O que há de novo em Cascais

A vila está cheia de novidades. De novos eventos a restaurantes e bares acabados de abrir. Eis o que há de novo em Cascais.
House of Wonders
Fotografia: Manuel Manso Esplanada da House of Wonders
Por Mariana Correia de Barros |
Publicidade

Desde o primeiro dia que Cascais é um ponto cardeal na atenção da Time Out que se diz de Lisboa. É por isso que procuramos estar atentos a tudo o que por ali nasce de novo. Vai daí, pusemo-nos em linha e corremos as capelinhas todas para reunir tudo o que há de novo em Cascais. Não queremos que lhe escape nada. Fica a meia hora de Lisboa e tem algumas boas novidades para descobrir. Siga as nossas pistas e rume à linha para ver o que há de novo em Cascais.

Recomendado: As melhores praias da linha de Cascais

O que há de novo em Cascais

House of Wonders
Fotografia: Manuel Manso
Restaurantes, Vegetariano

A House of Wonders cresceu

icon-location-pin Cascais

Este restaurante de comida vegetariana, com um encantador terraço, já era uma das melhores razões para ir a Cascais. Mesmo que fosse apenas para beber um sumo de frutas ou picar um snack do Médio Oriente. Este ano triplicou: o primeiro espaço tem o habitual rooftop, mas ganhou um roof garden, no largo em frente, onde pode fumar e levar o cão; descendo as escadas em direcção ao centro, restaurante mais a sério, há agora um com um buffet de quentes e frios e esplanada; e, na porta à frente, uma pâtisserie, para tomar um pequeno-almoço reforçado, beber um café e atacar uma fatia de bolo vegan. Tudo vegetariano, tudo com sabores do Médio Oriente, tudo muito bom.

Rua - Juicy Mixology
Fotografia: Manuel Manso
Restaurantes

Rua - Juicy Mixology

icon-location-pin Cascais

De dia, o Rua ganha um sobrenome, Juicy Mixology, e funciona como espaço de comida saudável e bar de sumos. Durante a semana tem um menu all day breakfast, além de sanduíches para take-away, tudo assinado por Sarah Maraval, do projecto da Green Chef; aos sábados, o brunch inclui iogurte grego, fruta, granola, pão artesanal, ovos quentes e outras opções, quase todas biológicas e de produtores locais; às sextas e sábados à noite, as liquidificadoras, os superalimentos e as frutas dão lugar a um leque de garrafas, a cabine de DJ é ocupada e a festa faz-se tanto no interior, como cá fora.

Publicidade
Moa Sushi & Bar
©DR
Restaurantes, Japonês

Moa Sushi & Bar

icon-location-pin Cascais

O mais recente japonês de Cascais é tudo menos aquele restaurantezinho de sushi tradicional preto e encarnado a que estamos habituados. É uma lufada de ar fresco, com uma esplanada simpática, bossa nova a sair das colunas e uma ementa feita pelo sushiman/surfista Nuande Pekel, do Sushi Design Hotel. "Trabalhei com o Nuande Pekel no hotel e quando surgiu a ideia de criar um restaurante, quis que fosse ele", conta Madalena Sousa Coutinho, a dona. Além dos pratos do Japão, há outras aventuras com peixe cru, como tacos ou pokes.

Tamariz Summer Club
©DR
Noite

Tamariz Summer Club

icon-location-pin Cascais

Muda-se o nome, mudem-se as pessoas, os preços, o cardápio, a decoração. Há sítios que, por mais que o tempo passe e que as cadeiras rodem, prevalecem. O Tamariz, lendária discoteca do Estoril, é um desses casos de eternidade. Em 2017, era o Tamariz Mojo World, agora chama-se Tamariz Summer Club e apostou num 3 em 1: um restaurante (Tamariz Restaurant Bar), um lounge (Tamariz Deck Lounge) e ainda o espaço da discoteca.

Há mais para descobrir em Cascais

Restaurantes

Cinco sítios para comer peixe em Cascais

Basta avistar a Baía de Cascais ao longe, no caminho pela marginal, para perceber que estamos em terra de pescadores. Os barquinhos marcam a paisagem da Praia do Peixe (vai um mergulho numa das praias da Linha de Cascais?), com os utensílios usados pelos pescadores dos dois lados. Por ali, pescam-se linguados, corvinas, polvos – de madrugada –, sargos, cavalas e fanecas, além de bons mariscos: afinal, com mares frios eles ganham ainda mais sabor. Há muitos restaurantes que merecem uma visita na vila, mas nesta lista o que vai encontrar são os melhores sítios para comer peixe em Cascais.

Coisas para fazer

Paragens obrigatórias no Bairro dos Museus em Cascais

Cascais criou um verdadeiro microclima cultural com a implementação daquilo a que chamou Bairro dos Museus. O conceito é simples e só requer que dê umas voltinhas pelo perímetro que concentra um conjunto de equipamentos dedicados à cultura na vila. Concebido pela Câmara Municipal de Cascais e pela Fundação D. Luís I, o Bairro dos Museus em Cascais distingue-se pela forte componente de inovação e coerência cultural. Para entrar nos edifícios pode optar (vá por nós, que compensa) por comprar o bilhete único. Custa 8€ e dá acesso a todos os equipamentos do Bairro dos Museus. Preparado para a maratona? O Centro Cultural de Cascais, a Casa Sommer, o Museu Conde Castro Guimarães, a Casa das Histórias de Paula Rego e a Casa de Santa Maria são alguns dos pontos de paragem obrigatória neste roteiro cultural. Prometida para breve, está a abertura do Museu de Arte Urbana, a próxima grande atracção da zona. 

Publicidade
Hífen
Fotografia: Manuel Manso
Bares

Seis bares em Cascais

É o fim da linha. Quer dizer, não tem de ser o seu fim, a frase anterior remete apenas para o fim da linha de comboio, estação terminal, no fundo. Chegado lá, é tentar desviar-se dos turistas e encontrar sítios para beber um copo. Bom, não tem obrigatoriamente de fazer isto, mas esta é a nossa proposta para este artigo: descobrir onde se bebem bons copos em Cascais, ou seja, seis bares em Cascais para ir beber um vinho, uma cerveja, um cocktail, ou vários, disto tudo. A lista é uma mistura de clássicos e de novos habitantes.  

Piscina do Hotel Intercontinental Estoril
Fotografia: Manuel Manso
Hotéis

Os melhores hotéis em Cascais

Fica a apenas meia hora de Lisboa, mas pode ser um destino interessante para uma escapadinha de fim-de-semana. Troque o trânsito na marginal por um destes hotéis em Cascais e passe umas noites especiais embalado pelas ondas.    Recomendado: Dez coisas para fazer em Cascais

Publicidade