Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Os melhores sítios para sair à noite em Lisboa

Os melhores sítios para sair à noite em Lisboa

Não damos hipótese ao seu sofá. Levante o rabo, largue a televisão e vá conhecer os melhores sítios para beber um copo e sair à noite em Lisboa

NIGHT PARTY DANCE
©LUISA FERREIRA/Lux

Temos sítios para beber todos os tipos de copos, para perder a sola dos sapatos ao domingo e até para ir à casa de banho. Esta lista não é exclusiva nem elitista – há sugestões para todos e não apenas para os morcegos da cidade. Dos cocktails mais elaborados à cerveja artesanal, dos movimentos de dança como o air guitar a discotecas para abanar a anca ao som de hip-hop e reggaeton, a noite lisboeta é uma animação. Explore-a bairro a bairro e a qualquer hora depois do sol se pôr. Estes são os melhores sítios para sair à noite.

Recomendado: As novas esplanadas em Lisboa

Para beber....

Cerveja
Bares

Cerveja

A cevada alimenta e uma pesquisa rápida no Google vai levá-lo a sites (alguns mais duvidosos que outros) que lhe apontam alguns benefícios: é bom para a pele, para os intestinos e até para os ossos, imagine-se. Mas se pensa que o consumo deste néctar é uma actividade demasiado banal, desengane-se. Aqui dispensamos os copos de plástico, as imperais mal tiradas e todos os parentes pobres do consumo rápido e sem grandes preceitos.  Não estamos a arranjar-lhe desculpas para beber cerveja, mas deixamos aqui vários sítios para o fazer: são os melhores bares de cerveja em Lisboa. Do Delirium Café, no Chiado, com um número recorde de torneiras na cidade, ao tap room das Dois Corvos, com cerveja feita ali mesmo, em Marvila, é escolher um sítio para beber uma cerveja ao final do dia. Recomendado: Os 14 melhores sítios para beber cerveja artesanal em Lisboa

Cocktails clássicos reinventados
Bares

Cocktails clássicos reinventados

Clássico não é uma receita, é uma forma de estar. Lisboa tem um lado vintage que ainda passa ao lado de muitos, e nem sempre esse vintage tem de ser antigo, pode sempre ser um clássico com um twist. Foi disso mesmo que fomos à procura porque nem os bares ficam de fora. Damos-lhe três sugestões de clássicos reinventados em bares modernos da cidade. Tem desde uma reinterpretação do whisky sour a uma versão renovada do vodka Martini, ou até um whisky Cardhu com málico e bacon (sim, leu bem). Tudo isto bem apresentado com aquele aspecto a pedir uma foto para o Instagram.  Recomendado: Os bares históricos que tem mesmo de conhecer em Lisboa

Cerveja artesanal
Bares

Cerveja artesanal

A cerveja artesanal demorou a impor-se em Lisboa, mas hoje já não vivemos sem ela. E cada vez menos gente encara o consumo como uma "moda", mas antes como uma evolução natural da nossa relação com a cerveja. Não é por acaso que cada vez mais sítios, desde restaurantes típicos portugueses a auto-intituladas tabernas asiáticas, têm pelo menos uma marca e duas ou três variedades de cerveja artesanal por onde escolher. E depois há os sítios especializados, onde as pessoas vão de propósito para beber um bom néctar de cevada. Desde restaurantes a brewpubs, bares ou lojas, estes são os melhores sítios para beber cerveja artesanal. É só escolher.

Cervejas artesanais portuguesas
Restaurantes

Cervejas artesanais portuguesas

Abra horizontes, abandone o conforto refrigerante das marcas com que cresceu e aventure-se pelo mundo da cerveja artesanal. Sem medos. Afinal, há cada vez mais e melhores cervejas em Portugal, bem como sítios onde bebê-las (em Lisboa e não só). Escolhemos dez garrafas portuguesas, de outras tantas cervejeiras, que não se vai arrepender de conhecer. Há desde referências alfacinhas como a Urraca Vendaval da Oitava Colina ou a Finisterra da Dois Corvos, a cervejas com pronúncia do norte como a Rebendita da Letra ou a deliciosa Imperial Stout da Lupum, passando pelo centro do país e a Brett Aged da Luzia. Ordenadas por teor alcoólico, para saber com o que contar.

Gin
Bares

Gin

Se agora pode chegar a chatear, dada à insistente loucura em torno desta bebida espirituosa, lembremos que foi esta moda que nos permitiu dizer adeus ao gin tónico de copo alto, com gelo até cima, gin barato ou martelado e tónica já aberta e sem gás. E nessa medida nunca serão suficientes as nossas palavras, nem os nossos artigos. Já é possível beber bom gin, e em alguma quantidade, e não acordar como se se tivesse sido atropelado. A lista que se segue dá-lhe dez sugestões de bares para beber um gin em Lisboa. Com os botânicos e sabores de que mais gosta, claro.  Recomendado: Os 50 melhores bares em Lisboa

Sangria
Noite

Sangria

É daquelas coisas impossíveis de contornar. O Verão chega, os dias pisam os calcanhares à noite e o mundo – o mundo da copofonia – , sai do trabalho directo para uma mesa com vista e bebidas geladas. Uma dessas hipóteses é a sangria, ideal para partilhar, fácil de beber e também por isso um perigo tantas vezes. Mas não é por isso que não lhe dizemos onde se bebe boa sagria. Eis três sítios para beber sangria em Lisboa. 

Sangria de saké
Restaurantes

Sangria de saké

Tradicionalmente bebe-se quente, mas as noites de Verão pedem-na geladinha. 

Mojito
Noite

Mojito

Começou por ser um xarope para os problemas respiratórios. Os cubanos decidiram desviá-lo da saúde – juntaram-lhe alegria líquida e voilá, habemus cocktail. Hoje podemos encontrá-los em quase todos os bares de Lisboa, mas estes levaram-nos directamente até à América Central.    Fã de bares? Então não vai querer perder os Bar Awards Lisboa 2017.

Mostrar mais

Para ouvir...

Jazz
Bares

Jazz

Encaremos isto como uma espécie de jukebox, mas em vez de chegarmos a um bar e metermos uma moeda no disco que queremos, pomos antes uma moeda no bar que queremos, pedimos uma bebida e esperamos que a nossa aposta corra bem ao nível da escolha musical. Isto partindo do pressuposto que não vamos às cegas, que sabemos o que queremos a invadir-nos os tímpanos e que, por muito que não seja a música que queríamos naquela altura, não andará longe. Os bares de jazz ocupam esse lugar, querer Chet Baker e levar com Miles Davis, querer Duke Ellington e levar com Coltrane. Nada mau. Assim se espera nestes que são os melhores sítios para ouvir jazz em Lisboa. Recomendado: Três sítios para ouvir reggaeton

Reggaeton
Bares

Reggaeton

Calma, não seja assim, não precisa de começar logo a dizer que odeia reggaeton e tudo mais. Nós entendemos as reservas, se tudo o que conhece é "Gasolina", percebemos a coisa. Mas entretanto o mundo deu-nos mais qualidade e uma mistura com trap latino, coisas mais indie, que promovem a festa e a dança sensual. Oiça Bad Gyal, Ms Nina, Gianluca, DrefQuila, La Goony Chonga, por aí fora. E depois vá a estes três sítios ver se apanha alguns destes artistas. 

Hip-hop
Noite

Hip-hop

Misture beat box, rap e break dance. Agora adicione um MC e um DJ. Tem a receita perfeita para uma noite de hip-hop à séria. E o melhor? Pode encontrar tudo isto em Lisboa. 

Electrónica
Noite

Electrónica

Techno, jungle, house, drumnbass ou industrial dance - tudo isto cabe dentro da música electrónica e as pistas de dança de Lisboa estão carregadas de sons do género. Escolhemos as três melhores para que saiba de onde vai querer sair com os ouvidos a zumbir. 

Mostrar mais

Para fazer mais do que só beber

Para cantar no karaoke
Noite

Para cantar no karaoke

Se ainda não conseguiu ter os seus cinco minutos de fama, eis uma bela oportunidade: há karaoke em Lisboa para todos os cantores de duche. Das grandes baladas às canções pop, dos sítios da moda aos cafés mais tradicionais, só precisa mesmo de escolher e juntar às cantorias um jantar, uma cervejinha ou um cocktail da moda.   Garantimos-lhe que há quem leve isto muito a sério, como se de um concurso de talentos se tratasse, e outros que encaram tudo na desportiva e caem nos guilty pleasures dos grandes hits (do pimba ao internacional).  Recomendado: Os novos bares em Lisboa que tem mesmo de conhecer

Para uma sessão de strip
Noite

Para uma sessão de strip

A temática é ingrata, bem sabemos. Mas é provável que tenha daquelas noites em que um copo básico não chega. Não, não estamos a falar de ideias para resolver a despedida de solteiro ou de quando o seu clube se sagra campeão. Nem mesmo de quando lhe deram a promoção que merecia há uns anos. Falamos de noites em que lhe apetece mais do que rumar a uma discoteca ou a um bar com o intuito de beber. Por isso, e porque queremos que o seu lado kinky se mantenha de boa saúde, damos-lhe três sítios para uma sessão de strip em Lisboa. Recomendado: Sítios para dançar em Lisboa de segunda-feira a domingo      

Para dançar à séria
Noite

Para dançar à séria

Este artigo é para todos aqueles que não se importam de perder as solas dos sapatos, de dançar até de madrugada e de assistir ao nascer do sol junto ao rio – e quem diz rio, diz outra coisa qualquer, o que interessa é não perder o nascer do dia depois de uma noite bem dançada. E porque não queremos que se perca na noite lisboeta, escolhemos os melhores sítios para soltar a máquina de dança que está dentro de si com a certeza de que nestas discotecas em Lisboa ouvirá sempre boa música.  Recomendado: Discotecas em Lisboa. Quando cai a madrugada na cidade

Para ver a bola
Noite

Para ver a bola

Há restaurantes em Lisboa onde o futebol tem lugar cativo no menu e muitos outros sítios para ver a bola de copo na mão. Em tempo de Mundial de Futebol, a cidade enche-se ainda de ecrãs e fanzones para ver Portugal ao ar livre.  Mas se é apreciador de outras modalidades, acompanha os campeonatos de tudo o que é nação e gosta de fazer maratonas desportivas acompanhado de uma imperial ou de um cocktail, então é nos sportsbars que deve apostar as fichas todas. Estes três estão à sua espera, de televisão ligada e muita bola a rolar.  Recomendado: Os 50 melhores bares em Lisboa

Para jogar snooker
Coisas para fazer

Para jogar snooker

Se não consegue ler um parágrafo até ao fim talvez precise de umas aulas particulares de bilhar: a prática melhora a concentração, o cálculo mental, a coordenação de movimentos e a compreensão de leis elementares da Física. Embora o jogo só tenha surgido em Portugal no reinado de D. João V (com uma mesa, datada de 1706, no Palácio Nacional de Mafra), em finais do século XVIII já tinha ultrapassado os limites da corte e dos salões da aristocracia lisboeta. Até o Ramalhete literário, descrito por Eça de Queirós, desfrutava do “ruído surdo das carambolas”, porque à época as mesas ainda não tinham bolsas para enfiar as bolas – essa foi uma inovação posterior, que chegou com o pool e o snooker – esta última variante criada nas Índias britânicas por um militar. Hoje em dia, apesar dos tempos áureos do jogo estarem já longe, continuam a existir muitos lugares onde jogar, com ou sem bolsas, com umas ou outras regras, mas sempre com entusiasmo. Aí vão seis sítios onde jogar snooker em Lisboa. Recomendado: Os novos bares em Lisboa que tem mesmo de conhecer

Para Instagramar
Noite

Para Instagramar

Uma antiga alfaiataria, os bares do famoso coleccionador Luís Pinto Coelho, uma antiga pensão de prostitutas ou um wine bar coberto de garrafas de vinho. Lisboa é linda e tem bares lindos. Estes que aqui lhe apresentamos são algumas das mais distintas casas nocturnas da cidade, sobretudo pela arte decorativa que ostentam. Ainda que estejamos conscientes de que a beleza é uma coisa subjectiva e que o estimado leitor possa ter uma opinião bem diferente da nossa. Ainda assim decidimos arriscar, até porque se não for pela beleza, vai pela qualidade do que vai encontrar dentro dos bares mais bonitos em Lisboa. Recomendado: Os 50 melhores bares de Lisboa

Mostrar mais

Para sair à noite ao domingo

Sair ao domingo
Noite

Sair ao domingo

À noite, ou até à tarde, festas temáticas ou mera aberturas de portas, estes sítios que sugerimos a seguir dão-lhe a possibilidade de sair quando por norma poucos o fazem – habitualmente sem encontrões desmedidos, filas para os lavabos ou para o bar. Dos clássicos Musicbox, Lounge ou Copenhagen, que não tiram folga, até ao Rive Rouge ou Bartô. Não fique em casa só porque a seguir vem a segunda-feira. Estes são os sítios para sair ao domingo em Lisboa. É só escolher. E talvez o dia seguinte seja menos entediante. Talvez.

Matinés ao domingo à tarde
Noite

Matinés ao domingo à tarde

O domingo já está entre nós, na sua versão menos preguiçosa, há algum tempo. É como que uma terapia que pretende distanciá-lo daquela ideia de ser a pré-segunda e aproximar da outra, aquela que defende que domingo é mais um pós-sábado e que depois segunda logo se pensa. Em Lisboa, há algumas propostas vespertinas-domingueiras, são matinés que se apoderam da tarde para nos fazer dançar e agitar os demónios acumulados durante a semana. Se quer apimentar o próximo domingo, troque o sofá e o comando da televisão por uma destas festas em Lisboa. Do B. Leza ao Rive-Rouge.

Mostrar mais

Bares para todos os gostos

Bares em rooftops
Noite

Bares em rooftops

A palavra rooftop ainda não é reconhecida pelo dicionário Priberam (a alternativa é, rosto, rotos ou rolitos), mas cada vez é mais usada no vocabulário alfacinha, com muitas sunset parties em rooftops por essa cidade fora, onde cocktails não faltam. Não revire já os olhos se já está cansado destas palavras e expressões inglesas. Encare esta lista como uma sugestão de bares em terraços em Lisboa porque no fundo é o que isto é. Seja como for, deixámos as vertigens no rés-do-chão e subimos aos terraços de hotéis, centros comerciais e parques de estacionamento para eleger os melhores bares em rooftops em Lisboa.

Bares históricos
Noite

Bares históricos

Luís Pinto Coelho morreu em 2012, mas deixou para a história da cidade quatro dos mais emblemáticos bares da noite alfacinha. Foi ele o fundador do Procópio, d'A Paródia, do Fox Trot e do Pavilhão Chinês, que decorou com peças de uma colecção de velharias e objectos que foi acumulando desde a adolescência. Os quatro bares históricos em Lisboa ainda estão a funcionar. Ao mesmo estilo, apareceu também perto da Avenida de Roma o Old Vic, com mobília vinda de Inglaterra e inspirado num bar londrino, com clientes seleccionados. O actual proprietário aprendeu a fazer cocktails em cruzeiros. Já o exótico Bora-Bora serve cocktails em copos com caras que deitam fumo desde 1982, ano em que nasceu na Alameda. No Bairro Alto, o Snob, também à porta fechada, era o escritório de políticos e jornalistas. Sobra ainda o Outro Tempo Bar e o Café de São Bento.  Em baixo, fique a saber mais sobre estes nove bares, os melhores bares históricos em Lisboa.    Recomendado: Lojas históricas em Lisboa - velhas mas boas

Bares gay
Noite

Bares gay

Os primeiros bares gays em Lisboa começaram a espreitar pela fresta do armário nos anos 60. Hoje, os dedos de duas mãos não chegam para os contar. Este é só um sinal de que a cidade está cada vez mais arejada e pronta para acolher toda a gente. De quartos escuros a bares fetichistas, sem esquecer discotecas onde se dança nu e terminando nos melhores sítios para beber um copo ao fim do dia. Para que as suas noites sejam sempre arco-íris e nunca cinzentas, preparámos-lhe uma lista com os melhores bares gay em Lisboa. Não há desculpas para não sair do armário.  Recomendado: O melhor da agenda LGBT em Lisboa

Bares com vista
Noite

Bares com vista

Este artigo não é recomendável a pessoas com vertigens. E também não é recomendável a quem não gosta de ver o pôr-do-sol com um cocktail na mão. Descanse os olhos do computador, do telemóvel e dos seus colegas de trabalho e lave as vistas num dos bares com melhor vista em Lisboa. De um bar de hotel com uma piscina épica ao parque de estacionamento mais trendy da cidade, a olhar para a ponte, a ver navios ou a olhar para o castelo, damos-lhe uma lista dos bares com a melhor vista em Lisboa.

Bares de praia
Bares

Bares de praia

Os melhores bares de praia perto de Lisboa garantem bons pratos e copos sem ter de tirar os pés da areia nem perder de vista as ondas. Aproxime-se do mar, enterre os pés na areia e faça destes bares de praia a sua sala de estar nos meses de Verão. Os melhores bares de praia perto de Lisboa vão da Ericeira à Comporta, com passagens naturais pela Linha de Cascais, Costa da Caparica, Meco e Sesimbra. Seja para uns copos de sangria ou mojitos, com ou sem DJs a compor os sunsets, estes sítos merecem a sua visita.com  Recomendado: Restaurantes de praia: comer bem a desfrutar do sol, da areia e do mar

Bares de hotel
Hotéis

Bares de hotel

De Alfama a Belém, há boas razões para explorar os hotéis que se seguem sem ter de fazer check-in. Bem recatados ou com uma vista fantástica sobre a cidade. Ideais para experimentar um cocktail ou para ser fiel a uma simples cerveja. E já sabe que se beber um copo a mais, tem sempre a opção de ficar a dormir, isto, claro, se ainda estiver capaz de fazer um check-in em condições. Quase todos têm uma bela vista e ficam nas alturas. Mas também há os mais rasteiros, interiores e que não deixam de ter uma vasta carta de cocktails mais petiscos para que não caia em fraqueza. Estes são os melhores bares de hotel em Lisboa. Recomendado: 15 restaurantes para jantar e beber um copo sem sair de lá

Mostrar mais

Guia essencial para a noite lisboeta: as nossas escolhas

Os melhores bares de vinho em Lisboa
Bares

Os melhores bares de vinho em Lisboa

Lisboa foi eleita um dos melhores destinos vínicos do ano no último número da Wine Enthusiast, revista de referência internacional no sector vitivinícola. Entre elogios à intersecção entre a “preservação do património” e a “bem-vinda mudança”, destaca-se “a posição de Lisboa ao longo do Atlântico” e as vinhas de Colares, com castas como Ramisco para “tintos saborosos” e Malvasia para “brancos salinos”. Não será de estranhar, por isso, que os bares de vinho (ou wine bars), garrafeiras e lojas da especialidade estejam cada vez mais na moda. Nesta lista, para se aconchegar ao fim do dia, reunimos os melhores bares de vinho da cidade, às vezes acompanhados de petiscos igualmente saborosos.

Os 50 melhores bares em Lisboa
Noite

Os 50 melhores bares em Lisboa

Este é o nosso guia para explorar as melhores casas nocturnas lisboetas. Dito isto, sabemos que Lisboa está cada vez mais diversa, com espaços para todas as manias, gostos e meteorologia. Há esplanadas e terraços com vistas infinitas, há bares que requerem que toque à campainha, há bares históricos cujas paredes falam, há a epidemia da cerveja artesanal, que chegou a Lisboa em boa hora. Também não faltam sítios perfeitos para estar quando a fome aperta, que servem iguarias saborosas e tardias. No fundo é pensar isto como um pijaminha de bares e provar de tudo. Estes são os 50 melhores bares em Lisboa, numerados apenas para não se perder na leitura.  Recomendado: 15 restaurantes para jantar e beber um copo sem sair de lá

Os novos bares que tem mesmo de conhecer
Noite

Os novos bares que tem mesmo de conhecer

Juntamos a sede de conhecer novidades à vontade de beber cocktails e deixamos-lhe uma lista (em constante actualização) dos novos bares que abriram em Lisboa nos últimos meses. A noite lisboeta está bem viva e a prova disso são os novos hóspedes que vão aparecendo – e ainda bem. As novidades são das mais diversas espécies, dos cocktails e seus derivados à creveja artesanal. Nesta página espere sempre isto: os bares mais frescos da cidade. Por agora, estes são os novos bares em Lisboa que tem mesmo de conhecer. E se lhe dizemos isto é porque fomos lá, experimentámos e aconselhamos vivamente. Já decidiu onde é que vai beber um copo? Recomendado: Os melhores bares de Lisboa

As melhores happy hours
Coisas para fazer

As melhores happy hours

A felicidade tem um preço – e a partir de certa hora é mais barata. Happy hour é aquela expressão estrangeira que ninguém vai enrolar a língua para dizer, ou recusar-se a compreender o conceito. Nas horas mais felizes dos lisboetas as imperiais passam a custar uma módica moedinha e os cocktails caem para metade do preço. Escolhendo bem, ainda encontra iguarias com preços reduzidos para acompanhar e esplanadas na cidade que não têm preço. Eis um roteiro dos melhores bares e esplanadas para beber um copo em Lisboa a preço de saldo. É como diziam os Jogos Santa Casa: há horas felizes. Recomendado: Os melhores bares de Lisboa  

Mostrar mais

Os melhores sítios para beber um copo: por bairro

Alcântara
Bares

Alcântara

Há capítulos que jamais se encerram, ainda que os seus actores possam já não sobreviver. Lugares como o Paradise Garage ou o Alcântara-Mar ficarão sempre na história da noite lisboeta, como espaços de culto, onde se viveram momentos que por lá ficaram. Hoje Alcântara é outra, com alguma zona residencial, uma densa rede de transportes e alguns bares de qualidade. Estes que aqui lhe sugerimos são bares com bebidas tratadas com cuidado e bom gosto, às quais juntam, quase todos, uma razoável programação musical que sempre anima as hostes. Do Rio Maravilha à Quimera Brewpub, não faltam bons motivos para ir a Alcântara à noite.  Recomendado: O melhor de Alcântara 

Alvalade
Noite

Alvalade

Não é o destino óbvio quando se fala em noite, mas em Alvalade também há vida depois das seis e aos fins-de-semana. Para tomar um aperitivo ou um digestivo, para dar volta ao bilhar grande, abanar as ancas ou a cabeça. Traçamos-lhe um mini-roteiro noctívago. Estes são os melhores bares de Alvalade.

Avenida da Liberdade
Bares

Avenida da Liberdade

Dos cocktails de autor ao gin, de um rooftop com sushi ao novo sítio da moda na cidade, conheça os melhores bares da Avenida.

Bairro Alto
Bares

Bairro Alto

São paralelas e perpendiculares. As ruas, claro, que formam o tão distinto e especial Bairro Alto, símbolo maior de uma movida, de uma agitação nocturna, que sempre caracterizou a zona. Ainda que hoje a noite lisboeta esteja mais disseminada, ocupando vários outros bairros, menos ou mais altos, da cidade. Mas o Bairro Alto insiste em ficar e ali vão abrindo espaços que o querem revitalizar, que não o querem deixar morrer. E alguns desses sítios são bares, que não precisam de ser apenas aquele shot-de-tequila-e-foge, são também bons de estar. Sugerimos sete bares no Bairro Alto que vai querer visitar ou revisitar.  Recomendado: Os melhores restaurantes do Bairro Alto

Baixa
Bares

Baixa

Do bar do CR7 onde pode acompanhar os desenvolvimentos da última polémica do jogador (ou simplesmente ver o seu último jogo) ao bar medieval onde pode beber cerveja de um corno, damos-lhe as melhores sugestões para um copo na Baixa de Lisboa Recomendado: Os melhores bares na Graça

Bica
Bares

Bica

A partir do final da tarde, é sempre a subir e a descer. Eis três sítios para beber um copo na Bica. 

Cais do Sodré
Noite

Cais do Sodré

O difícil no Cais do Sodré é decidir em que modo lhe queremos fazer uma visita. Ainda por cima, com novidades sempre a aparecer, como é o caso do novo Quiosque e do Bacchanal. Queremos ver-lhe o rosto pelo almoço, despido de universitários barulhentos? Queremos confrontá-lo já com a luz da lua, entre restaurantes mexicanos e italianos? Não. Atenção, não é que não gostemos dessa hipótese, mas a proposta que aqui lhe fazemos é outra: vá com tudo, vá mais tarde, mas vá procurar o copo para colar à sua mão. E perante essa situação, e a lista que encontra em baixo, basta escolher. Uns podem ser considerados cafés, outros discotecas. Mas afinal, na hora de beber um copo, isso não importa nada. Descubra os melhores bares no Cais do Sodré, dentro e fora das fronteiras da rua cor-de-rosa.  Recomendado: Os melhores restaurantes no Cais do Sodré

Campo de Ourique
Bares

Campo de Ourique

Bons restaurantes, boas lojas... Mas então e bares? Não há muitos, mas nós sabemos de três onde pode beber um copo em Campo de Ourique. 

Cascais
Bares

Cascais

É o fim da linha. Quer dizer, não tem de ser o seu fim, a frase anterior remete apenas para o fim da linha de comboio, estação terminal, no fundo. Chegado lá, é tentar desviar-se dos turistas e encontrar sítios para beber um copo. Bom, não tem obrigatoriamente de fazer isto, mas esta é a nossa proposta para este artigo: descobrir onde se bebem bons copos em Cascais, ou seja, seis bares em Cascais para ir beber um vinho, uma cerveja, um cocktail, ou vários, disto tudo. A lista é uma mistura de clássicos e de novos habitantes.  Recomendado: Saiba quais são os 50 melhores bares em Lisboa  

Chiado
Noite

Chiado

Não estamos aqui para enganar ninguém: se tem dificuldades em lidar com turistas e os seus paus-de-selfie, o Chiado pode ser um desafio. Mas não se deixe assustar e muito menos deixe de visitar esta zona da cidade. Afinal, o Chiado é muito mais do que isso e há tanto para ser descoberto e aproveitado. Há lojas vistosas que valem a pena e restaurantes que merecem uma visita. E há bares que, seguramente, lhe abrilhantam a noite. A lista que se segue junta os melhores bares do Chiado. Toca a beber.  Recomendado: Os 50 melhores bares em Lisboa

Graça
Noite

Graça

Lá de cima, vê-se a cidade como de nenhum outro lugar. Mas nem só de miradouros vive a Graça. Há muita coisa nova a dar nas vistas, mesmo depois do sol se pôr. Descubra os melhores bares na Graça, um bairro cheio de turistas mas que não abdica de ter vida própria.  Recomendado: Restaurantes obrigatórios na Graça

Intendente
Noite

Intendente

Quem passa pelo Largo do Intendente hoje está longe de lhe imaginar o passado. E ainda bem. A zona mudou, ganhou segurança, frescura, e os lisboetas – tal como os turistas – rapidamente fizeram do Largo um ponto de paragem. Por lá, os espaços sucedem-se: restaurantes, bares, loja de discos, de decoração, hotel, sítios para um pé de dança e, claro, a casa mãe da fábrica de cerâmica da Viúva Lamego, recuperada como a cereja no topo do bolo daquele que é, por excelência, o eixo Arte Nova da cidade. Razões não faltam para rumar à paragem mais cool da linha verde, e nós dizemos-lhe todas as que lhe servem os melhores copos. Estes são os bares no Intendente. Recomendado: Os melhores restaurantes no Intendente, nos Anjos e em Arroios

Margem Sul
Noite

Margem Sul

Um cerveja artesanal na Birraria, uma noite no Ginjal Terrasse ou um copo de vinho à lareira. Escolha o melhor programa do outro lado do rio.

Marvila
Noite

Marvila

Marvila, Marvila, maravilhosa Marvila. Longe vão os tempos em que este bairro era um deserto, uma zona deixada ao abandono, armazéns com tectos a cair por ocupar. Marvila já tem vida própria, graças a algumas pessoas que quiseram afastar-se do centro da cidade, procurar rendas mais justas, juntarem-se a pessoas honestas. Neste momento há bons restaurantes, ginásios, galerias, coworks, arte urbana e muitos espaços para se fazer coisas, para se ser criativo. Há até o Lisbon Beer District, ou seja, o sítio onde tem de estar para beber boa cerveja. Mas há mais opções nocturnas, sim, que até à noite Marvila está viva. Estes são os melhores bares em Marvila.  Recomendado: Roteiro perfeito em Marvila

Príncipe Real
Bares

Príncipe Real

É como que uma agregração de classe média-alta, engravatados, gente da cena, restaurantes caros, jardins para praticar o social dos cães ou os pequeniques quando os brunches têm fila à porta. O Príncipe Real é uma mistura e tanto. E é inevitável que por lá se situam alguns dos lugares mais interessantes da cidade ao nível da restauração e do comércio, com concept stores à fartazana e mercados ao ar-livre. Por outro lado, no campo nocturno, não há assim tantas pistas de dança – o que não faltam são bares com bons copos, preparados com carinho. Estes são os três sítios para beber um copo no Príncipe Real. 

Santos
Bares

Santos

“E se o não-sei-quantos quer ser cá da malta, tem de beber este copo até ao fim…” A música repete-se nos bares das redondezas, a menos que queira fugir dos shots a 50 cêntimos e da ressaca monstruosa do dia seguinte. Nestes bares estará a salvo. A verdade é que Santos tem bem mais do que isso. Tem um bar que era um antigo alfaiate, outro que é uma casa e até um bar de teatro. Ou seja, tem tudo e estes são os melhores bares em Santos.