A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
WandaVision chega em Janeiro à Disney+
Disney+WandaVision é a nova aposta do Disney+

Sete séries para ver em Janeiro

Fica cada vez mais difícil acompanhar tanta e boa produção televisiva. A pensar nisso, organizamos-lhe a agenda para o início do ano

https://d32dbz94xv1iru.cloudfront.net/customer_photos/14d3bbef-59cc-4753-a960-2f64c64804b1.jpg
Escrito por
Sebastião Almeida
e
Eurico de Barros
Publicidade

Há muitas estreias e regressos agendados para o início de 2021. Apostámos nas novidades e destacamos as séries que tem mesmo de conhecer no primeiro mês do novo ano. Desde WandaVision, primeira aposta da Marvel no universo das séries, à estreia no cabo de O Colapso, série francesa sobre o colapso da sociedade ou o regresso de Vikings, para a segunda parte da temporada final, a televisão em 2021 começa com o pé direito. Se não consegue acompanhar tudo o que se vai passar no pequeno ecrã, em Janeiro dedique-se a estas sete séries. 

Recomendado: Os melhores filmes de 2020

Sete séries para ver em Janeiro

1. Cobra Kai

A segunda temporada termina com uma luta titânica na escola, que deixa antever o pior para Miguel Diaz (Xolo Maridueña). Daniel (Ralph Macchio) e Johnny (William Zabka) percebem que a sua rivalidade foi longe demais e juntam-se para acalmar os ânimos entre os estudantes. No meio disto tudo, Larusso viaja até ao Japão onde se encontra com um antigo rival e  Johnny dedica-se a ajudar Miguel a recuperar do acidente que o deixou em coma. O dojo Cobra Kai passa para as mãos de John Kreese (Martin Kove) e os alunos tornam-se cada vez mais violentos. Larusso e Johny, antes arqui-inimigos, são obrigados a trabalharem juntos para evitar o pior. Depois de todo o sucesso, a Netflix já confirmou uma quarta temporada.

T3, Netflix, 1 Jan

2. El Chapo

Joaquin Gúzman, mais conhecido como El Chapo, é um dos criminosos mais conhecidos do mundo. A AMC estreia agora a série realizada em 2017 por Ernesto Contreras e José Manuel Cravioto, que conta a história do líder do Cartel de Sinaloa, a quem Marco de la O dá vida, ao longo de mais de três décadas – desde 1985, quando deu os primeiros passos no Cartel de Guadalajara, até que se torna um dos mais temidos líderes de uma organização criminosa, e a sua detenção em 2016.

T1, AMC, 7 Jan

Publicidade

3. O Colapso

Os europeus estão habituados a imagens de gente a digladiar-se junto a carrinhas de ajuda humanitária, para garantir alimentos e outros bens essenciais, mas não se imaginam a protagonizá-las. O Colapso, que chega agora ao cabo, faz esse exercício. Em oito planos-sequência (oito episódios) com situações e personagens distintos, mostra o colapso da sociedade francesa. A origem do caos é desconhecida. Produzida pelo Canal+, candidata a um Grammy e um sucesso estival em Espanha. A autoria é do colectivo Les Parasites, que responde às comparações com Black Mirror com outras referências: Os Filhos do Homem, de Alfonso Cuaró.

T1, AMC. 8 e 9 Jan

 

4. Vikings

Michael Hirst, o criador da série inspirada nas Sagas Nórdicas, sobre as viagens e batalhas dos vikings, guerreiros com mais para contar do que cabeças decepadas em contendas sanguinárias, já afirmou várias vezes que sempre soube qual seria o destino final da lenda de Ragnar Lothbrok, da sua descendência e legado. Depois de Bjorn Ironside (Alexander Ludwig), filho de Ragnar (Travis Fimmel) e Lagertha (Katheryn Winnick), ter saído vitorioso da batalha contra Ivar (Alex HHøgh Andersen), seu meu-irmão, a última temporada terá inevitavelmente de explorar o ónus e as consequências de ser herói e líder da cidade de Kattegat. 

T6, pt.2. TVCine Action, 13 Jan

Publicidade

5. WandaVision

O universo cinematográfico da Marvel encontra o formato da sitcom clássica nesta nova série de ficção científica, com as personagens de Wanda Maximoff/Scarlet Witch (Elizabeth Olsen) e Vision (Paul Bettany). O casal de super-heróis vive pacatamente, nos anos 50, numa casa de um típico subúrbio americano, quando começa a desconfiar que ali nem tudo é o que parece. Também com Kat Dennings e Kathryn Hahn.

T1, Disney+, 15 Jan

6. Coyote

Passada na fronteira entre o México e os Estados Unidos, a nova aposta do AXN fala-nos de Ben Clemens (Michael Chiklis, The Shield) que, depois de 32 anos a patrulhar a fronteira americana com o México, dá por si no país vizinho a fazer de Coyote, nome dado a quem ajuda imigrantes a fazer a travessia ilegal para território americano. Com produção de Michelle McLaren (Breaking Bad, A Guerra dos Tronos e The Walking Dead), a série em seis episódios está repleta de intriga e de acontecimentos inesperados. O que à primeira vista pode parecer um acto nobre, transforma-se num esquema complexo e perigoso para todos os envolvidos.

T1, AXN, 25 Jan

Publicidade

7. The Resident

A quarta temporada da série criada por Amy Holden Jones, Havyley Schore e Roshan Sethi, baseada no livro Unaccountable, de Marty Makary, está de regresso à Fox Life. Conrad Hawkins (Matt Czuchry) e a sua equipa médica continuam no centro da acção do que se passa no Chastain Memorial Hospital, mas nesta  nova temporada o impacto da pandemia já é retratado, com a sua equipa a integrar a linha da frente no combate à Covid-19.

T4, Fox Life, 27 Jan

Mais séries a não perder

As 19 séries da HBO que tem de ver
  • Filmes

Fizemos-lhe uma selecção das séries na HBO que vale a pena ver e que nunca o farão perder tempo. Recuperamos os clássicos que não pode perder e as novidades que têm dado que falar. De Os Sopranos e A Guerra dos Tronos até à recente remistura de Watchmen, estas são as 19 séries na HBO que tem de ver. 

Publicidade
As melhores séries para ver na Netflix
  • Filmes

Há cada vez mais conteúdo a chegar, e a gigante do streaming parece continuar empenhada em melhorar o serviço. Fique a conhecer o que de melhor temos disponível por cá, com esta lista das melhores séries para ver na Netflix. 

Recomendado
    Também poderá gostar
      Publicidade