de diversão.

Recomendado
    Também poderá gostar
      Publicidade