O que os chefs prepararam para o Peixe em Lisboa

Fomos perguntar a alguns dos chefs que participam na 10ª edição do Peixe em Lisboa o que vão cozinhar no renovado Pavilhão Carlos Lopes
Peixe
Fotografia: Arlindo Camacho
Por Mariana Morais Pinheiro |
Publicidade

Henrique Sá Pessoa, Kiko Martins e Paulo Morais estão entre os chefs que nos contaram o que vão andar a fazer no Peixe em Lisboa entre os dias 30 de Março e 9 de Abril. Saiba já onde encontrar sanduíches de ostra, noodles com vieiras, francesinhas de peixe branco, croquetes de sapateira ou anchovadas de polvo.   

 

+ Vai com os miúdos atrás? Descubra o que a academia Petit Chef preparou para eles.

+ Além da eleição do melhor pastel de nata de Lisboa, esta edição do Peixe em Lisboa conta com um concurso de pataniscas

O que os chefs prepararam para o Peixe em Lisboa

Kiko Martins
©DR

Kiko Martins

É um dos chefs mais atarefados da restauração lisboeta. Depois de abrir O Asiático, no Bairro Alto, no final do ano passado, Kiko inaugurou recentemente uma banca no Mercado da Ribeira, chamada O Surf & Turf, onde mistura inteligentemente ingredientes do mar e da terra. Na banca do Peixe em Lisboa vai reunir alguns dos pratos mais emblemáticos dos seus restaurantes. O ceviche vem d’A Cevicheria, os noodles com vieiras são d’O Asiático, e o taco com algas, d’O Talho. Há ainda um mil-folhas de chocolate e avelã e uma sobremesa de quinoa e goiaba para adoçar a refeição.

Preços: entre 5€ e 10€

Henrique Sá Pessoa
Fotografia: Manuel Manso

Henrique Sá Pessoa

A banca deste chef Michelin é uma espécie de best of de três dos seus restaurantes. “Vou ter pratos do Alma, como uma gamba ao alhinho, que é um amuse-bouche que lá servimos, e umas vieiras marinadas com puré de abacate com quinoa crocante, que vão entrar na próxima carta”, conta Henrique Sá Pessoa. Do Tapisco leva ainda uma sanduíche de choco frito em bolo do caco com maionese de coentros e lima, e da banca no Mercado da Ribeira, o bacalhau com puré de grão. “Para rematar, vou servir uma sobremesa do Alma chamada Mar e Citrinos, que leva algas e yuzu”.

Preços: entre 5€ e 12€

Publicidade
Paulo Morais
©DR

Paulo Morais

Carrega o título de ter sido o primeiro sushi chef português, por isso o peixe que trabalha minuciosamente no restaurante Rabo d’Pêxe, no Saldanha, não podia estar em melhores mãos. Para o festival, Paulo Morais vai levar francesinhas de peixe branco com queijo da Ilha e molho de caril; pratos de amêijoas e lingueirão em caldo aromático thai com leite de coco; e gyosas de camarão com molho de ouriço do mar. A grande novidade é o tasting menu, em que o peixe do dia é confeccionado em três actos, ou seja, vai poder comê-lo em sushi e sashimi, numa sopa miso e ainda grelhado com batata assada e legumes.

Preços: entre os 4€ e os 15€

Chef Milton Anes
Fotografia: Arlindo Camacho

Milton Anes

Vai estar no Peixe em Lisboa a representar o Arola, o restaurante do Penha Longa, em Sintra, do chef espanhol Sergi Arola, que recebeu no ano passado pelo LAB uma estrela Michelin. “Tudo o que vamos ter em banca é bom”, ri Milton, braço direito do chef. “Vamos ter um ceviche de robalo em leite de tigre; uma anchovada de polvo; um tártaro de atum acompanhado de uma sinfonia de beterrabas, kumquats e bergamota; peixinhos da horta; e pratos de pescada de anzol, com espinafres, caril e amêndoas”. A sobremesa é uma surpresa. “É um algodão doce com algas, katsuobushi e toranja”.

Preços: entre os 5€ e os 12€

Publicidade
João Pedrosa
©DR

João Pedrosa

As chamuças de peixe com chutney de banana e maçã foram um sucesso na edição do ano passado do Peixe em Lisboa, e como em equipa vencedora não se mexe, João Pedrosa, o chef do restaurante IBO, que faz uma cozinha portuguesa inspirada em sabores moçambicanos, vai tê-las novamente à venda na sua banca. “Também vamos ter uns croquetes de sapateira com molho de maionese de citrinos, puntillitas, camarões panados com geleia de malagueta, um prato de caril de peixe com coco e manga seca, e ainda um gelado de caju com picante”, conta o chef.

Preços: entre 4€ e os 10€

Hugo Brito
Fotografia: Manuel Manso

Hugo Brito

É o chef do Boi-Cavalo, o restaurante em Alfama que faz uma cozinha portuguesa criativa, e esta é a sua estreia no Peixe em Lisboa. “Estamos eléctricos com isto”, conta. Se passar pela banca do Boi-Cavalo nos próximos dias vai encontrar carapaus fumados com gel de Alvarinho e saladas de pimentos, tempuras de lulas com mistura de especiarias chinesas e sanduíches de ostra com emulsão de couve portuguesa (este prato foi criado de propósito para o festival). Experimente ainda a sobremesa, feita com café, leite condensado e cardamomo.

Preços: entre 4€ e 10€

Lisboa com sabor a mar

Publicidade
Publicidade