O melhor dos bairros de Lisboa

Para comprar, para comer, para passear, para estar. Lisboa, cidade dos mil encantos e com tanto para fazer. Eis o melhor dos bairros de Lisboa.

Miradouro da Graça
Fotografia: Arlindo CamachoMiradouro da Graça, um dos lugares para se refrescar

O que não faltam em Lisboa são coisas para fazer, independentemente do dia da semana. Quer ir às compras? Nós dizemos-lhe onde é que encontra as melhores lojas. Está à procura de um restaurante? Nós dizemos-lhe onde ir. Beber um copo? Sabemos onde estão os melhores bares. Nesta página encontra a resposta a todas as suas perguntas – e se não encontrar chame-nos à atenção que trataremos de lhe dar ouvidos e as devidas respostas. Eis um guia para tudo o que pode fazer nos bairros de Lisboa. Tudo organizado por zonas para que não se perca nunca. 

Recomendado: O melhor guia de coisas para fazer em Lisboa

Os melhores bairros de Lisboa para comer

Campo de Ourique
Restaurantes

Campo de Ourique

A legião de fãs que Campo de Ourique colecciona no capítulo "melhor sítio para fazer vida de bairro" ganha fortes argumentos nos restaurantes. Não precisa de sair das fronteiras daquelas ruas ortogonais para encontrar tanto um pronto-a-comer para aqueles momentos em que não há marmita, como o restaurante de um chef onde se come produto português tratado com todas as honras que merece.

Graça
Restaurantes

Graça

Lá em cima, há muita coisa nova a dar nas vistas. No bairro que está cheio de graça, sobra sempre espaço para um novo restaurante, mais um petisco ou até um docinho, dos novos crepes aos famosos pastéis de nata. Eis 11 restaurantes e pastelarias obrigatórios na Graça.

Baixa
Restaurantes

Baixa

Mal-amada pelos lisboetas e idolatrada pelos turistas, a Baixa continua a ter vários restaurantes que merecem a sua atenção – quer ande à procura de boa comida portuguesa, de um japonês diferente dos congéneres ou daqueles clássicos que mantêm a qualidade há anos. Estas são as nossas escolhas dos melhores restaurantes na Baixa.   

Mouraria
Restaurantes

Mouraria

É o sítio ideal para quem quer visitar o que resta da Lisboa do fado e das tascas e para provar um pouco de tudo: chinês, goês e o mais típico do português. Se procura uma viagem pelos sabores do mundo opte por estes cinco restaurantes na Mouraria. Recomendado: Onde comer em Lisboa a melhor comida do mundo

Mostrar mais

Os melhores bairros de Lisboa para passear

Alcântara
Coisas para fazer

Alcântara

Comércio com história, negócios que cheiram a novo, restaurantes que são verdadeiros tesourinhos, arte dentro e fora de portas, sair à noite com estilo fora do epicentro nocturno lisboeta e ainda fazer outra mão cheia de coisas à beira rio. 

Alvalade
Coisas para fazer

Alvalade

Alvalade é um bairro a ter em conta sempre que falamos do melhor da cidade. Andámos pelas ruas desenhadas a régua e esquadro e traçámos um roteiro para forasteiros e nativos. As novidades do bairro, as paragens obrigatórias, os pratos que não pode deixar de provar e os melhores bares – tudo o que precisa de saber para pôr Alvalade na sua lista de prioridades. Por fim, guarde um tempo para as compras no Mercado de Alvalade (dizemos-lhe as bancas onde tem mesmo de parar). Recomendado: Jardim do Campo Grande ganha novo nome: Mário Soares Os melhores jardins e parques de Lisboa

Campo de Ourique
Coisas para fazer

Campo de Ourique

Clássicos de sempre e espaços que ainda cheiram a novo. Padarias, gelatarias, um café italiano e até um restaurante de choco frito. Mas há muito mais que comida. Com este roteiro vai querer estacionar num bairro onde o estacionamento continua tramado. Percorra as ruas do movimentado bairro em busca do melhor de Campo de Ourique e descubra como se está bem no campo. Lisboa bairro a bairro:+ O melhor de Alvalade + O melhor do Chiado

Santos e Madragoa
Coisas para fazer

Santos e Madragoa

Gelatarias, brunchs, mercearias alternativas, bares, restaurantes ou galerias, estas são apenas algumas das categorias que pode encontrar nesta lista quase infindável de atracções em Santos e na vizinha Madragoa, o bairro que tem recebido cada vez mais inquilinos e onde tropeça todos os meses num negócio novo. É neste bairro que também pode encontrar um epicentro cultural de museus e galerias de arte contemporânea. E sabia que é aqui que fica o Design District? Ou não fosse Santos o sítio que reúne mais lojas de decoração e design da cidade. Com tanta oferta, não queremos que se perca por isso traçamos-lhe um roteiro pela zona, uma das mais cool da cidade. Recomendado: Os melhores parques e jardins em Lisboa

Os melhores bairros de Lisboa para fazer compras

Príncipe Real
Compras

Príncipe Real

Algumas das melhores concept stores em Lisboa têm morada no Príncipe Real, mas também há espaço para designers portugueses no bairro mais cool da cidade, onde há uma porta aberta a cada dois passos. É verdade que pode ir tropeçando nos turistas, mas há algumas paragens onde tem mesmo de parar para entrar, seja para encher a casa (do vintage ao moderno), o armário (com direito a fatos de banho todo o ano), e até o quarto dos brinquedos dos miúdos. Estas são as melhores lojas no Príncipe Real.   A oferta é variada e não desilude: é o bairro da família real das lojas.  

Santos
Compras

Santos

Conhecido como o Design District desde 2005, Santos é o bairro que reúne mais lojas de decoração e design da cidade. Em Março ganhou mais uma, para mobiliário de jardim. É começar a pensar na decoração da sua casa com piscina. Nem que seja em sonhos. 

Mostrar mais

Os melhores bairros de Lisboa para sair à noite

Bairro Alto
Bares

Bairro Alto

São paralelas e perpendiculares. As ruas, claro, que formam o tão distinto e especial Bairro Alto, símbolo maior de uma movida, de uma agitação nocturna, que sempre caracterizou a zona. Ainda que hoje a noite lisboeta esteja mais disseminada, ocupando vários outros bairros, menos ou mais altos, da cidade. Mas o Bairro Alto insiste em ficar e ali vão abrindo espaços que o querem revitalizar, que não o querem deixar morrer. E alguns desses sítios são bares, que não precisam de ser apenas aquele shot-de-tequila-e-foge, são também bons de estar. Sugerimos sete bares no Bairro Alto que vai querer visitar ou revisitar.  Recomendado: Os melhores restaurantes do Bairro Alto

Cais do Sodré
Noite

Cais do Sodré

O difícil no Cais do Sodré é decidir em que modo lhe queremos fazer uma visita. Ainda por cima, com novidades sempre a aparecer, como é o caso do novo Quiosque e do Bacchanal. Queremos ver-lhe o rosto pelo almoço, despido de universitários barulhentos? Queremos confrontá-lo já com a luz da lua, entre restaurantes mexicanos e italianos? Não. Atenção, não é que não gostemos dessa hipótese, mas a proposta que aqui lhe fazemos é outra: vá com tudo, vá mais tarde, mas vá procurar o copo para colar à sua mão. E perante essa situação, e a lista que encontra em baixo, basta escolher. Uns podem ser considerados cafés, outros discotecas. Mas afinal, na hora de beber um copo, isso não importa nada. Descubra os melhores bares no Cais do Sodré, dentro e fora das fronteiras da rua cor-de-rosa.  Recomendado: Os melhores restaurantes no Cais do Sodré

Santos
Bares

Santos

“E se o não-sei-quantos quer ser cá da malta, tem de beber este copo até ao fim…” A música repete-se nos bares das redondezas, a menos que queira fugir dos shots a 50 cêntimos e da ressaca monstruosa do dia seguinte. Nestes bares estará a salvo. A verdade é que Santos tem bem mais do que isso. Tem um bar que era um antigo alfaiate, outro que é uma casa e até um bar de teatro. Ou seja, tem tudo e estes são os melhores bares em Santos.  

Alvalade
Noite

Alvalade

Não é o destino mais óbvio quando se fala em noite em Lisboa, mas em Alvalade também há vida depois das seis da tarde e aos fins-de-semana. Para tomar um aperitivo ou um digestivo, para dar volta ao bilhar grande, abanar as ancas ou a cabeça. Traçamos-lhe um mini-roteiro noctívago. Alguns até já são um clássico da noite lisboeta, seja para uma cerveja, um copo de vinho ou um mesmo um cocktail. Em alguns, com sorte, ainda pode apanhar concertos. Estes são os melhores bares de Alvalade. Recomendado: Saiba quais são os 50 melhores bares de Lisboa

Mostrar mais

Os bairros de Lisboa com mais novidades

Santos e Madragoa
Coisas para fazer

Santos e Madragoa

Há muitos motivos para descer colina abaixo até Santos e à vizinha Madragoa. Gelados deliciosos e brunches saudáveis estão entre as novidades mais frescas. Não perca uma. 

Campo de Ourique
Coisas para fazer

Campo de Ourique

O Inverno bem pode ser frio, que Campo de Ourique está cheio de novidades para o aquecer. Descubra 32, algumas com as portas quase quase a abrir.

Mostrar mais

Paragens obrigatórias por bairros

Marvila
Coisas para fazer

Marvila

A leste pode estar o paraíso e Marvila é prova disso. O bairro mais cool da cidade tem o seu epicentro na Rua do Açúcar (assim chamada graças à antiga fábrica de açúcar) e na Praça David Leandro da Silva, com o nome de um comerciante que morreu no fim do século XIX. Depois de décadas ao abandono, a zona industrial está mais viva do que nunca e em cada armazém esconde-se uma surpresa. Dos restaurantes à cerveja artesanal, há muitas razões para se orientar por estas bandas (e a partir de Maio, pode ainda visitar o museu dos doces The Sweet Art Museum). Recomendado: As melhores ruas em Lisboa

Estrela
Coisas para fazer

Estrela

Três jardins, o terraço de uma basílica com vista panorâmica para Lisboa, mercearias com produtos de excelência e até um restaurante Michelin. Depois de bater a estas 14 portas na Estrela, diga lá se não é esta a estrela mais brilhante do firmamento lisboeta.

Príncipe Real
Coisas para fazer

Príncipe Real

É o bairro onde os níveis de FOMO (a sigla inglesa que significa fear of missing out, uma espécie de estar a perder qualquer coisa incrível) atingem valores elevadíssimos. Se correr o bairro de uma ponta à outra, sem contar com restaurantes do mundo e lojas, vai encontrar locais onde tem mesmo de parar e viver a vida no bairro da realeza. 

Saldanha
Coisas para fazer

Saldanha

Um filme indie? Um enxoval? À partida, seria difícil encontrar estes dois serviços num só bairro, mas Lisboa é tão incrível que nada disto se torna inverosímil. Bem-vindos ao Saldanha e aos seus nobres arredores, onde há vida, e muita. Venha daí descobri-la. 

Alfama
Coisas para fazer

Alfama

Trinque um hambúrguer biológico, entre num salão do século XV e deixe-se submergir na poesia surrealista. O melhor de Alfama ainda é um mistério para muitos alfacinhas e este é o roteiro por onde começar.    Recomendado: Um roteiro do fado em Lisboa

Campo de Ourique
Coisas para fazer

Campo de Ourique

Cuidado com a linha, porque muito do que se segue é um verdadeiro tormento para a balança. O bairro está cada vez mais delicioso.  Recomendado: O melhor de Campo de Ourique

Santos e Madragoa
Coisas para fazer

Santos e Madragoa

Com a Primavera, abriram-se por fim os portões de ferro do Jardim de Santos, pretexto para explorar uma zona onde não param de florescer novidades. E ali ao lado, não se esqueça de verificar um dos triângulos mais apetecíveis da cidade, louvado até pelo guia Lonely Planet. 

Graça
Coisas para fazer

Graça

Depois de mais de um ano de caos a enfurecer comerciantes, uma nova Graça surgiu do pó das obras. O Largo da Graça ganhou outro aspecto, os passeios ficaram mais largos e até um coreto nasceu mesmo a tempo dos Santos Populares. Na Rua da Graça turistas e moradores convivem pacificamente e aos negócios históricos juntaram-se cafés com crepes e brunches vegetarianos. Comidas à parte, este continua a ser o bairro com as melhores vistas. Recomendado: As melhores ruas em Lisboa